"Tu vais vencer, Podes crer, Porque a nossa força é brutal. Mais de um século de histórias para contar. Sporting, tu nunca vais acabar" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

domingo, dezembro 31, 2006

Um bom ano para todos!

FELIZ 2007!

quarta-feira, dezembro 27, 2006

Sangria no plantel?

Com a liga profissional de futebol parada os jornais desportivos anunciam mexidas nas equipas, por forma a alimentar as vendas do seu "papel".

No nosso caso, apontam-se Romagnoli e João Alves como dispensáveis na reabertura do mercado em Janeiro.

Se a isso juntarmos o caso de Carlos Martins, poderemos ter um arranque de 2007 com bastantes novidades para as bandas de Alvalade.

Resta ver quem vai entrar...

Leonino

sábado, dezembro 23, 2006

Boas Festas!










A equipa de editores do Sangue LEONINO deseja a todos - e em particular, à família sportinguista - um Feliz Natal e um 2007 repleto de sucesso!

Que o título de Campeão Nacional e a Taça de Portugal venham para Alvalade, e que mais uma vez estejamos na Liga dos Campeões! Não é pedir muito, pois não?

quinta-feira, dezembro 21, 2006

Campeonato da corrupção

Pela presente faço um apelo à Liga para que os jogos do Grande Sporting arbitrados por Paixão, Benquerença Costas e afins, sejam pontuados com 4 pontos em caso de vitória!

E que vencer esses jogos é obra!

Começa com o árbitro a armar-se em MI6 ao distribuir licenças para matar aos adversários do Sporting! Eles podem entrar a matar que nada acontece!

Foi o Ávalos no Nacional, o Paulo Assunção no Tripas, o Ratinho do Beira-Mar e outros inúmeros ''soldados'' do sistema cujo difícil trabalho é mandar jogadores leoninos para o estaleiro!

E eles bem têm tentado!

Depois vem aquela comunicação social, que é um exemplo de imparcialidade!

Conseguiram vislumbrar (obrigado Coroado) uma pseudo falta de Tonel, parece-me que o Roma sai em falso e que é ele que vai ao contacto e não o contrário.Mas passam em branco os penalties por assinalar a favor do Sporting e as agressões que por vezes nem penalizadas foram!

Fazem 1001 repetições do lance do Tonel até encontrar uma velocidade e um ângulo que dê a sensação de que seria falta! Mas por outro lado não tem o mesmo esforço em destacar os lances faltosos não assinalados ao Sporting, o que já começa a ser preocupante!

Queria lembrar o lance do Luisão com o Ricardo: SE o lance do Tonel é falta, esse então é um verdadeiro atentado! No lance do Ricardo a imprensa crucificou o guarda-redes e glorificou uma vitória mais do que permissiva do Benfas da campanha ''vamos fazer do Benfas campeão nem que seja levando-o as costas''.

E depois é o Sporting que joga mal!

SE muitos iluminados vêm a público falar na maneira como tentam ''condicionar'' os seus jogadores...o que deverão dizer os jogadores leoninos?

1. Levam porrada e quanto mais melhor!
2. Se responderem à agressão ou tentarem protestar contra o ''imparcial'' levem amarelo!
3. não há meio de assinalar 1 penalty a favor mas CONTRA até com a mão vale marcar (se fosse outro clube já lá estava um DVD na Liga e na Assembleia da República).

Tendo em conta tudo isto...penso que o Sporting está a portar-se muitíssimo bem num campeonato que me parece ser uma prova de força entre o ''sistema azul'' e o ''sistema encarnado''.

Este campeonato da corrupção já mete nojo!

Força Sporting!

Saudações orgulhosamente leoninas.

Mindo

Venha o próximo!



União da Madeira, 1 - Sporting, 3

Taça de Portugal - quinta eliminatória

Árbitro: Lucílio Baptista (Setúbal)

União – Rui Marques; Alex Garcia, Micas, João Fidalgo (Hector, 63 m) e Celso; Belic, Rúben, Paiva, Rocha (Edgar, 81 m) e Edgar; Steven (Edu, 60 m).

