"Tu vais vencer, Podes crer, Porque a nossa força é brutal. Mais de um século de histórias para contar. Sporting, tu nunca vais acabar" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

sábado, fevereiro 28, 2009

Haja bom-senso!



Se o senhor Paulo Bento admira e gosta assim tanto dos adeptos do Benfica mencionando-os como referência, e depois da vergonhosa derrota com o Bayern crê que o problema está nos sócios leoninos e não no seu grupo de trabalho, tendo o desplante de nos aconselhar a fazermos nos próximos jogos em Alvalade o que o público benfiquista fez ontem na Luz, então tem bom remédio: andar uns metros na Segunda Circular e entregar a sua ficha de candidatura no estádio do clube do seu coração!

Tenha vergonha na cara!

Muito temos nós aturado...


Leonino

Depois do pesadelo alemão um clássico demasiado monótono...



FC Porto, 0 - Sporting, 0

Estádio do Dragão, no Porto
Árbitro: João Ferreira (Setúbal), auxiliado por Luís Ramos e Pais António

FC PORTO - Helton; Pedro Emanuel, Rolando, Bruno Alves e Cissokho; Lucho González, Fernando e Raul Meireles; Hulk, Lisandro e Rodríguez.

Treinador: Jesualdo Ferreira.

Suplentes: Nuno, Stepanov, Tomás Costa, Andrés Madrid, Farías, Mariano e Tarik Sektioui.

SPORTING - Tiago; Pedro Silva, Carriço, Polga e Grimi(Caneira); Pereirinha, Moutinho, Rochemback(Adrien)e Izmailov (Djaló); Derlei e Liedson.

Treinador: Paulo Bento.

Suplentes não utilizados: Ricardo Batista, Tonel, Romagnoli e Tiuí.


Leonino

sexta-feira, fevereiro 27, 2009

Algo vai mal!

Não queria acreditar no que ouvi agora mesmo na TVI da boca do Paulo Bento em relação a Miguel Veloso), disse ele:

Eu não sabia! alguns de vocês já me viram hoje de manha pois eu costumo parar aqui num cafezinho na Atalaia e quando abri o jornal vi que o Veloso não estava em condições para o Dragão quando ontem tinha feito o treino na sua totalidade. Cheguei á Academia perguntei ao Dr: se era verdade e ele confirmou! e mais não disse.

Será possível que a comunicação social sabe primeiro do que vai dentro do nosso clube do que o nosso treinador?

Estamos em altura de união e se nós os adeptos fazemos de tudo para estar-mos juntos com a equipa numa fase essencial do Campeonato, é triste ver que de dentro do clube parece que algo não funciona da mesma maneira.
Video (Minuto 02.53)



===============================================================

Um á parte, em relação a novo treinador, quer seja este ou aquele, a minha modesta opinião é que treinadores á muitos, jogadores também, presidentes também se arranjam mas meus amigos SPORTING CLUBE DE PORTUGAL há só um! quantos de vós não se lembram de por exp: Douglas, Cascavél, Rouquette, Santana Lopes, Inácio ou Manuel José todos eles representaram o nosso clube entraram e saíram uns a bem outros a mal mas o nome do SCP ficou sempre, isto para dizer que muitos mais iram fazer o mesmo mas cabe a nós adeptos que sofre-mos, chora-mos, (e senti-mos aquela vontade de depois de perder 0-5 não aparecer no trabalho pois já sabe-mos os comentários que vamos ouvir ) manter unida esta família que é única, nós sabemos estar sempre juntos mesmo quando o ambiente não é o melhor!

O meu bem haja a todos os que vão estar no Dragão amanha pois eu não posso.

Por um Sporting Unido, viva o Sporting!

The Best One

Deixem-me sonhar!!!




















Há mais de duas décadas José Torres “O bom gigante” proferiu uma frase que ficaria nos anais da história.
Em Outubro de 1985 Portugal precisava de ganhar em Estugarda para se qualificar para o Mundial. Na altura todos duvidavam da capacidade da nossa selecção para ganhar à vice campeã mundial em titulo.
Muito acossado pela crítica o então seleccionador nacional saiu-se com esta frase: “Deixem-me sonhar”. Foi interpretada pela maioria da imprensa como lírica e até mereceu bastantes remoques.
Contudo, poucos dias depois um golão de Carlos Manuel colocaria a selecção portuguesa num mundial pela segunda vez.
A união, força e determinação viraram palavra de ordem e o sonho tornou-se real.

Mais de 20 anos passados sou eu que peço que não destruam a capacidade de sonho que trazem dentro de vós.
Muitas vezes quando estamos quase KO surgem as mais brilhantes reviravoltas que alguma vez tiveram a possibilidade de assistir. Num gesto acrobático sem precedentes conseguimos dar uma cambalhota e reverter o jogo a nosso favor.
Por vezes nos momentos mais difíceis ressalta o espírito de união e perseverança que levam há escrita das mais belas páginas desportivas.
O momento é delicado mas todos juntos podemos fazer das fraquezas forças e conseguir um resultado que nos permita olhar o futuro com optimismo e esperança de alcançar nobres feitos. O poema ensina-nos que é preciso acreditar, mas devemos acreditar sempre, porque esta é uma premissa que nos deve acompanhar até ao fim da vida.

Alguns podem pensar que estou a sonhar alto ou a pedir o céu, outros talvez pensem que tenho algum lirismo. Por fim, alguns que já perderam a capacidade de sonhar, devem estar a invectivar-me com todos os adjectivos possíveis e imaginários.
Podem descarregar toda a vossa frustração em cima de mim com uma condição “Sine Qua Non”. Desde que amanhã consigam fazer uma grande corrente de união entre todos os sportinguistas canalizando toda a vossa energia para os 11 guerreiros que vão entrar em campo. Pois recuso-me a acreditar que haja um único sportinguista que não queira participar nesta tremenda cadeia de energia positiva.

Reconheço que a realidade é dura, mas o objectivo pode ficar mais próximo com a obtenção de uma vitória. Este resultado abriria uma janela de oportunidade que de certeza nunca mais se fecharia até final do campeonato. O sonho não se tornaria tão utópico e até poderia ser concretizável.
A capacidade para tal existe e já ficou demonstrada, assim haja entrega, garra e arreganho.
Amanhã os jogadores darão todo o seu esforço e dedicação enquanto os adeptos darão toda a sua dedicação e juntos conseguiremos alcançar a glória.


