"Tu vais vencer, Podes crer, Porque a nossa força é brutal. Mais de um século de histórias para contar. Sporting, tu nunca vais acabar" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

domingo, junho 29, 2014

Tanaka, um leão nipónico

O japonês Tanaka assinou por 5 épocas com o Sporting, anunciou hoje o clube.

Quer-me parecer que se este japonês tiver tido o mesmo olho clínico de quem escolheu Montero e Slimani, ficaremos muito bem servidos!

Lion King

quinta-feira, junho 26, 2014

Sporting TV


Uma equipa claramente 'arejada'... 


Nuno M Almeida

domingo, junho 22, 2014

Futsal, um exemplo!

Depois de se tornar bicampeão em seniores na semana frente ao Fundão, eis que esta modalidade que tanto nos orgulha, alcança também os títulos de campeão em juniores e juvenis, ambos neste fim-de-semana.

JUNIORES
Resultados da Taça Nacional:
1ª jornada: Sporting-Académica V (11-1)
2ª jornada: Sporting-Caxinas V (2-1)
3ª jornada: Sporting-D. João I V (7-1)

Com esta conquista recuperamos o título que há dois anos nos fugia, somando o 4º título em 7 edições.
Uma época brilhante conquistando 36 vitórias em 39 jogos, cedendo apenas 2 empates e 1 única derrota e com 254-67 no goal average.


JUVENIS
Resultados da Taça Nacional:
1ª jornada: Sporting-Caxinas V (6-4)
2ª jornada: Sporting-Benfica V (5-1)
3ª jornada: Sporting-FJ Antunes (3-1)

É o 3º título do Sporting neste escalão em 7 possíveis.
O destaque nos juvenis é maior pelo facto de serem campeões só com vitórias ao longo da época (39 vitórias em 39 jogos) e 375-59 no goal average.


A estes títulos há que juntar ainda as conquistas 1ª Divisão de Honra da AF Lisboa em Iniciados e Infantis:

INICIADOS:
- 26 jogos, 23 vitórias, 2 empates, 1 derrota e 281-37 no goal average.

INFANTIS:
- 24 jogos, 24 vitórias e 180-25 no goal average.

O domínio do Sporting nesta modalidade é avassalador, com 50% dos títulos conquistados, quer nos seniores quer na soma dos escalões de juniores e juvenis.

BRILHANTE!

SL
José

sexta-feira, junho 20, 2014

As grunhices habituais do JJ

Hoje somos brindados por mais uma das habituais grunhices do treinador lampião:
Jesus: «Transformo jogadores em melhores do Mundo»

Como é habitual, o destaque é dado pelo jornal do Manha, especialista em promover mentiras sem nexo.

Que se saiba entre os melhores do mundo dos últimos anos figuram 2 jogadores formados pelo Sporting, jogadores esses que passaram pelas mãos de diversos treinadores ao longo da sua carreira e que não são "obra" de um treinador.
No máximo serão produto de um clube, mas o artista de circo Jesus quer sempre ser o centro das atenções.

O que praticamente não vejo referenciado nos jornais é o facto do ex-capitão júnior, Filipe Nascimento, o tal que em resposta ao JJ disse que os jogadores de formação benfiquistas nasceriam "mais 9 vezes se fosse preciso", ter sido dispensado pelo Benfica a título definitivo, uma saga recorrente lá para as bandas da Luz.
Este e todos os outros que tentam uma carreira de futebolistas naquele clube deviam pensar seriamente em adoptar outra nacionalidade para poderem pensar em cumprir o sonho de uma vida (jogar no clube do seu coração) e candidatarem-se a ser um dos tais melhores jogadores do mundo...

SL
José

quarta-feira, junho 18, 2014

Gala Honoris Sporting 2014

O Sporting informa que já se iniciou a venda de bilhetes para a I GALA HONORIS SPORTING 2014.

A I Gala Honoris Sporting assinala os 108 anos do Sporting Clube de Portugal no próximo dia 1 de Julho e irá simultaneamente reconhecer através dos Leões Honoris Sporting aqueles que, individual e colectivamente, contribuíram para o engrandecimento do Clube nas suas múltiplas dimensões, pelo talento e boas práticas desenvolvidas, honrando as insígnias: Esforço, Dedicação, Devoção e Glória.

Os prémios referentes a atletas e equipas do ano visam distinguir os nomeados com participação desportiva na época finda a 30 de Junho.

Este dia marca também o início das emissões da Sporting TV, que fará a cobertura integral e em directo de todo o evento nos canais 34 e 35 nas plataformas MEO e NOS.