Sporting – Tiago; Abel, Tonel, Miguel Veloso e Tello; Custódio (Paredes, 84 m); Farnerud (Romagnoli, 71 m), Nani e João Moutinho; Liedson (Yannick, 54 m) e Alecsandro.

Disciplina: cartão amarelo a João Fidalgo (38 m), Nani (78 m); cartão vermelho a Tello (90+2 m).

Marcadores: 0-1 por João Moutinho (2 m); 0-2 por Farnerud (8 m); 0-3 por Tello (40 m); 1-3 por Belic (75 m).

Leonino

quarta-feira, dezembro 20, 2006

Porque será?

Saudações LeoninasMais uma vez fora dos convocados!

Sinceramente já não sei o que dizer.

Sendo indiscutívelmente Carlos Martins um jogador valioso, julgo que neste Sporting de Paulo Bento ele não tem hipóteses, espero que esteja enganado mas pelo andar da carruagem o Matins fica na "casca" (pelo menos no Sporting).

Seria então descabido haver uma troca por troca pelo Rochemback? Afinal têm ambos o seu valor.

J_Cris.

domingo, dezembro 17, 2006

Sporting, 1 - Académica, 0



Não será possível pedir à Liga para que os jogos passem a ter só 45 minutos?

Ontem vi - nos primeiros 45 minutos - um Sporting com um futebol agradável, uma postura competitiva interessante, jogadas bem construídas...

No segundo tempo, voltou o Sporting dos últimos jogos: maçador, cinzento, sem fio de jogo, com alguns jogadores - como Nani e Tello - a persistirem em complicar lances fáceis...

Enfim, se Paulo Bento não põe esta equipa a jogar melhor futebol, com um fio de jogo onde cada um saiba o que deve fazer e onde deve estar, e se não vierem reforços de qualidade, 2007 vai ser penoso.

Valha a vitória frente a um adversário que não estacionou o autocarro frente à sua baliza e saúde-se a festa feita pelos adeptos que vieram dos vários núcleos espalhados pelo país.

Leonino

sexta-feira, dezembro 15, 2006

O caro pode ser barato

Sempre tive dúvidas sobre a saída deste SENHOR do futebol do nosso clube. Deixou sempre a ideia que foi extemporânea. Diziam que era caro. Caros são aqueles que, por pouco que recebam, pouco ou nada produzem.

Agora que se fala em mercado de inverno é bom que se tenha isto em conta. Gosto de o ver triunfar, embora ache que o verde lhe ficava melhor. E o que pensam sobre isto?

Verdão

Fez ontem 20 anos...

Uma tarde histórica para toda a imensa nação sportinguista. Sabe sempre muito bem rever estas imagens.

Ficha de Jogo:

Alvalade, 14 de Dezembro de 1986
14ª Jornada


Sporting - 7 Benfica - 1

Árbitro: Vítor Correia (Lisboa)

SPORTING

Vítor Damas; Gabriel, Venâncio, Virgilio, Fernando Mendes (Duílio); Oceano; Litos (Silvinho), Zinho, Mário Jorge; Meade, Manuel Fernandes.
Treinador: Manuel José

BENFICA

Silvino; Veloso, Dito, Oliveira e Álvaro; Shéu (Nunes); Chiquinho Carlos, Diamantino (César Brito), Carlos Manuel, Wando; Rui Águas.
Treinador: John Mortimore

Marcadores: 1-0, Mário Jorge (15m); 2-0, Manuel Fernandes (50m); 2-1, Wando (59m); 3-1, Meade (65m); 4-1, Mário Jorge (68m); 5-1, Manuel Fernandes (71m); 6-1, Manuel Fernandes (82m); 7-1 Manuel Fernandes (86m).


Leonino

quarta-feira, dezembro 13, 2006

Quem me dera ...