O MUNDO SABE QUE
PELO TEU AMOR EU SOU DOENTE
FAREI O MEU MELHOR
PARA TE VER SEMPRE NA FRENTE
IREI ONDE O CORAÇÃO ME LEVAR
E SEM RECEIO
FAREI O QUE PUDER
PELO MEU SPORTING



Verde CDV

quinta-feira, fevereiro 26, 2009

Jesus merece algo mais



Ponto prévio: apesar de estar convicto que o ciclo de Paulo Bento no Sporting está a caducar, mantenho que deve ficar ao comando da equipa até final da corrente época.

Porque não sou ingrato quero agradecer-lhe ter conseguido com grandes limites orçamentais a conquista de duas supertaças, duas taças de Portugal, três presenças na Champions e ainda o lançamento de vários jovens na primeira equipa. Por outro lado, creio que também Paulo Bento estará grato ao clube por este ter apostado nele e por ter projectado a sua ainda jovem carreira.

No entanto, o futuro não espera, não se compadece com hesitações, pelo que há muito defendo que se deve ponderar a hipótese de contratar Jorge Jesus e dar-lhe assim uma oportunidade num dos Grandes do desporto português.

Para além de ter mais de cinquenta anos de sócio leonino, Jesus tem provado ser actualmente o técnico mais competente do futebol português: estuda bem os adversários, descobre bons jogadores, é tacticamente sagaz, prepara bem as suas equipas, é disciplinador - algo que me foi confirmado por quem já foi treinado por ele - e adora bom futebol.

Não pode ser mera coincidência que tenha preparado os alicerces para se ver uma União de Leiria a lutar por lugares europeus, que tenha dado ao Belenenses um lugar na final do Jamor - após 19 anos desde a última presença na final da Taça - que tenha dado aos azuis um lugar nas competições da UEFA, onde por exemplo jogou de igual para igual com o Bayern, e que esteja a fazer deste Sporting de Braga um caso sério na Taça UEFA e a melhor equipa a praticar futebol em Portugal.

Como consta que também o FC Porto anda atento, que o actual presidente do Sp. Braga é um ferrenho portista com boas relações com Pinto da Costa, e como sabemos que nestas coisas o clube da cidade do Porto não perdoa, será aconselhável que os responsáveis leoninos dêem 'corda aos sapatos' e saibam ser diligentes a preparar a (quase) anunciada sucessão de Paulo Bento.

A título de curiosidade aqui ficam alguns dados sobre Jorge Jesus:

Jorge Fernando Pinheiro de Jesus nasceu na Amadora, em 24 de Julho de 1954. Como jogador representou, entre outros, o Belenenses e o Sporting.

Já enquanto treinador passou pelos seguintes clubes:

1989-1993 Amora
1993-1998 Felgueiras
1999-2000 Est. Amadora
2000-2002 Vit. Setúbal
2002-2003 Est. Amadora
2003-2004 Vit. Guimarães
2004-2005 Moreirense
2005-2006 U. Leiria
2006-2008 Belenenses
2008- Braga

Não estará na altura de lhe ser concedida uma oportunidade no clube do coração?

Leonino

quarta-feira, fevereiro 25, 2009

Demasiada areia para tão pequena camioneta...



Sporting, 0 - Bayern, 5

Da noite de pesadelo que acabo de vivenciar em Alvalade, culminada na maior derrota caseira de sempre do nosso clube em provas europeias, onde Paulo Bento cometeu uma série de equívocos e onde os jogadores infelizmente quase conseguiram fazer esquecer a brilhante vitória de sábado, resumo tudo a esta frase de Polga após o final:

"Temos de ter vergonha na cara e trabalhar ainda mais, até porque temos pela frente um jogo dificílimo (sábado, frente ao FC Porto, no Dragão, para a 20ª ronda da Liga)"

Não diria mais... nem melhor!

Leonino

terça-feira, fevereiro 24, 2009

Todos convocados!



Paulo Bento chamou todos os jogadores disponíveis para o jogo contra o Bayern de Munique, amanhã, em Alvalade. Apenas, não continua a contar por lesão com Rui Patrício, Miguel Veloso, Adrien e Hélder Postiga, este último lesionado no derby do passado sábado.

A equipa pede casa cheia para este difícil encontro frente ao Bayern, uma grande equipa a nível europeu, estando segundo foi revelado, 32 mil bilhetes vendidos. Será bastante importante que ainda se consiga ter mais uns milhares de adeptos a apoiar o Sporting, pois será muito encorajador para a equipa ter o maior e - como é hábito - o melhor apoio possível!

Espero que possamos ter mais uma 'noite mágica' em Alvalade, com uma vitória e uma grande festa sportinguista no jogo de amanhã. Acreditar que vamos consegui-lo, tem de estar na mente de todos os que defendem este clube!

Lion King

segunda-feira, fevereiro 23, 2009

Paragem obrigatória: Alvalade!



A categórica vitória frente ao Salgueiros de Lisboa já lá vai pelo que agora temos que concentrar forças e energias no embate de quarta-feira, perante o gigante Bayern.

Desde o sorteio que afirmo - e mantenho - que temos futebol para eliminar estes alemães, mais a mais atendendo a que nas últimas 3 épocas tiveram dificuldades tremendas quando jogaram com equipas portuguesas (Sporting, Belenenses e Braga), pelo que sportinguista que se preze só pode ter uma paragem obrigatória daqui a dois dias: Alvalade!

Correspondamos aos mais variados apelos que têm sido feitos à imensa nação leonina e transformemos o nosso estádio num inferno para estes bávaros que esta semana nos visitam!

A equipa precisa de TODOS nós!!!!!


Leonino

domingo, fevereiro 22, 2009

SLB = Só Liedson Basta

Para dizer a verdade, estava estremamente confiante na vitória leonina e isso por várias razões:

  1. O Sporting estava pior que o benfas na tabela classificativa (ao contrário da primeira volta e já se sabe que nos derbies ou clássicos costuma ser o pior classificado a vencer);
  2. O Liedson estava na lista do convocados e o Luisão também;
  3. O jogo era sábado! Sim sabado! Porque: SLB = Sabado Levamos Baile
Afinal tive a confirmação e a vitória só pecou por escassa. O Sporting partiu para a vitória a partir do momento em que conseguiu adaptar o seu jogo à batuta do maestro encarnado o Ordinário Benfascrença.

O que do outro lado do campo era um choque ''normal'' é penalty na area leonina, o que é mão no outro lado do campo não é penalty na area lampionesca ... aínda hoje tenho algumas dificulades a saber quais vão ser as regras do jogo que serão aplicadas aos jogos do Sporting.