O local eleito para realizar este primeiro grande evento da nova época desportiva é o Meo Arena, Parque das Nações em Lisboa, e é aberto a Sócios e Simpatizantes do Clube, mediante o pagamento de 50,00 € por pessoa (mesas de 10 lugares).

COM UM ALINHAMENTO PREPARADO ESPECIALMENTE PARA ESTE DIA, DESTACAM-SE OS SEGUINTES PONTOS:

.Recepção - Passadeira Verde – 19H00
.Jantar
.Entrega de emblemas aos Sócios que celebram 75 e 50 anos de filiação ao Clube
.Entrega dos Leões Honoris Sporting nas categorias de Futebol, Modalidades, Universo Sporting e Dirigismo
.Apresentação dos novos equipamentos para a época 14’15
.Espectáculo com a presença de artistas convidados
.Outras surpresas
Traje: fato escuro

domingo, junho 15, 2014

Futsal: somos novamente CAMPEEEEEEEÕES!


Fundão-Sporting, 3-4

Quarto jogo da final do campeonato nacional, segundo consecutivo disputado no Fundão... e mais um título de campeão nacional para Alvalade!

Sporting Clube de Portugal, cada vez mais o emblema de referência da modalidade em Portugal. Fruto de um grande trabalho desenvolvido à custa de muito suor e sacrifício, e com imensa competência por parte de atletas, técnicos, dirigentes e também dos adeptos que ao longo dos anos - mesmo orfãos de um pavilhão próprio - têm acompanhado sempre a equipa e sido inexcedíveis e exemplares no seu apoio.

Muitos parabéns a todos os leões directamente envolvidos no título hoje conquistado!

(É triste ter que o dizer a cada título brilhantemente conquistado pelo nosso futsal mas recomendo uma vez mais o envio de doses maciças de pastilhas anti-azia para o departamento de desporto da RTP!)




Nuno M Almeida

Tetracampeões em judo

Parabéns à nossa equipa de judo que se sagrou campeã, conquistando desta feita o 4º título consecutivo.

Aproveito este espaço ainda para agradecer ao João Pina tudo o que deu ao Sporting pois ontem assinalou o fim da sua brilhante carreira.


Obrigado João Pina, obrigado campeão!

Lion King

sábado, junho 14, 2014

Sporting TV






A Sporting TV arranca no dia 1 de julho, estando já a realizar emissões experimentais.

Ontem foi também divulgado o primeiro vídeo promocional da Sporting TV, conhecendo-se já o logotipo do canal do clube: um logotipo em tons verdes, que tem a cabeça de um leão dentro do «o» de «Sporting».
 
A Sporting TV vai estar disponível nos operadores de televisão por cabo MEO e NOS.  


Nuno M Almeida

terça-feira, junho 10, 2014

André Geraldes até 2019

O Sporting anunciou a contratação do lateral-direito André Geraldes para as próximas cinco épocas. Pareceu-me pelo que vi dele ao serviço do Belém nesta época, um jogador com muito potencial tendo em conta que ainda é um jovem. Penso que tem capacidades para se poder tornar um jogador de referência na posição de lateral-direito ao nível do futebol português.

Bem-vindo, André Geraldes. Que sejas um leão na defesa das nossas cores, a partir de agora!


Lion King

domingo, junho 08, 2014

Livramento bateu palmas!

Soube-se há pouco no Congresso Leonino que  o hóquei em patins leonino voltará a ser modalidade oficial do clube.

Depois de em 19/05/2005, a direcção de Filipe Soares Franco ter dado a machadada na já débil secção de hóquei em patins, muitos anos se passaram para ver novamente esta linda modalidade de regresso como modalidade oficial do clube.

Uma modalidade que nos deu tantas alegrias e tão longe transportou o nome do clube merece ter o mesmo estatuto que futebol, andebol e futsal.

O meu grande obrigado ao Eng.º Gilberto Borges e todos os que com ele trabalham, mentores de toda a obra do regresso sustentado do hóquei, mas também a esta direcção por voltar a apostar no Sporting eclético que nos anos 80 nos transportou até ao patamar de potência internacional, por poucos igualado.

"Queremos voltar a ser o que já fomos no hóquei em patins.
Uma grande potência.
Todas as modalidades sabem que têm um lugar especial no meu coração.
Tal como nas outras modalidades queremos conquistar o título"
Bruno de Carvalho, hoje no Congresso Leonino

Faço minhas as palavras de Bruno de Carvalho.