Roca quer voltar!


O Record merece a credibilidade que merece...ou seja nenhuma!
Mas esta noticia seria a melhor noticia para o meu Sporting.

Seria o jogador ideal! Mas um jornal que bate RECORDes a fio em TRETAtletismo...

Força Sporting!

Saudações leoninas

Mindo

sábado, dezembro 09, 2006

Bem regressado aos golos seja, Sr. Liedson!














V.Setúbal, 0 - Sporting, 3

Noite fria, bancadas despidas, jogo de sentido único, anfitriões demasiado macios e dois golos de Liedson. Assim se resume o regresso às vitórias por parte da nossa equipa.

Leonino

sexta-feira, dezembro 08, 2006

Somos um clube "diferente"

Podemos andar bastante desiludidos com os resultados recentes da nossa equipa de futebol, e até discordar do rumo que o clube está a seguir, mas cada vez tenho mais orgulho em ser Sportinguista. Para isso, basta ler isto e isto.

Leonino

Amor ao Clube

Numa altura difícil para todos os Sportinguistas, aparece uma noticia sobre Hugo Viana, um jogador que muito aprecio, e que nos dá uma grande lição. O Sporting não se limita às pessoas que lá estão, o Sporting é muito mais do que isso. O Sporting somos nos, os sócios e adeptos, que sofremos com os seus falhanços e jubilamos com os seus êxitos.

Há que olhar em frente, que melhores tempos virão. Mas, por enquanto o importante é apoiar a equipa...mas sem nos esquecer que se há lá gente que não quer realmente o melhor para o nosso Grande Sporting, temos que tratar desse assunto, e quanto mais rápido melhor. O Sporting tem que estar acima de tudo.

O texto de «Abola» citando declarações feitas por Hugo Viana à Gestifute, empresa que gere a sua carreira:

«Tenho saudades dos adeptos do Sporting, que para mim foram sempre excepcionais, como tenho saudades de algumas pessoas do clube. Se me perguntar se tenho saudades da forma como algumas pessoas me trataram no final do meu empréstimo, aí não, não tenho saudades. Mas o Sporting é muito maior do que qualquer pessoa»

Apesar do desencanto com a forma como saiu de Alvalade, e quando questionado se colocava de parte o regresso ao clube leonino, o médio foi claro: «Não. Continuo a falar com muita gente do Sporting e quero deixar claro que nunca, mas nunca, fiquei magoado com o Sporting».


É pena ele não estar em Alvalade, que são jogadores destes, que conhecem bem o que é o nosso clube que precisamos.

A mim resta-me desejar boa sorte ao Hugo, que ele consiga chegar outra vez ao alto nível a que nos habituou.

Força Sporting!
Luso

quinta-feira, dezembro 07, 2006

E agora FSF???

Quem tem lido o que escrevi sobre o Filipe Soares Franco, sabe que não o trago muito no meu coração, embora tenha de o respeitar porque é o Presidente do Grande Sporting.

MAS queria relembrar que a razão principal por não gostar dele deve-se ao facto dele ser um vira-casacas ou um cambalhotas se quizerem.

Já muitas vezes alterou o seu discurso e penso que este é o momento para reflectir sobre o caminho que o Sporting tomou. Nani, João Moutinho e outros Miguel Veloso são frutos de uma politica já bem estabelecida no Sporting por isso a pergunta é de saber o que o FSF soube trazer ao Clube?

No meu ver ... nada, niepas, tote hose. A 'unica coisa que vejo é que a venda de património vai mesmo avançar, o FSF tinha prometido que dinheiro seria investido na equipa principal, porque sem ela ... não há nota!

Tenho a certeza que o mercado de inverno será decisivo para o Sporting Clube de Portugal e gosto de relembrar a época 99/00. Carlos Bueno, Alecsandro e outros Paredes não têm lugar neste Sporting, precisamos de um patrão para o nosso meio campo, como o foi o Rochemback (por exemplo) e precisamos de um matador de verdade e não de outro Bueno ou Koke que marcam um golo por época! Imaginem que até sinto saudades do Pinilla!