Ontém o Luisão fez um atraso ''involuntário'' ao guarda-redes (porque foi um corte mal feito) mas nas Antas o mesmo valeu um livre indirecto na pequena area.

O Maxi levanta o cotovelo à altura do ombro e não é penalty, nem é segundo amarelo e expulsão nem nada. Cada mergulho de Aimar dava livre, mas era proíbido apitar faltas à volta dos 16 metros lampionescos...poderia ser perigoso para o Glórigozo!

Já sei que alguns devem estar a pensar: Porque é que este gajo não fala de futebol em vez de falar de colinho ao benfas ou ao tripas já que há mais de 30 anos que é o caso e que ninguém já se importa?

Pois bem falamos de futebol, mas neste caso só posso falar da única équipa em campo que jogou à bola...o Sporting!

E neste caso devo admitir que fiquei bastante desiludido com a nossa equipa! O jogo de ontém voltou a demonstrar que sabemos ser uma Grande equipa de futebol e que sabemos practicar um excelente futebol ofensivo! Pois bem ... aonde ficou essa equipa frente ao Braga?

A garra leonina foi tanta que até me parecia ver 11 Sá Pintos em campo! Aonde em outros jogos via a equipa sem grande fulgor ofensivo!

Gostaria de dar uma mensagem de apreço ao David Luiz, o homem não tem culpa! Joga num clube aonde os jornais fazem de um tosco qualquer uma vedeta galáctica que o mundo inteiro morre de inveja de ver no seu onze! Como o Freddy Adu ou outros Zorro.
Acontece ao David Luiz o que aconteceu à Maria Joana (João Pereira) a verdade acaba sempre por vir a cima e o David Luiz é um bom jogador para jogar na Liga Vitalis e lutar para não descer por isso tem um grande futurono benfas!

Quando a mama acabar, serão jogadores como ele que permetirão ao glórigozo vencer nas districtais sem ajudas da arbitragem!

Outra palavrinha para o Di Maria, ele só foi escolhido porque o nome dele evoca boas lembranças à nação lampionesca! Quem não se lembra das garafas 3 Marias? Ontém estavam lá elas à alinhar pelo benfas! A Maria Amélia, a Di Maria e no fim a Ave Maria (não há erro! E mesmo ave e no avé!).

Gostei também da actuação dos comentadores da SportTv! Quando estes realizaram que já não havia hipotese, lá se entusiasmavam com o chuveirinho do benfas que poderia eventualmente originar um erro na defesa leonina ou um livre ou um penalty...porra que desse alguma coisa para poder fazer acreditar às 2 milhões de almazinhas (sim já não 6 milhões! Alguns aprenderam a ler outros deixaram o garrafão) que vale a pena ficar ligado ao canal e no fim ver as publicidades para medicamentos contra a disfuncção eréctil!

Mas sobre tudo gostei de ver aquele belissimo estádio cheio de gente com garra a apoiar, uma equipa cheia de garra a jogar, isto sim é o meu Sporting!

E este Sporting não tem nada a temer contra nenhuma equipa do mundo!

Força Ganda Sporting!

P.S: Am Mittwoch werden wir den Bayern zeigen wie Man Fussball spielt, diese Vollidioten werden so hart in den Arsch gefickt werden, dass Sie das nächste Mal Respekt zeigen werden vor den Namen des Grossen Sporting!

Liebe Bayern Fans, ihren Arsch gehört uns!

Mindo

sábado, fevereiro 21, 2009

Muito obrigado, Sporting! Muito obrigado, Liedson!



Sporting, 3 - Benfica,2

Muito obrigado, Sporting. Muito obrigado, Liedson... e já agora, muito obrigado a todos os amigos que me endereçaram os parabéns!

Acabo de chegar a casa quase sem voz, cansado, mas muito feliz com a nossa equipa. Ganhar de modo tão limpo, com uma exibição tão conseguida e mesmo com o artista do apito a prejudicar-nos, só nos pode encher de orgulho por sermos leões!

Ambiente espectacular nas bancadas, comunhão total entre os adeptos e a equipa, uma entrada de leão, o golinho da ordem de Liedson a inaugurar o marcador, e não fora o facto de termos entregue o controlo da partida a partir do 1-0 e Polga ter tido aquele enorme deslize, nem sequer teríamos chegado empatados ao intervalo.

No segundo tempo fizemos uma exibição ao nível daquela com que em Abril do ano passado brindámos estes lampiões, na célebre meia-final da Taça, terminada com 5-3. Só deu Sporting, o adversário não existiu, e por pouco não chegámos a mais um resultado histórico ao nível dos míticos 7-1.

Com uma defesa segura, onde Pedro Silva substituiu Abel, com um meio-campo trabalhador onde até Rochemback fez uma boa exibição, e com um ataque endiabrado, com Liedson a combinar bem com Derlei, não demos quase hipótese ao Benfica de sequer ambicionar chegar à igualdade. Até mesmo nas substituições houve eficácia total com Derlei, Pereirinha e Tonel (este, poucos minutos) a entrarem bem e a ajudarem a equipa a registar uma exibição muito competente, em vésperas de jogos com Bayern (lá estarei!) e Porto.

Se atendermos à segunda-parte do Restelo e também ao modo empenhado, brioso e profissional como hoje os nossos jogadores nos brindaram, creio que ainda podemos ambicionar algo mais esta época.

Força, SPORTING!!!!!!


Leonino

Dêem-me uma grande prenda!



Em dia de 39.º aniversário quis o calendário futebolístico que se jogue um inigualável Sporting-Benfica.

Sendo assim, só peço que ofereçam a este sportinguista 'desde que se conhece', a melhor prenda que me podem dar: uma vitória categórica sobre o arqui-rival e a esperança de que o título pode ser comemorado em Maio!

Se a esse triunfo se puder aliar um estádio cheio, adeptos a apoiar a equipa até ao limite das suas forças e pujança vocal, jogadores que se apliquem com brio e profissionalismo, honrando a fabulosa camisola verde e branca, tanto melhor!

Lá nos encontraremos mais logo em Alvalade.

Força, GRANDE SPORTING!!!!!!!

Leonino

Confiança!

Hoje é preciso jogar com confiança para podermos conquistar 3 pontos de forma a podermos subir na classificação, não deixando o Porto que ontem venceu em Paços de Ferreira, distanciar-se.






