"Tu vais vencer, Podes crer, Porque a nossa força é brutal. Mais de um século de histórias para contar. Sporting, tu nunca vais acabar" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

domingo, agosto 31, 2014

4 pontos de atraso... à 3ª jornada!

Lion King

Jornada 3: Benfica-Sporting

Jornada 3
Benfica-Sporting
Domingo, 31/08/2014, 19h00
Estádio da Luz

Últimas 10 épocas:
2013/14 (j18) - D 0-2 (Gaitán 28, Enzo 76)
2012/13 (j26) - D 0-2 (Salvio 36, Lima 75)
2011/12 (j11) - D 0-1 (Javi Garcia 42)
2010/11 (j05) - D 0-2 (Cardozo 13, 50)
2009/10 (j26) - D 0-2 Cardozo 68, Aimar 79)
2008/09 (j04) - D 0-2 (Reyes 67, Sidnei 72)
2007/08 (j06) - E 0-0
2006/07 (j27) - E 1-1 (Liedson 2, Miccoli 23)
2005/06 (j20) - V 3-1 (Sabrosa 27, Sá Pinto 64, Liedson 73, 82)
2004/05 (j33) - D 0-1 (Luisão 83)

Os últimos 10 confrontos na Luz trazem-nos à memória muitas recordações, infelizmente muitas delas negativas, como a derrota de 2004/05 que nos impediu de chegar ao título nessa época. Uma derrota a meias entre a falta de Luisão, a inépcia de Ricardo e o jeitinho do lampião Paraty.

E se de lampiões falamos, podemos recordar sempre a "Capelada" de 2012/13 onde o roubo monumental trouxe ao léxico futebolístico o "limpinho, limpinho" proferido pelo triste treinador dos vermelhos.

A última vitória leonina remonta já à distante época de 2005/06 numa espectacular remontada numa noite de chuva, com uma grande segunda parte sob o comando de Sá Pinto e Liedson.
O último golo apontado vem da época seguinte 2006/07, também da autoria de Liedson, num jogo em que a vitória nos poderia ter conduzido igualmente ao título, mas o nosso treinador dava pelo nome de Paulo Bento, tendo este preferido guardar o empate e um segundo lugar à frente do Benfica, em vez de procurar a vitória e o título.

Nas últimas 5 épocas, apenas numa estivemos perto de voltar a triunfar, em 2011/12, onde um golo de Javi Garcia nos derrotou perante a incapacidade concretizadora leonina, sobretudo de Elias.

No jogo da última época, marcado pelo adiamento devido à chuva da lã de vidro, trouxe-nos um dos piores derbies do Sporting, sendo dominado durante todo o jogo, demonstrando muito pouco do que nos apresentara ao longo da época e sentindo demasiado a falta de William Carvalho. 

O jogo:
Contrariamente às últimas épocas, o favoritismo benfiquista é muito menor.
Os nossos próprios adversários, apesar da sua habitual bazófia lampiã, sentem que esta época estamos perante um derbie muito mais equilibrado quando se contam as armas de um lado e de outro e se analisa a forma e o momento de jogadores-chave.
Do lado do Sporting, saúda-se o regresso de William e a possibilidade de vir a contar com Slimani durante o jogo (quem não se lembra daquela entrada de Super Slim no jogo da Taça de Portugal na última época?).
Contaremos também com um Nani menos ansioso e, espera-se, decisivo.
A nossa possível fragilidade poderá estar na defesa onde Sarr e Maurício são uma dupla ainda pouco rodada, sendo este o primeiro teste de fogo. Na direita, nova ausência de Cedric garante a titularidade a Esgaio, jogador de caria mais ofensivo que defensivo.
A grande dúvida no onze leonino será mesmo a opção para avançado (Montero, Tanaka ou Slimani?) e saber se Mané será premiado com a titularidade depois de ter garantido a vitória frente ao Arouca.

Mas é também na defesa que este Benfica será mais permeável. A experiência existe, mas a falta de velocidade de Luisão, Jardel, Maxi e Eliseu podem e devem ser aproveitadas pelos nossos avançados.
A incógnita Enzo poderá também ser essencial para que o nosso meio campo domine o jogo perante um André Almeida que só convence mesmo Paulo Bento, sendo inclusivamente a última opção de JJ...
Nas alas estão os pontos forte do Benfica com Salvio e Gaitán, os únicos que são realmente acima da média no onze vermelho. No ataque, espera-se que Lima continue a sua seca.

Há muito que os bilhetes destinados ao Sporting se esgotaram em Alvalade, pelo que se esperam nas bancadas muitos milhares de leões a apoiar a nossa equipa.
Força Sporting!

O árbitro:
Pedro Proença - AF Lisboa
Longo é o historial de arbitragens de Proença tendo o Sporting como interveniente, o último, na vitória por 1-0 sobre o FCP (Slimani).
Mas as más memórias deste apitador começam precisamente na última época, no Estoril-Sporting (0-0), com uma arbitragem manhosa, permissiva e a castigar com amarelos os jogadores leoninos, além de decisões, no mínimo, polémicas.
A conjugação de uma série de factores permitiu que Proença atingisse uma carreira internacional ímpar, mas a verdade é que a nível interno nunca demonstrou real valor para ter merecido tal projecção.

Totobola: 1X2
Quebrar o enguiço é o desejo de todos nós mas derby é derby e o resultado será sempre uma incógnita.
Esperemos que no final do jogo o sorriso seja verde e branco!