O resto seguirá ... com naturalidade! Temos uma excelente orchestra, mas falta-nos o maestro para a dirigir dentro de campo.

Admiro a vontade e o querer do Liedson ao ajudar a equipa a defender sempre que pode, mas gostaria que voltasse a fazer o que faz melhor...MARCAR! E para marcar tem de estar na area! Se ele centra ... que é que marca? O Jardel andava a pastar e o Sporting jogava 80 minutos a 10, mas no 10 minutos que ele tinha a bola ... marcava!

Vamos a tempo de imendar, com um plantel equilibrado teriamos marcado ao Inter, ao Bayern ou até vencido o Dinamo e hoje mais nota estaria a entrar nos coffres!

O Sporting foi feito para os sócios...não para os acionistas!

Saudações leoninas

quarta-feira, dezembro 06, 2006

Caros,

A janela de comentários parece a Bancada Central de há uns meses... Balbúrdia, narigudos e mal-criados. Não há palavras para esses espertalhões que aqui vêm dizer asneirada. Do estilo: "vocês não valem nada e tanto é que me pélo todo para vos moer o juízo, e perco para aqui meia-hora do meu tempo a ler-vos e a escrever". Oh, por favor. Ide ser carroceiros para outro lado, é o que me apraz dizer.
Quanto a nós, a quem interessa realmente o state of affairs do Sporting, penso que já podemos descansar as malhas e seguir em frente. Melhor que venha a merda toda de uma vez, em catadupa, para respirarmos fundo e esquecer mais uma semana de pesadelo (prefiro-as assim, pesadas, que andar a arrastar os prenúncios de desgraça).
Já discuti, já vociferei, já me desesperei e penso que não vale mais a pena insistir nisto. Afinal, o Bento não é o mais maduro e experiente dos treinadores, apesar de nos ter enganado bem nalguns momentos bons da equipa. Acontece, e é o clube que temos, sem dinheiro, às vezes sem cabeça, é o clube que amamos também. Portanto, só me ocorre ir comprar a gamebox para a segunda volta e desejar que uma epifania caia sobre os nossos jogadores. Uma epifania do género: embora jogar?

Com estima,
Gia

Agora a sério (em dez pontos)

1.A equipa é muito o espelho de um certo Portugal. Chica-esperta. Quando é preciso tomar a inciativa, numa estrutura organizada e com objectivos bem precisos, falha.

2.Parece-me óbvio e evidente que os treinos são pura perca de tempo. Nenhum dos rapazes tem noção do espaço em campo e muito menos do espaço dos colegas. Há uma espécie de fezada de que as coisas vão acabar por correr bem, com um auto-golo ou um golo de ressalto. Por isso os treinos devem ser umas corridinhas e peladinhas. Nada de processos de jogo - ofensivos ou defensivos.

3.Os rapazes e a equipa técnica não percebem bem como o seu sistema é facilmente contrariável. Ou seja, basta colocar um ou dois adversários nos sítios certos, para bloquear o Sporting.

4.O nosso treinador parece um soviético do antigamente. Irredutível nos seus princípios, não tem planos B, C e D que lhe permitam dar a volta ao texto, sempre que é necessário.

5. Não somos, de maniera nenhuma, uma equipa que entra em campo para vencer; mas sim uma equipa que entra em campo para não sofrer golos e quem tem fezada que vai marcar um golito. Uma espécie de Boavista macio.

6. Não somos, de facto não somos, um clube onde os jogadores queiram ficar. Somos uma placa giratória - Liedson e Nani por exemplo estão fartos de jogar pelo Sporting. E Djaló renderá muito mais num clube maior, porque se vai concentrar mais e ser mais ambicioso.