Com Rui Patrício, Miguel Veloso e Adrien Silva lesionados, Ronny e Tiuí foram ainda os jogadores que ficaram de fora da seguinte convocatória:


Guarda-redes: Tiago e Ricardo Batista
Defesas: Daniel Carriço, Polga, Pedro Silva, Caneira, Grimi, Abel e Tonel
Médios: Izmailov, Vukcevic, Pereirinha, Rochemback, Moutinho e Romagnoli
Avançados: Derlei, Yannick Djaló, Liedson e Postiga.


Como Hélder Postiga referiu no final do jogo no Restelo, acima de tudo, temos que mostrar dentro de campo a ambição de que: QUEREMOS SER CAMPEÕES!


Lion King

quinta-feira, fevereiro 19, 2009

Que o colectivo seja forte, jogue quem jogar!



Independentemente de quem Paulo Bento escolher para jogar o grande dérbi do próximo sábado, temos que ser fortes do ponto de vista colectivo para vencermos este jogo!


Apesar da lesão de Rui Patrício, temos alternativas que dão garantias para a baliza. Em termos defensivos temos jogadores que já mostraram qualidade e capacidade para fazerem um bom jogo, somos umas das defesas menos batidas do Campeonato e fundamentalmente uma equipa que quando se organiza bem, é forte defensivamente.

No meio-campo, Adrien ressentiu-se hoje da entorse que sofreu recentemente mas existe a possibilidade de ser opção. Temos alguns jogadores jovens e outros mais maduros, mas acima de tudo rotinados e experientes pois têm jogado ao mais alto nível nas últimas épocas, podendo desequilibrar.

Ofensivamente, Liedson tem sido uma referência já histórica no clube - é o jogador estrangeiro que mais golos obteve - e está acompanhado por jogadores versáteis que dão confiança, para que os golos possam aparecer.


Acima de tudo, a máxima que o colectivo é mais que a soma de cada uma das partes, parece-me ser algo de importante que a equipa exprima em campo, onde conjuntamente com a massa adepta, pode fazer com que o Sporting vença, rumo ao objectivo do título!


Lion King

Tem que ser este o espírito!


Adrien: "Com a força dos adeptos somos ainda mais fortes!"




Vukcevic : "Venham para ganharmos todos juntos. É importante ter o Estádio cheio de sportinguistas para chegarmos à vitória juntos!"



Está dado o mote dos jogadores do Sporting para o próximo derby onde um Estádio de Alvalade cheio de leões a puxar pela equipa pode ajudá-la a alcançar os 3 pontos que ambicionamos. Vamos encher Alvalade para que possamos vencer!


Lion King

terça-feira, fevereiro 17, 2009

Rui Patrício ou Tiago?










Com a lesão que Rui Patrício tem actualmente - fractura num dedo - existirá uma dúvida para saber quem estará na baliza no dérbi do próximo sábado. Tiago regressou à baliza no Restelo e deu segurança, sendo que não teve hipótese no golo do Belenenses.
R. Patrício, espera que chegue uma luva especial para ver se tem hipótese de jogar, apesar da dor poder ser algo limitativa, pois este tipo de lesão só estará completamente ultrapassada dentro de aproximadamente duas semanas.
Tiago, é um guarda-redes que dá garantias de poder defender a baliza do Sporting com segurança, pois é experiente, e dá confiança à equipa e ao treinador, caso Paulo Bento o escolha para titular.














Espero que Paulo Bento - que no Restelo se tornou o 2º treinador do Sporting com mais vitórias, superado apenas pelo mítico Josef Szabo - tome a melhor opção para a equipa, sendo que apesar dos próximos jogos serem importantes não resolverão a época ainda, e todos serão precisos até ao final da mesma, onde se espera, sucesso!


Lion King

segunda-feira, fevereiro 16, 2009

Desde 1996, Campeões consecutivos!


O Sporting sagrou-se Campeão Nacional de Pista Coberta, no Atletismo, prova que se realizou em Pombal durante este fim-de-semana. Apesar de no sector feminino termos terminado com o mesmo número de pontos das atletas do Porto - adversário que se reforçou com atletas estrangeiras para esta competição - o facto de termos obtido mais vitórias individuais serviu para que as nossas atletas atingissem o 15º título consecutivo.
No sector masculino voltamos a ser mais fortes que os adversários e conquistamos o 14º Campeonato de Pista Coberta consecutivo.
Parabéns aos nossos atletas que conseguiram também bater alguns recordes, bem como para o Prof. Moniz Pereira, um grande Campeão!
Lion King

domingo, fevereiro 15, 2009

Unidade levou à vitória!

O Sporting venceu justamente no Restelo por 2-1 o Belenenses dando uma resposta que a equipa está mentalizada para vencer os difíceis jogos que teremos pela frente nas próximas semanas. Foi uma vitória da união e da solidariedade do conjunto, que foi mais forte que o adversário apesar de termos sofrido para alcançar a vitória.
Fomos a equipa com sinal mais ao longo da primeira parte, a que procurou marcar, mas não conseguimos por intermédio de Liedson fazê-lo, com o Levezinho a ter duas chances para concretizar, mas a bola saíu perto. O Belenenses só num lance de desconcentração defensiva da nossa parte teve um cabeceamento para Tiago agarrar, de Saulo que estava bem posicionado.
No início da 2ª parte o resultado começa a ser desequilibrado, por Marcelo que tinha entrado ao intervalo a marcar em fora-de-jogo, para o Belenenses. A nossa equipa tentou reagir mas não conseguiu equilibrar num lance onde Liedson é desviado com a intensidade necessária por Carciano, onde o nº 31 do Sporting podia concretizar mas Pedro Henriques nada marcou. No período subsequente as duas equipas criaram lances onde o golo podia ter pendido para qualquer um dos lados, mas após Paulo Bento ter mexido na equipa com a entrada de Yannick Djaló o Sporting ofensivamente criou mais problemas ao Belenenses, sendo que outro jogador saído do banco, Hélder Postiga, acabaria por ser decisivo ao assistir Vukcevic para o empate, galvanizando o Sporting.
A reviravolta iria consumar-se com Vukcevic numa assistência de grande visão, para Hélder Postiga, que deixou o ponta-de-lança do Sporting na cara de Júlio César, tendo Postiga com classe finalizado para o golo da vitória.
Podíamos com o espaço que tivemos na parte final do jogo ter fechado mais cedo o resultado, tanto por Djaló como por Liedson que em boa posição para marcar atiraram ao lado.