Existem já reforços garantidos para alcançar outros voos:
- André Girão (ex-Valongo);
- Daniel Oliveira (ex-Oliveirense);
- João Pinto (ex-Juventude de Viana);
- Nicolas Fernandez, internacional chileno.

Que boa notícia, em dia, que se espera, ser o de mais um passo decisivo para o título de futsal.

SL
José

sábado, junho 07, 2014

A primeira já está!

O Sporting bateu o Fundão por 3-0 no 1º jogo da final do play-off do campeonato de futsal. Os golos leoninos foram marcados por Paulinho, Caio Japa e Alex.

Assistiu-se a um bom jogo na Quinta dos Lombos, com o Sporting a chegar à vantagem na primeira parte tendo neste período controlado o jogo. Ainda no primeiro tempo Caio Japa aumentou a vantagem para dois golos sem resposta, score com que se chegou ao intervalo. Na segunda parte tivemos algumas ocasiões claras para cedo matarmos o jogo, mas a bola não entrou. Apenas a cerca de dois minutos do fim Alex descansou as hostes sportinguistas.

Está superado o primeiro obstáculo de três que é necessário para nos sagramos bi-campeões nacionais. Amanhã é preciso continuar a sermos iguais a nós próprios!

Lion King

quinta-feira, junho 05, 2014

A trampa...

Nestes últimos dias multiplicam-se as jogadas das nádegas...

Sucedem-se as desistências dos mini-candidatos em prol dos grandes candidatos, todos eles assumindo-se como representantes dos fracos e dos oprimidos e sempre contra...as nádegas imponentes que se enfrentam.

É por isso que cheira mal todo este futebol português e nem as palavras "bonitas" de Rui Alves contra os seus amigos do Norte soam a mais que...trampa falsa.

http://www.record.xl.pt/Futebol/Nacional/1a_liga/interior.aspx?content_id=887049

Alguém acredita que estes candidatos se enquadrem como "candidato que consiga não só aquilo que seria normal, que é o rigor, a competência e a transparência, mas que tenha um autoclismo muito grande para limpar o futebol que está conspurcado".

Não me parece...

SL
José

terça-feira, junho 03, 2014

Oriol Rosell já é leão!



NO SITE OFICIAL:

O Sporting Clube de Portugal, Futebol, SAD e o Sporting Kansas City chegaram a acordo para que o jogador Oriol Rosell represente o Sporting nas próximas cinco épocas.

Ficou ainda definida uma cláusula de rescisão no valor de 45 milhões de euros.

Oriol Rosell, de 21 anos de idade e 1,82 metros de altura, joga na posição de médio defensivo.

Nuno M Almeida

Contas - Parte II

Nos últimos dias voltaram a ouvir-se foguetes do outro lado da 2ª circular.

Não, não foi a conquista de novo título, foi simplesmente a alegria lampiã perante a possibilidade de o Sporting ter um passivo acumulado no universo de Sporting (clube, SAD e demais empresas), acima dos 500M€.

Para quem não acompanhe o dia-a-dia do clube desde Março de 2013, isto pode ser surpreendente.

Para quem tem acompanhado o trabalho que esta Direcção tem tido para dar a volta ao legado de GL JEB, FSF, etc., estará sempre mais descansado em relação ao futuro.

E esse futuro foi proposto e aprovado por 1.300 sócios em AG de Junho de 2013, através de um plano de reestruturação financeira, que o clube precisava como pão para a boca, prometida inúmeras vezes por Godinho Lopes mas que nunca saiu disso mesmo, uma promessa entre muitas outras...com a agravante de afinal até ser um PER o que GL deixou como herança!

O mesmo PER que a banca colocou em cima da mesa para negociar com BdC e que previa entre outras coisas, que o Sporting eclético terminasse, dedicando-se apenas ao futebol.

Felizmente que BdC e a sua Direcção foram de facto duros a negociar (ao contrário do seu antecessor), e conseguiram impor a necessária reestruturação financeira, dando espaço ao clube para respirar e preparar o seu futuro, ao mesmo tempo que salvava as modalidades tão queridas a todos os sportinguistas e que continuam a honrar o bom nome do clube, individual e colectivamente como foi prova disso o fim-de-semana que se passou.

Os números reais do nosso passivo só serão conhecidos após conclusão da totalidade da reestruturação financeira, que recordo aqui através da Proposta do Conselho Directivo para a AG de Junho de 2013.