7. Qualquer cromo consegue ser titular da nossa equipa. Quando assim é, a lei do menor esforço, será a lei.

8. Como o nosso campeonato é uma anedota, ficaremos em segundo (60% de hipóteses) ou tercerto (35%). Deixo 5% para o Braga nos comer.

9. Para o ano, mais do mesmo. Mais e novos putos, mais sul-americanos da treta, Ricardo e Miguel Garcia.

10.Ainda assim, serei do Sporting até morrer!

PBM

Para os leõezinhos! Haja fé!

IF

If you can keep your head when all about you

Are losing theirs and blaming it on you,
If you can trust yourself when all men doubt you

But make allowance for their doubting too,
If you can wait and not be tired by waiting,
Or being lied about, don't deal in lies,Or being hated, don't give way to hating,
And yet don't look too good, nor talk too wise:

If you can dream--and not make dreams your master,
If you can think--and not make thoughts your aim;
If you can meet with Triumph and DisasterAnd treat those two impostors just the same
;
If you can bear to hear the truth you've spoken
Twisted by knaves to make a trap for fools,
Or watch the things you gave your life to, broken,
And stoop and build 'em up with worn-out tools:

If you can make one heap of all your winnings
And risk it all on one turn of pitch-and-toss,
And lose, and start again at your beginningsAnd never breath a word about your loss;
If you can force your heart and nerve and sinew
To serve your turn long after they are gone,
And so hold on when there is nothing in you
Except the Will which says to them: "Hold on!"

If you can talk with crowds and keep your virtue,
Or walk with kings--nor lose the common touch,
If neither foes nor loving friends can hurt you;
If all men count with you, but none too much,
If you can fill the unforgiving minute
With sixty seconds' worth of distance run,
Yours is the Earth and everything that's in it,
And--which is more--you'll be a Man, my son!
--Rudyard Kipling

PORQUE SER DO SPORTING NÃO E SÓ SABER GRITAR VITÓRIA, SER DO SPORTING E VIVER E SOFRER COM O CLUBE!
FORCA RAPAZES!

Saudações leoninas
Mindo

terça-feira, dezembro 05, 2006

Crise? Qual crise?



01/12/06: Sporting, 0 - Benfica, 2
05/12/06: Sporting, 1 - Spartak, 3


Crise? Qual crise? Deve ser mesmo só má-vontade de uns quantos - nos quais me incluo - que aqui gostam de escrever e comentar, e que passam a vida a ser arautos da desgraça...

É que na realidade está tudo bem, cada vez jogamos melhor e os resultados positivos acumulam-se. Só não vê quem não quer!

Não me vou deter em grandes apreciações, até porque ao ver esta noite o Sporting fazer a única coisa que não podia, ou seja perder com uma equipa que está em final de época no seu país, nem me merece comentários.

Fico é cada vez mais preocupado com a gritante incompetência para criar lances de perigo. Será que ninguém da equipa técnica vê isso? Será que o senhor Paulo Bento vai continuar a insistir na estafada táctica do "losango"? Será que ainda não é desta que vai deixar de afunilar jogo e passar a jogar pelas alas, para alargar jogo? Se a isso juntarmos a gritante insegurança defensiva, meu Deus, que podemos nós dizer?

E pensar que o velho e "famoso" Natal se está aproximar...

Leonino

Em casa de ferreiros... espeto de pau!
















Ao ler este artigo permito-me publicar um mail que o nosso amigo Mindo me enviou:

Fui surpreendido esta semana com a noticia que mais temia ouvir me toda a minha vida. Confesso que sendo pai há dois anos estou mentalmente preparado praticamente para tudo; o flagelo da droga; os gangs ... Etc.
Mas o que eu mais temia aconteceu o meu filho. Olhou-me nos olhos e disse-me: "xou do Benfica".
Naquele momento tudo parou para mim (qual experiência de morte). Vi a minha alma a sair do meu corpo e dei por mim a flutuar
No tecto da sala olhando de cima para mim e para o meu filho, vi o longo túnel com a luz ao fundo, mas, de repente fui sugado novamente para dentro de mim próprio. Nessa noite não dormi a pensar No que terei falhado ou feito para merecer tal castigo. Com o passar das horas fui-me habituando à ideia. Até porque existem pelo menos quatro semelhanças entre o meu filho de dois anos e o benfica:

1- O meu filho gosta de ser levado ao colo.
2- O meu filho não sabe jogar futebol.
3- O meu filho tem quem resolva por ele os seus problemas.
4- O meu filho não tem dinheiro mas tem tudo "do bom e do melhor".