Espero que esta vitória traga estabilidade e confiança à equipa para encarar com optimismo os próximos grandes duelos que se avizinham, na certeza que quanto mais fortes formos do ponto de vista colectivo mais possibilidades temos de alcançar os nossos objectivos!

Estádio do Restelo, em Lisboa
Árbitro: Pedro Henriques (Lisboa)

BELENENSES - Júlio César, Cândido Costa, Ávalos, Carciano, Rodrigo Arroz (Marcelo, 45 m), Tininho (Roncatto, 87 m), Diakité, Mano, Zé Pedro, Silas e Saulo (Vinicius Pacheco, 82 m).
Golo: Marcelo (51 m).

SPORTING - Tiago, Pedro Silva (Caneira, 88 m), Carriço, Polga, Miguel Veloso, Adrien, Rochemback (Yannick Djaló, 65 m), Izmailov, Vukcevic, Liedson e Derlei (Hélder Postiga, 72 m).
Golos: Vukcevic (73 m) e Hélder Postiga (78 m).

Lion King

quinta-feira, fevereiro 12, 2009

Não há falta de militância!

Algum tempo atrás Filipe Soares Franco falou que havia "falta de militância" no Sporting e a partir daí o tema tem sido citado, glosado e discutido das mais diversas maneiras e feitios.


Ora a "militância" é uma das facetas (mais) visíveis dum problema mais profundo, mais importante. É esse problema que tem de ser descoberto, assumido, enfrentado e, por fim, resolvido.


E qual é o problema, então? O problema é a falta de entusiasmo, a falta de Alma, a falta de Sportinguismo em "intensidade e quantidade".

E o que é que levou a esta falta de entusiasmo que tornou muitos Sportinguistas distantes ou ( quase) abúlicos? Quanto a mim existem factores internos, ao Sporting, que serão os mais importantes; e existem factores exógenos parcialmente comuns a outras agremiações. Sobre estes factores externos ao Sporting citarei rapidamente: custo de vida e crise económica, outras actividades de entretenimento, descrédito e corrupção no jogo e na arbitragem, horário de jogos, excesso de informação e jogos nas TVs, etc..


Mas sobre os factores internos e inerentes ao Sporting, e que conduziram à desmotivação do Mundo Sportinguista, destacarei:



a) Criação duma SAD após o que os Dirigentes se ufanam de ser "Administradores" em vez dos antigos Dirigentes que trabalhavam apenas por "carolice".


b) Desprezo pelos valores Sportinguistas. Tendência para ver o "Sporting" como outra empresa qualquer.


c) Ataque ( ou tentativa ) a instituições que chegam ao Sporting profundo como o Jornal "Sporting". Esteve quase a ser encerrado.


d) Tratamento dos sócios e dos Sportinguistas em geral como Clientes ou "centros de proveitos", e não como "sócios".


f) Ataque às modalidades. Cada dois meses as modalidades são questionadas. Qualquer "clubezeco" tem Pavilhão; nós não temos!! Nem terreno temos. Pior, vendemos os terrenos à volta do Estádio, o nosso espaço vital.


g) Implementação de Politicas fracturantes como a venda do Património. Isto criou uma divisão da massa associativa cujas feridas custarão muito a sarar. Quanto ao Património foi perdido.... Só esta venda fez perder os bens para sempre, e as parcas receitas não compensarão nunca esta cisão na massa associativa.


h) Desconhecimento dos Núcleos. Daqui ao seu afastamento, desprezo e definhamento foi um passo.


i) Criação de "games box" por vezes mais vantajosas para adeptos que para sócios, já para não falar da ingratidão para com os sócios "correspondentes".


j) Atitude muito "intelectual" e distante. Sobranceria perante o "povo", afinal a grande maioria da população.

Isto junto com um "low profile"tira o Sporting dos títulos dos jornais e da ribalta. É necessário manter a "chama acesa".

Há um convencimento que tudo pode ser tratado pela Internet; quem tem acesso, e quem sabe se movimentar e navegar? E comprar pela Internet? 15% das pessoas?


k) Esquecimento que o Sporting Clube de Portugal é um "Clube de Portugal" e não de Lisboa, de Cascais, de Braga ou de Évora. Daqui resultou um sistema de "bilhética" ( que raio de nome) que prejudicou as excursões de autocarro para o José Alvalade. Pessoas que iam com os filhos quatro vezes por ano ao José Alvalade, agora estão a perder o hábito de ir.


l) Exílio do futebol e dos treinos para Alcochete, melhor a 12 km da Vila de Alcochete.


m) Equipa de futebol cujas exibições são, em regra, muito fracas embora, felizmente, os resultados sejam melhores.


n) As côres do equipamento tanto podem ser verdes, como fosfurescentes, como doutra côr.

O que importa é que se receba X pela assinatura do Contrato.

Só se pensa no imediato.


n) Convencimento que é igual o Sporting ser o dono de 90% da SAD, ou 60%, ou 51% ou 30%.

Se o SCP não for o dono da equipa, porque não, então, ser adepto antes do MU, do Barcelona ou de nenhum Clube?


o) O "site" do Sporting parece um "caça niquéis".

Ao contrário deveria esplanar o Sportinguismo, a História do Sporting, a cultura dos seus atletas imortais. Deveria mostrar os feitos Gloriosos.

Para encontrar estes temas temos de cirandar por blogues Sportinguistas.

Mas se o site seguisse o outro caminho, podem estar certos que haveria mais receitas de "merchandising". Criar-se-ia a tal onda de entusiasmo que seria reprodutiva pelo orgulho de ser "Sporting".



E por pouco escapamos de ter um Estádio a meias com o Benfica....


Todos estes factores conjugados levaram à perda de "ENTUSIASMO", levaram ao desgosto de muitos Sportinguistas, atacaram o âmago da Alma Sportinguista.


Logo a seguir veio a fraca " MILITÂNCIA": perda de sócios, Núcleos desactivados, jornal com apenas 14 000 exemplares de tiragem, queda enorme na venda das "game boxes", vendas diminutas de "merchandising", poucos bilhetes vendidos ( 22 000 pessoas contra o Braga!), etc., etc..

Caros amigos falta muita coisa que leva a haver pouca militância. Resolvidas as causas, cessam os efeitos.


Daquelas causas que acima mencionei - de a) até o)- quais acham que mais contribuiram para a situação actual? Em percentagem.


Ou estarei errado, e há outros motivos?


Gabriel Almeida

Tempos dificeis a caminho!