CONSIDERANDO: 
a) Que o Sporting Clube de Portugal (SCP), a Sporting Clube de Portugal – Futebol, SAD (Sporting SAD), a Sporting Património e Marketing, SA (SPM) e a Sporting SGPS, SA (Sporting SGPS) (adiante designadas conjuntamente por Grupo Sporting) pretendem proceder a um amplo processo de reestruturação operacional, societária e financeira do Grupo SCP,

b) Que a reestruturação contempla um conjunto de medidas e operações que incluem, entre outros, a renegociação dos termos e condições dos financiamentos bancários existentes mediante a contratação de novas linhas de financiamento em condições mais vantajosas para o Grupo Sporting, o reembolso dos saldos inter-grupo, designadamente da dívida do SCP à Sporting SAD e à SPM; o aumento de capital da Sporting SAD quer por conversão de créditos sobre a Sporting SAD, quer por novas entradas em dinheiro a efectuar por investidores externos;

c) Que, ainda, no âmbito reestruturação do passivo bancário, a Sporting SAD projecta realizar a emissão de novos valores mobiliários obrigatoriamente convertíveis (VMOC) em acções da Sporting SAD a subscrever pelo Banco Espírito Santo, S.A. e pelo Banco Comercial Português, S.A. (“os Bancos”) através, designadamente, da conversão de créditos dos Bancos sobre a Sporting SAD; 

d) Que, por outro lado, o processo de reestruturação financeira permitirá ainda uma simplificação da estrutura societária do Grupo Sporting, mediante a fusão por incorporação da SPM na Sporting SAD, por via da qual o património da SPM será globalmente transferido para a Sporting, SAD, com a consequente extinção da SPM; 

e) Que os benefícios para o Grupo Sporting que decorrem da reestruturação dos financiamentos nos termos propostos, bem como as vantagens directas e indirectas para o SCP, justificam a prestação de garantias aos Bancos no âmbito da reestruturação financeira, sublinhando-se, a este propósito, que o conjunto de garantias a prestar aos Bancos coincidem, no essencial, com as garantias prestadas pelo SCP e empresas do grupo Sporting no âmbito dos contratos de financiamento em vigor, com excepção de novas hipotecas a constituir pelo SCP a favor dos Bancos
sobre a nua propriedade do Estádio José Alvalade e do Edifício Multidesportivo, nos termos previstos nas alíneas d) e e) do ponto 2 da Ordem de trabalhos; 

Nestes termos,
O Conselho Directivo propõe que a Assembleia Geral do Sporting Clube de Portugal, reunida aos 30de Junho de 2013, delibere aprovar a reestruturação societária e financeira do Grupo Sporting, o que implica a deliberação favorável sobre as seguintes operações:

a) Autorizar, nos termos e para os efeitos do disposto no artigo 42º, nº 1, alínea n) dos Estatutos, a prorrogação, por prazo adicional de 33 anos, do direito de superfície constituído pelo SCP, por escritura pública de 5 de Abril de 2005,a favor da SPM do Estádio José Alvalade e do Edifício Multidesportivo, que correspondem, respectivamente, aos prédios urbanos descritos na Conservatória do Registo Predial de Lisboa sob os n.º 2440-A e n.º 2440–B e inscritos nas respectivas matrizes urbanas sob os artigos 3758-A e 3758-B da freguesia do Lumiar, com manutenção das hipotecas que oneram o identificado direito de superfície;

b) Condicionado à aprovação da alínea anterior, autorizar, nos termos e para os efeitos do disposto no artigo 42º, nº 1, alínea c) dos Estatutos, a participação do SCP num aumento do capital social da SPM, a realizar por entrada em espécie a efectuar pelo SCP, no valor de 73 000 000 Euros, resultante da conversão do crédito do SCP decorrente da prorrogação do prazo do direito de superfície prevista na alínea anterior;

c) Aprovar, nos termos e para os efeitos do disposto no artigo 42º, nº 1, alíneas l) e m) dos Estatutos, a contratação de um empréstimo bancário até ao montante de 68.000.000 (sessenta e oito milhões de Euros), destinado a liquidar dívida do SCP perante a Sporting SAD, bem como a liquidar dívida do SCP e da Sporting SAD perante os Bancos; 

d) Autorizar, nos termos e para os efeitos do disposto no artigo 42º, nº 1, alínea n) dos Estatutos, a constituição pelo SCP, a favor dos Bancos, de hipoteca sobre a nua propriedade do Estádio José Alvalade e do Edifício Multidesportivo, melhor identificados na alínea a) supra, para garantia das responsabilidades do SCP perante os Bancos resultantes do financiamento previsto na alínea c) supra;