Leonino

segunda-feira, dezembro 04, 2006

6 conclusões que já se podem tirar desta época

1. Carlos Martins jamais será o jogador que julgávamos que poderia ser. Pelo menos com a camisola do Sporting. Em breve, irá para o estrangeiro, para um clube de segunda e aí ficará. A não ser que o FC Porto lhe pegue um dia.

2. Paulo Bento não é um treinador de Hora H. Ou seja, não é nenhum Mourinho, nem perto disso. Na hora da verdade, quando é preciso demonstrar que é mesmo bom, ele falha.

3. Neste esquema táctico, mais vale vender Liedson.

4. Não ter extremos num plantel, em qualquer plantel, é um erro.

5. João Moutinho tem de ser mais egoísta. Ao ser cem por cento solidário com os colegas e com o treinador, qualquer dia está a cortar a relva do campo nos dias de folga e a servir cafezinhos aos presidente. Deus manda ser bom, mas não manda ser estúpido.

6. Paulo Bento tem sido alarvemente protegido pela imprensa. E isso tem-nos custado caro. Provavelmente é mais e melhor líder que Jesualdo e Fernando Santos, mas tacticamente é o pior dos três.

PBM

sábado, dezembro 02, 2006

Noite para esquecer

Ontem foi mais uma daquelas noites para esquecer. Quem viu o Bayern viu o jogo de ontem. Aliás este fracasso já há muito que era anunciado. A equipa vem jogando em perda há uma série de jogos. E quem viu como jogamos tão mal contra a Naval já adivinhava isto.

Neste momento esta é uma equipa impotente e frouxa. E quando sofre um golo dificilmente recupera. E para ir directo ao assunto dou as minhas notas:Ricardo: O 1º golo até o defendia de cabeça. E se tivesse bem colocado e não andasse aos papéis como é habitual a bola ia ter com ele.

Miguel Garcia: Não é jogador para o Sporting. Não tem lugar em muitas equipas da 1ª Liga sequer.

Tonel: Não foi por ele que perdemos. Jogou o que sabia e os avançados do slb não o deixaram subir como era preciso.

Polga: Atacou mal a bola no lance do golo. Apesar disso não se deixou afectar e fez um jogo razoável.Tello: O jogador em melhor forma da equipa. O único que procurou a linha em vez de despejar as bolas do meio campo para a área.

Custódio: Futebol muito curto para as necessidades da equipa. Ainda por cima defendeu mal (o lance do 2º golo é de gritos) e não passa da linha de meio campo nem faz um passe a mais de 10 metros. Um jogador a menos.

Moutinho: Só falta marcar os cantos e ir jogar a bola de cabeça. Espremido como uma laranja passa por um momento de menor fulgor mas deixa o que tem em campo.

Nani: Uma das vacas sagradas de PB. Esteja onde esteja a cabeça dele (no campo não é…) joga sempre, isto é, faz parte da equipa titular. Até dói vê-lo jogar tão mal. Não defende (isso dá muito trabalho e não dá louros) nem produz nada que se veja. Perde bolas sem fim e continua assobiando. Ninguém da equipa técnica fala com ele?

Romagnoli: Não parece ser o jogador que é preciso para número 10 mas ontem foi o único que tentou, no meio-campo, fazer outro tipo de jogo que não fosse despejar bolas para a área. É pedir mt a um jogador que não joga há muito e que entre e seja preponderante. Quando saiu ao intervalo a equipa foi pior, mt pior.