Quero deixar aqui uma palavra de apoio a todos os Sportinguistas que como eu estão desiludidos com a nossa equipa.

Esquecendo a comunicação social que tudo faz para desgastár o nosso clube, gostava de dizer que já estive em Alvalade (desde que de cheguei de Inglaterra) por 3 vezes, uma contra o Porto para a Taça de Portugal (perde-mos por penaltys) outra contra o Paços de Ferreira onde ganhá-mos por 5-1 e mais recentemente na derrota contra o Braga, devo dizer que a atmosféra deste ultimo foi espetacular, estive ontem no Portugal - Finlandia (pois vivo no Algarve) e nada se compara com Alvalade e a sua massa associativa.

SOMOS DIFERENTES! eu que nem sempre sou a favor do tipo de actitudes das claques, no jogo com o braga fiquei arrepiado por ver tanta dedicação á nossa equipa, só foi pena o resultado.

Temos que nos unir em redor da equipa, e lembrem-se que é nas horas más que se vêm os amigos, está na altura de fazer um esforço final para não perder-mos a carruagem do titulo.

A seguir Belêm e eu lá estarei para dar todo o meu apoio ao meu clube.

Aqui fica em geito de recordação a minha visita a Bolton onde levei o nome do nosso "Sangue Leonino" para ser visto em todo o mundo e onde empata-mos 1-1 para a Taça Uefa, mesmo longe o Sporting tem sempre a sua massa a apoiar.

SL

The Best One

quarta-feira, fevereiro 11, 2009

Se Deus é do Sporting que lhes perdoe

Há muito tempo que não escrevia nada aqui mas venho dar uma mãozinha ao Leonino porque parece que o resto dos editores andam numa onda de preguiça para teclar ou então decretaram greve.
Vejo a comunicação social dar o mote, aproveitando um mau resultado do Sporting, de que o Paulo Bento não vai continuar no clube, fazendo companhia a Filipe Soares Franco na porta de saída. Não é isso que me faz confusão porque dos jornais desportivos nacionais já não espero nada de especial, a não ser criticar o Sporting, lançar a confusão, o caos, anunciar o apocalipse leonino e manipular os associados.
O que lamento é que Leões da Estrela, Leões da Lua, Leões de Marte, Anti-Bentos, Anti-Beatos, Anti-Beatas, Reis da Selva, Reis da Capoeira, Reis da Treta e outros que tais caiam no engodo, façam o joguinho cúmplice de quem não gosta do nosso clube e entrem num coro de histeria apressando-se a listar nomes de possíveis sucessores (de José Mourinho para cima) ou acendendo velinhas a Nossa Senhora do Caravaggio, adjectivando um Homem sério e profissional como Paulo Bento de tudo e do pior. A ingratidão é uma coisa tão feia.
Se Deus é do Sporting que lhes perdoe porque eu já não tenho paciência para tanta parvoíce, aqui e nas bancadas de Alvalade, onde cada vez os disparates são mais e maiores.

Via VERDE

terça-feira, fevereiro 10, 2009

Nomeação pouco recomendável



Depois de ter sido trucidado pela nação benfiquista, depois de sido crucificado pela opinião pública, depois de ter sido propagandeada a sua costela sportinguista e depois de ter sido atirado para a 'jarra', o árbitro Pedro Henriques vai reaparecer em jogos da primeira liga precisamente apitando o... Sporting no Restelo.

Num jogo de tamanha importância, onde provavelmente se joga uma cartada quase decisiva na nossa candidatura ao título, parece-me estranho que se nomeie este árbitro - após tanta polémica e barulho - para um derby de Lisboa.

Por um lado, poderá ter a vantagem de querer reaparecer em grandes jogos, regenerando a sua imagem através de uma arbitragem exemplar, mas por outro poderemos sempre recear que os seus níveis de confiança não sejam os melhores e que não saiba ter 'mão' na partida.

Por último, nas várias situações em que algum artista do apito tem sido conotado com as nossas cores, a sua preocupação em evidenciar imparcialidade é tão grande que acaba sempre por prejudicar o Sporting.

Vamos ver...


Leonino

segunda-feira, fevereiro 09, 2009

Para reflexão...



Artigo da autoria do mítico Fernando Peyroteo, no 'Boletim do Sporting' em 1945, após uma derrota por 3-2 com o Atlético:

"Perdemos e perdemos bem. O Atlético não tem culpa do que sucedeu ao Sporting. O Atlético não foi o causador de que a nossa equipa não estivesse em tarde feliz e por isso, só por isso não saísse vencedora (...)"

"O jogador, melhor do que ninguém, sabe quando faz disparate; não precisa que lho digam. E, neste caso, necessita que o amparem, a exemplo do que fazem os seus companheiros de equipa e ao contrário do que sucede, muitas vezes, com uma parcela de adeptos do seu clube que o assobia e não poucas vezes o ofende com 'dichotes' menos próprios.
Ora, estas coisas têm muita influência naquilo que o jogador possa vir a fazer depois. Compreende-se que o jogador reconhecendo que fez asneira vai procurar emendar-se, fazendo melhor. Ora, se ouviu assobiadelas, naturalmente impressiona-se com o facto e então dificilmente dominará a situação. Afunda-se e assim não só se prejudica, como deixa de ser útil à equipa (...)"

"Portanto evitemos as assobiadelas, evitemos as manifestações de desagrado para com os jogadores, não lhes dirigindo palavras menos próprias quando eles saem do campo, só porque perderam o jogo.
Lembrem-se de que estes ditos de mau gosto, não só podem provocar a desordem entre pessoas que defendem o mesmo ideal, como ainda são susceptíveis de criar situações embaraçosas para o nosso Sporting (...)"


Leonino

domingo, fevereiro 08, 2009

A triste sina de falhar quando não se pode...



Sporting, 2 - Sp. Braga, 3

Árbitro: Jorge Sousa (Porto)

SPORTING
Rui Patrício, Abel, Polga, Carriço e Caneira (Miguel Veloso, 46); Rochemback, Pereirinha (Tiuí, 61), João Moutinho, Izmailov e Vukcevic; Derlei

Treinador: Paulo Bento

SP. BRAGA
Eduardo; João Pereira, Moisés (Frechaut, 90), André Leone e Evaldo; Vandinho, César Peixoto (Matheus, 77), Alan e Luís Aguiar; Meyong (Mossoró, 66) e Renteria

Treinador: Jorge Jesus

Golos: Meyong, Derlei, Renteria, Mossoró e Izmailov.