e) Autorizar, nos termos e para os efeitos do disposto no artigo 42º, nº 1, alínea n) dos Estatutos, a constituição pelo SCP, a favor dos Bancos, de outra hipoteca
sobre a nua propriedade do Estádio José Alvalade e do Edifício Multidesportivo, melhor identificados na alínea a) supra, para garantia das responsabilidades assumidas pelas restantes entidades do Grupo Sporting, perante os Bancos;

f) Autorizar, nos termos e para os efeitos do disposto no artigo 42º, nº 1, alínea c) dos Estatutos, a constituição de penhores sobre participações sociais detidas directa ou indirectamente pelo SCP nas sociedades estratégicas, Sporting SAD e Sporting SGPS, para garantia das responsabilidades assumidas pelo SCP e pelas restantes entidades do Grupo Sporting, perante os Bancos; 

g)  Derrogar as deliberações da Assembleia Geral do SCP que sejam contrárias àquelas que venham a ser aprovadas pelos associados na presente Assembleia Geral, garantindo-se a plena validade e eficácia jurídica das deliberações que venham a ser aprovadas no âmbito da reestruturação financeira;

h) Aprovar, sob proposta do Conselho Directivo, o sentido de voto do accionista SCP na Assembleia Geral da Sporting SAD a convocar, que permita:
(i) Alterar o artigo 4.º dos estatutos da Sporting SAD, com vista a conceder autorização ao Conselho de Administração para que este possa deliberar um ou mais aumentos do capital social da Sporting SAD até ao montante de Euros 18.000.000,00 (dezoito milhões de euros), a realizar por novas entradas em dinheiro através de subscrição particular junto de investidor ou investidores de referência seleccionado(s) pelo Conselho de Administração da Sporting SAD com emissão de até 18.000.000 (dezoito milhões) de novas acções ordinárias (categoria B), escriturais e nominativas;
(ii) A supressão do direito de preferência dos accionistas da Sporting SAD com respeito ao(s) aumento(s) de capital social que o Conselho de Administração daquela sociedade vier a deliberar nos termos da alínea anterior;
(iii) Aumento do capital social da Sporting SAD por entrada em espécie, a realizar unicamente pela sociedade Holdimo – Participações e Investimentos, SA, no montante de Euros 20.000.000,00 (vinte milhões de euros), mediante a conversão em capital social de créditos da Holdimo sobre a Sporting SAD;
(iv) Emissão de Valores Mobiliários Obrigatoriamente Convertíveis em acções da Sporting SAD (“VMOC”), escriturais e nominativos,
no montante máximo de Euro 80.000.000,00 (oitenta milhões de euros), a efectuar através de conversão de créditos dos Bancos sobre a Sporting SAD;
(v) Aprovar a fusão, por incorporação, nos termos dos artigos 97º nº 4 alínea a) do Código das Sociedade Comerciais, da Sporting Património e Marketing, S.A. (“SPM”) (Sociedade Incorporada) na Sporting SAD (Sociedade Incorporante), com a transferência global do património da SPM para a Sporting SAD;
(vi) Autorizar a constituição, pela Sporting Clube de Portugal - Futebol SAD a favor dos Bancos, de hipoteca do direito de superfície sobre os prédios urbanos identificados na alínea a) supra, para garantia das responsabilidades do SCP e ainda de entidades do Grupo Sporting perante os Bancos;

i) Aprovar, sob proposta do Conselho Directivo, o sentido de voto do accionista SCP em futura Assembleia Geral da Sporting Clube de Portugal - Futebol SAD que permita a emissão por esta sociedade de Valores Mobiliários Obrigatoriamente Convertíveis em acções da sociedade (“VMOC”), escriturais e nominativos, no montante máximo de Euro 55.000.000,00 (cinquenta e cinco milões de euros, com supressão do direito de preferência dos accionistas da Sporting Clube de Portugal - Futebol SAD na respectiva subscrição. 
Que sejam conferidos ao Conselho Directivo os mais amplos poderes para negociar e definir com os Bancos os termos e condições jurídicas das operações acima identificadas, incluindo mas não limitando a definição e fixação dos termos e condições financeiras do empréstimo referido em c) e bem assim do fundamento e montantes máximos das hipotecas referidas nas alíneas d) e e) e dos penhores referidos em f), bem como para praticar e promover todos os actos que se mostrem convenientes a estes fins. 

Lisboa, 20 de Junho de 2013. 
O Conselho Directivo do Sporting Clube de Portugal

SL
José