Liedson: É difícil ser avançado nesta equipa que não consegue fazer chegar a bola em condições aos seus pés ou cabeças. Ainda por cima se eles estiverem em notável má forma. Mais uma das vacas sagradas de PB.

Bueno: Só de nome. Voltem os Pinillas os Motas os Kockes e todos os outros que me fizeram desesperar.

Carlos Martins: Desengane-se quem faz dele um grande jogador. Eu não lhe renovava o contrato e o clube não vai ter retorno nem de 10% do dinheiro que investiu na sua formação. Um Litos II, só que com muito menos capacidade técnica.

Yanick: Há muitos jogadores como ele até na 2ª liga. Não sei o que é ele tem que não tenha o Varela p. ex. Outro jogador a menos na 2ª parte.

Alecsandro: Deve-lhe ter apetecido dizer ao PB: olha agora vai para lá tu. Poderá não ser um portento mas 3ª opção para o ataque??? Gostava de o ver 3 jogos seguidos no lugar do Liedson só para tirar umas dúvidas.

Paulo Bento: Estamos-lhe a pagar a licenciatura e isso tem um preço elevado.

Verdão

Erros de arbitragem?

Erros de arbitragem? Mas o Paulo Bento disse que não houve casos! Eu cada vez percebo menos este aborto. Já o ano passado no jogo com os andrades tambem veio dizer que tinham sido a melhor equipa em campo que até o Bosta da Costa o elogiou. Agora é isto?

Ainda não percebi qual é o fito dele mas que aqui há gato há.

Depois não percebo porque é que todas as semanas temos uma nova equipa. Voltámos ao mesmo sistema que o 'pseudo' na altura resolveu implementar na equipa? É isto que ele chama 'gestão do plantel'?

Tenho a impressão que naquele balneário vai muita confusão. Não me parece que seja assim que se consegue coesão na equipa. Há jogadores que fazem alguma diferença num jogo e no jogo seguinte já não fazem parte da equipa inicial.

Por exemplo: o jogador que marcou o golo no jogo anterior já não jogou nesta partida e que falta que fez para marcar livres. Alguem percebe isto?

O Miguel Veloso fez alguma asneira para não ser metido na equipa? O Miguel Garcia tem lugar numa equipa como a do SPORTING? Como equipa de merda, parece que sim.

Ao principio este treinador até parecia o indicado para o lugar mas agora, com as mudanças constantes de jogadores, já tenho dúvidas.

Alguem viu um tipo que o SPORTING tem na frente chamado Liedson? O tal que 'resolve' não jogar? Já não é altura de o colocar de parte para puder reflectir na sua incapacidade em marcar golos? Alguem reparou que todas as vezes que o tipo disputou a bola o fez sempre em falta?

Finalmente pergunto: ninguem na SAD faz saber ao sr. Paulo Bento que ou as coisas mudam ou vai com as trouxas? E neste caso não venham dizer que é por falta de jogadores que o SPORTING não obtem resultados porque foi o sr. treinador que disse que 'tinha a equipa que queria'. Portanto se tem o que queria e os resultados não aparecem então a culpa é dele que não sabe o que lá anda a fazer.

JC

Mas que raio é isto?











Paulo Bento, ao analisar o jogo, fez esta afirmação:

«A derrota por um golo seria mais justa»

E agora, pergunto eu: mas que raio é isto? Um treinador do Sporting fica mais 'consolado' se perder em casa com os lampiões por 1-0 do que por dois? Mas isso é que é o mais importante ou será que não se deve antes preocupar em identificar as causas da exibição cinzenta dos jogadores que comanda?

É um facto que o dinheiro não abunda, e por isso temos que viver com aquilo que podemos - incluíndo nisso um treinador em formação - , mas a verdade é que estes mesmos jogadores que compõem o nosso actual plantel já foram capazes de fazer bons jogos e boas exibições!