Leonino

Vamos ser o 12.º jogador!



Hoje defrontamos o Sporting Clube de Braga, claramente o clube com melhor plantel e infraestruturas logo a seguir aos tradicionais 'grandes' do futebol português, e que este ano apresenta lógicas credenciais de até aspirar ao título.

Se a isso juntarmos o facto dos bracarenses serem actualmente orientados por um dos melhores treinadores portugueses e ainda de praticarem um bom futebol, aberto e bonito, pode-se dizer que teremos um 'osso bem duro de roer' em Alvalade.

No entanto, como também a nossa equipa vem de um jogo que pode servir de tónico motivacional e como as ambições de chegarmos ao título se mantêm legitimamente intactas, é fundamental sermos hoje aquele 12.º jogador que catapulta os nossos craques para grandes feitos nos momentos mais decisivos.

Com os ouvidos naquilo que se for passando para terras do norte, teremos que estar todos presentes nas bancadas do maravilhoso estádio José de Alvalade, e em uníssono apoiarmos o nosso SPORTING CLUBE DE PORTUGAL até à exaustão!

Todos a Alvalade!

Lista de convocados:

Guarda-redes: Rui Patrício e Tiago
Defesas: Daniel Carriço, Polga, Pedro Silva, Caneira, Tonel, Ronny e Abel
Médios: Miguel Veloso, Pererinha, Adrien, Izmailov, Vukcevic, Rochemback, Moutinho e Romagnoli
Avançados: Derlei, Hélder Postiga e Rodrigo Tiuí.



Leonino

sábado, fevereiro 07, 2009

O nosso futsal está de parabéns!



Sporting, 2 - Belenenses, 1

No Pavilhão Paz e Amizade, em Loures, a nossa equipa de futsal recebeu e venceu hoje o Belenenses por 2-1, em encontro da 17.ª jornada do Campeonato Nacional Nacional da I Divisão.

O 1-0 foi assinado por Alex, logo aos 4 minutos, tendo o Belenenses empatado por Caio Japa, aos 27; aos 39 minutos Davi marcou o golo que nos deu o justíssimo triunfo numa tarde de futsal bem disputado.

Alinharam pelo Sporting: João Benedito, Alex, Davi, Café, Deo, Paulinho, João Matos, Jorge Fernandes, Zezito, Bibi e Divanei.


Leonino

quinta-feira, fevereiro 05, 2009

Os Calimeros do costume

O Sporting deu uma cabazada monumental ao Tripas, que só não foi por números Ce7tistas por causa ou graças ao excelente Nuno (simplesmente o melhor tripeiro em campo!)!

Ser Grande não é só cantar de galo e escovar os dentes quando se ganha, é também ser digno na derrota e o Tripas demonstrou ontém porque será sempre um clubezeco digno da distrital!

Apresentam-se em Alvalade armados em queques com uma pseudo equipa B e ... esperavam o quê? Queriam saír com uma vitória???
A cabazada só não foi maior graças a um inspiradissimo Nuno, e depois desculpam-se com pseudo erros de arbitragem! LOL

Os pseudo erros nem chegam aos calcanhares do colinho que tiveram frente ao Braga (por exemplo), mas aí como ganharam vêm a público pedir paz para os árbitros!

Os mesmos, e neste caso refiro concretamente ao Miguel Sousa Tavares por exemplo, afirmam com a boca toda que o golo do Ronny não roubou o titúlo ao Sporting, mas logo a seguir choram o Farense vs Tripas no ano em que o Sporting foi campeão com 4 pontos de avanço e aonde o nosso amigo Secretário nos deu uma valente ajuda!

Já ninguém se lembra do campeonato 98/99 aonde o Sporting foi expoliado em 10 (!!!!) pontos com arbitragens habilidosas a favor do Tripas.

Os mesmos que afirmam que houve atraso deliberado de Polga para o Stojkovic quando a própria UEFA afirma o contrário, estimam hoje ter havido 2 penalties fantasmas quando as faltas existem e foram bem visivéis na televisão!

Fiquei também a saber que a mão involuntária do Postiga no se compara com o golo mal (?) anulado ao benfas e que até é mercedora de um cartão amarelo, quando 3 jogadores do Tripas pela mesma falta não viram cartão!

Por fim o Jesualdo Blendamerda vem falar em equipa de reservas, eu pergunto...o que será isso?
O Jesulado e conhecido por raramente alinhar a mesma equipa e por andar sempre a ''inventar'' logo o que será um titular?

O Nuno, o Sepo o Mariano, o Tarik, o Costa e outros Pedro Emmanuel nunca foram titulares??? Por outro lado é claro que Tiago, Adrien Silva, Pedro Silva, Vukcevic, Pereirinha, Derlei e Romagnoli são todos titulares indiscutivéis do Sporting?

Alguém me sabe explicar a diferença? Ah pois! O Jesualdo convocou júniores!!!

No Sporting os Júniores viram naturalmente titúlares pela qualdidade que demonstram, enquanto o tripas gasta rios de nota em Marianos e Tariks que são reservistas? LOL

O Sporting fez um grande jogo, o Tripas alcançou o golo num lance aonde contra o Sporting é permitido jogar sem o árbitro apitar, mas o Sporting não pode fazer o mesmo e até teve um golo anulado por essa razão.

Quando o Sporting ganha com justiça, lá vem os Calimeros tripeiros vislumbrar irregularidades que só as suas mentes, destroçadas por tanto cafézinho com leite e frutinha, conseguem ver!

Continuem a ladrar, o Grande Sporting continua a trilhar o seu caminho!

Saudações orgulhosamente leoninas
(Apito free)
Mindo

quarta-feira, fevereiro 04, 2009

Venha a final com as galinhas da Segunda Circular



Sporting, 4 - FC Porto, 1

Taça da Liga - Meia-final
Árbitro: Carlos Xistra
Árbitros assistentes: Luís Marcelino e Valter Oliveira

Ao intervalo: 1-1

SPORTING:
Tiago, Grimi, Pedro Silva, Polga, Tonel, Adrien, Izmailov, Moutinho, Romagnoli (Pereirinha, 63 m), Vukcevic (Rochemback, 78 m) e Postiga (Derlei, 63 m).

Treinador: Paulo Bento.

Não utilizados: Rui Patrício, Carriço, Caneira e Tiuí.

FC PORTO:
Nuno, Sapunaru (Diogo Viana, 71 m), Benítez, Stepanov, Pedro Emanuel, Guarín, Madrid (Ivo Pinto, 87 m), Mariano, T. Costa, Sektioui (Josué, 68 m) e Farías.

Treinador: Jesualdo Ferreira.

Não utilizados: Ventura, Rabiola, Ricardo Dias e Oliveira.

Disciplina: cartão amarelo a Tonel (59 m), Adrien (83 m); Pedro Emanuel (36 m), Sektioui (53 m)

Golos: Romagnoli (35 m g.p. e 48 g.p.), Derlei (66 e 80 m); Sektioui (9 m).


Leonino

terça-feira, fevereiro 03, 2009

Os eleitos para atingir a 2ª final da Taça da Liga

Paulo Bento convocou os seguintes 18 jogadores:


Guarda-redes: Rui Patrício e Tiago;
Defesas: Daniel Carriço, Polga, Pedro Silva, Caneira, Tonel e Grimi;
Médios: Pererinha, Adrien, Izmailov, Vukcevic, Rochemback, Moutinho e Romagnoli;
Avançados: Derlei, Hélder Postiga e Rodrigo Tiuí.


Apesar do adversário nos trazer um jogo difícil espero que com o apoio dos adeptos leoninos consigamos estar na final da Taça da Liga pela 2ª vez consecutiva, numa competição onde o objectivo é fazer melhor que na época passada. Empenho e abnegação, é o que esperamos que o Sporting apresente amanhã para vencer!

Lion King

segunda-feira, fevereiro 02, 2009

Morte lenta

Ontem estava a ver o Super Bowl e comecei a traçar um paralelo entre o futebol americano e o nosso futebol ou soccer para eles.
Para quem não sabe o Super Bowl é a final do desporto rei na América e representa uma espécie de feriado extra.
Confesso que não sou grande conhecedor desta modalidade, mas nunca deixo de ver por tudo o que encerra.
Eles vivem-no com extremo orgulho e fazem daquilo um hino à cultura americana aproveitando para homenagear os seus heróis, elevando a moral do povo.
Não é um mero jogo, mas um espectáculo bem montado que gira em torno do desporto mais popular do país.
Transpira-se emoção e adrenalina, contudo não se dispensam as mais modernas tecnologias para auxiliar o decisor a minorar o erro humano.
Curiosamente o jogo só ficou decidido nos últimos segundos e com o apelo ás novas tecnologias audiovisuais que mostraram que o jogador tinha efectivamente concretizado o Touchdown que deu a vitória à sua equipa.

Traçar um termo de comparação entre estas duas realidades é pura ficção, sobretudo com Portugal onde a única similitude é mesmo a palavra futebol.
Basta atentar no nosso desporto rei e verificar tudo o que gira em sua volta e os imensos casos que o envolvem.
Eles são tantos que daria para escrever páginas, mas por ora vou só relembrar alguns dos mais recentes.

Nos últimos dias ficámos a saber que o Tribunal Constitucional considera ilegais as escutas do caso Apito Dourado, de acordo com o que já tinha sido decidido pelo Supremo Tribunal Administrativo. E assim deve estar dada a machadada final neste vergonhoso processo.
Esta era uma tese defendida há muito tempo pelos principais arguidos visados neste processo. Não discuto a justeza da decisão, pois quem sou eu para colocar em causa as decisões do TC. Contudo, é uma decisão que pode abalar os alicerces do futebol português. Podem pensar que estou a exagerar, mas raciocinem comigo e acompanhem a minha exposição.
Doravante qualquer clube pode sentir legitimidade para ganhar recorrendo à corrupção, pois tem o garante que nada lhe acontece seja ao nível da justiça desportiva ou cível.
Pior ainda é saber que houve um clube que durante 30 anos ganhou muitos campeonatos de forma ilegal e nada lhe aconteceu.
Todos lemos e muitos ouviram as artimanhas utilizadas para ganhar a qualquer preço.
Agora vêm dizer-nos que realmente aquilo é tudo verdade mas não podem fazer nada e ninguém sofrerá grandes consequências.

As declarações infelizes e altamente incongruentes do senhor Vítor Pereira também marcaram de forma indelével os tempos recentes. A contradição do seu discurso só veio trazer mais descrédito a um sector já bastante abalado por escândalos e incidias.
Primeiro veio dizer que não podia ir ao mercado de Inverno buscar árbitros. Expondo a classe por si comanda e mostrando a fraqueza do seu líder.
Depois um apelo ridículo para quem não acreditar não ir ao futebol. Reiterou este seu apelo não percebendo que estava a contribuir decisivamente para afastar mais uns milhares dos estádios.
Das trapalhadas da Taça da Liga nem me atrevo a pronunciar porque todos os dias aparecem novas idiotices.

Haverá alguém que fique espantado por tudo isto estar a acontecer e trazer consequências como estas para o futebol português.
Os dirigentes são do pior que existe; os futebolistas são uns impostores e trapaceiros como ainda ontem se viu no Restelo, aproveitam os enormes buracões da lei; os adeptos matam outros com very-ligths e continua tudo normal.
Neste futebolzinho da treta escapa a bola e mesmo essa por vezes rebenta.


Quo Vadis futebol português???



Verde CDV



domingo, fevereiro 01, 2009

Talento nem sempre rima com carácter




















Sinceramente estou-me nas tintas para tudo aquilo que Simão Sabrosa possa dizer - até porque para mim não são mais do que vómitos mentais - mas preocupa-me que a nossa brilhante e tão aplaudida academia seja um exemplo na formação de futebolistas, mas que pontualmente continue a falhar na formação de homens.

Depois deste 'cromo' vir novamente dar razão a Manolo Vidal, quando um dia afirmou em relação a Simão que «havíamos falhado na formação do homem», ao dizer agora em entrevista à RTP que em Portugal só jogará no Benfica, e atendendo aos casos Veloso, Moutinho, Djaló e afins, pergunto-me se não há espaço para melhoria na formação cívica e ética dos nossos jovens atletas.

É certo que cada um é livre de procurar acautelar o seu futuro, em busca de melhores condições remuneratórias, mas quando esse objectivo lhe tolda a gratidão em relação ao clube e aos adeptos que projectaram a sua carreira e que o resgataram de uma vida frugal e obscura, soa demasiado a deficiência de carácter.

Faço votos para que os pedagogos que existem na nossa academia façam um exercício sério de análise no sentido de rever estas lacunas formativas e que doravante passemos a 'fabricar' talentos futebolísticos, mas que em simultâneo sejam também homens com H grande e não meros mercenários... sem espinha.

Leonino