Por isso, senhor Paulo Bento, deixe-se de tretas e preocupe-se com o importante! Faça o favor de voltar a pôr estes meninos a jogar bom futebol e a ganhar jogos.

Nota: parece que está encontrado o sucessor de Paulo Bento, quando este - um dia - deixar o comando da nossa equipa. Rui Jorge será apresentado na segunda-feira como treinador da equipa de juniores do Sporting, substituindo Luís Martins que assume o comando do Portimonense. O lobby Carlos Freitas, Pedro Barbosa e Paulo Bento está em grande forma!

Leonino

sexta-feira, dezembro 01, 2006

Sporting, 0 - Benfica, 2



O descalabro desta noite leva-me a pensar que não temos uma equipa com a qualidade que inicialmente pensámos ter. A verdade é essa. E para essa ilusão muito contribuiu a vitoriosa pré-época realizada e aquele magnífico triunfo frente ao Inter.

Esta noite perdemos, e perdemos bem. Para admitir isto - eu que não gosto de perder com os lampiões nem em ténis de mesa - é porque venho de Alvalade profundamente decepcionado com a nossa equipa, a qual não jogou um "caracol".

Estar a perder por 0-1 logo aos 2 minutos, para mim não é desculpa. Prefiro estar a perder aos 2 minutos, tendo ainda 88 minutos + descontos para recuperar, do que estar a perder aos 89 minutos. É tudo uma questão de atitude e de serenidade. E isso não vi nos nossos jogadores. Nem no nosso banco. E nem aquela grande penalidade não assinalada - por clara falta cometida sobre Miguel Garcia - quando perdíamos por 0-1, pode servir de atenuante.



Aliás, gostava de perguntar a Paulo Bento porque motivo optou por colocar no onze inicial Carlos Bueno, Romagnoli e Nani. Será que ainda não está convencido da falta de qualidade dos 2 primeiros e do abaixamento de forma de Nani?

Por que motivo o rapaz das chuteiras amarelas caiu tanto de rendimento após fazer um punhado de boas exibições no início da época? Deslumbrou-se com os elogios ou não tem estofo para resistir ao deslumbramento?

Por que motivo não tem lugar na equipa um belíssimo jogador como Miguel Veloso?

Qual a principal razão para que os nossos putos-maravilha, Moutinho e Djaló, estejam um furos abaixo daquilo que mostraram no arranque da época?

Ainda há desculpas possíveis para o sub-rendimento de Liedson?

Por que motivo se insiste em jogar para o lado e para trás, complicando os lances em vez de os simplificar?

Por que razão não se joga pelas alas e não se aproveitaram jogadores rapidíssimos como Douala e Wender? As saudades que eu tenho de ver jogar o meu clube à imagem do Sporting de 1982, comandado por Malcolm Allison... Jogavam bem e depressa, e eram na sua maioria jogadores portugueses (Jordão, Oliveira, Carlos Xavier, Manuel Fernandes, Mário Jorge, etc, etc).

Posso estar muito enganado mas se não formos às "compras" em Janeiro e se não optarmos por nos ver livres de uns quantos "enganos", esta época pode vir a ser muito penosa...

Leonino

Onde andas????

A ouvir o relato do Sporting-Benfica, só consigo fazer esta simples pergunta.

Com quase 60 minutos jogados.

AONDE ANDAS SPORTING???

Pedro

Hoje é dia de Sporting-Benfica!



Por muito que alguns tentem menosprezar este grande Clássico - aliás, não sei quem teve a infeliz ideia de começar a falar do derby da Segunda Circular, para o desvalorizar - e por muito que tentem meter no "meio" de tudo isto o FC Porto, a verdade é que um Sporting-Benfica é, e será sempre, o grande jogo do futebol português.

Não há volta a dar. A rivalidade entre estes dois Grandes clubes nacionais não tem paralelo com nenhuma outra no nosso país, e até por isso recomendo a leitura deste artigo de O JOGO, curiosamente um jornal tido como próximo do FC Porto.

Leonino