SL
José

sábado, agosto 30, 2014

Devia dar direito a indemnização

O Sporting viu-se confrontado antes do início do campeonato com um caso de indisciplina protagonizado por Slimani, creio que esta situação que foi bastante prejudicial ao clube encerra uma questão pertinente que reside no castigo a aplicar a profissionais que são pagos a peso de ouro para fazerem o que deviam que era concentrarem-se apenas em jogar futebol e dar o melhor pelo clube que lhes paga, contribuíndo para que eles enriqueçam.

Creio que se devia mudar no Sporting o paradigma para o castigo a aplicar neste tipo de casos. Se no regulamento interno existir uma norma que obrigasse os jogadores que prevaricam a indemnizar o clube em alguns milhões de euros talvez eles pensassem duas vezes em faltar ao respeito a quem lhes enriquece mensalmente a conta bancária.

Lion King

sexta-feira, agosto 29, 2014

Respeito pelo Sporting



 José Mourinho:

 «Jogamos contra uma equipa alemã. E os alemães são alemães. Campeões do mundo. São difíceis.

Respeito sempre as equipas portuguesas. Não porque sou português, mas porque as conheço bem. A Liga Portuguesa tem três grandes equipas. São três grandes equipas, com jogadores experientes. O Sporting é um adversário difícil. 

O Maribor traz o perigo de serem novos, não têm nada a perder, e têm tudo a ganhar».

Nuno M Almeida

quinta-feira, agosto 28, 2014

Temos perspectivas para passarmos













Chelsea, Schalke 04 e Maribor foram os adversários que nos tocaram em sorte. Temos hipóteses!
 
Lion King

quarta-feira, agosto 27, 2014

Potes definidos para o sorteio de amanhã

Aqui fica a composição dos 4 potes referentes ao sorteio da fase de grupos da Liga dos Campeões onde o Sporting irá conhecer o que lhe tocará em sorte:


POTE 1
Real Madrid
Barcelona
Bayern de Munique
Chelsea
Benfica
Atlético de Madrid 
Arsenal 
Porto

POTE 2
Schalke 04
Borussia de Dortmund
Juventus
Paris Saint-Germain
Shakhtar Donetsk
Basileia 
Zenit
Manchester City

POTE 3  
Bayer Leverkusen
Olympiakos
CSKA de Moscovo
Ajax
Liverpool
SPORTING
Galatasaray 
Atlético de Bilbau 

POTE 4
Anderlecht
Roma 
APOEL de Nicósia 
BATE Borisov 
Ludogorets
Maribor
Mónaco 
Malmö
 
Lion King

terça-feira, agosto 26, 2014

Para quando a expulsão de sócio?

Ainda este fim-de-semana se assistiu a mais um devaneio da personagem descrita na imagem deste post. Disse este energúmeno que no intervalo do jogo do Bessa não se referiu a nenhuma situação em relação ao jogo que estava a disputar quando se dirigiu ao árbitro dizendo que estava ser uma vergonha. Certamente devia estar a referir-se ao facto da cor do tremelinho do Manuel do Laço ser preto-e-branco quando devia ser encarnado...


A pergunta que deixo aos responsáveis do Sporting é: para quando a expulsão de sócio do SCP desta personagem? Para quando o mesmo tratamento dado ao 'Orelhas', outro ex-sócio do SCP? É que estas figurinhas são useiras e vezeiras em tentar denegrir o SCP e não podemos continuar a pactuar com isto...

Lion King

segunda-feira, agosto 25, 2014

Broncas à portuguesa

Para desanuviar de análises ao triunfo arrancado a ferros frente ao Arouca, e em plena silly season, fica aqui o link para um bom momento de humor nacional:

Troca de mimos entre Santos e Simões

Nuno M Almeida

sábado, agosto 23, 2014

Golo nos descontos derruba adversário algarvio

Lion King

Jornada 2: Sporting-Arouca

Jornada 2
Sporting-Arouca
Sábado, 23/08/2014, 20h30
Estádio José Alvalade

Últimas 5 épocas:
2013/14 (j01) - V 5-1 (Bruno Amaro 19, Maurício 30, Montero 38, 70 e 86, Wilson Eduardo 66)

O jogo:
Se há uma semana todos sentíamos, antes, durante e depois do jogo, o efeito dos casos Rojo e Slimani, hoje é o efeito Nani que nos provoca uma sensação diferente, de maior crença neste Sporting e a certeza que arrecadando os 3 pontos hoje e praticando uma exibição convincente, poderemos dar o pontapé de saída para uma grande época .

Mas um passo de cada vez e hoje é a vez do Arouca.
Este Arouca que na última época se revelou um problema complicado de resolver nos dois jogos disputados, com o seu "goleador" Bruno Amaro em evidência e a marcar em ambos os encontros disputados.
Estivemos a perder em casa e fora, apesar de no jogo em Alvalade conseguirmos terminar com uma goelada de 5-1 e hat-trick de Montero na sua estreia.
E que bom seria ver esse Montero regressar hoje!

Nani será hoje opção e não me surpreenderia e até apoiaria se entrasse no 11 de início.
Porquê dar esperança ao adversário quando podemos entrar logo a matar desde o primeiro apito, contando com um público ao rubro no apoio à sua equipa e à nossa estrela?

Do lado das ausências, duas muito importantes, William e Cedric.
Nos seus lugares, Rosell e Esgaio, que certamente quererão agarrar a oportunidade de se mostrar aos sportinguistas.

40.000 em Alvalade para estreia é sem dúvida um motivo extra para marcarmos presença e apoiar do 1º ao último minuto na conquista dos primeiros 3 pontos.

O adversário:
O Arouca parte para o segundo ano na I Liga mantendo o mesmo treinador, Pedro Emanuel, que sem deslumbrar, cumpriu os mínimos na última época, mantendo a equipa na divisão principal e criando dificuldades aos adversários (relembre-se o empate na Luz que devia ter sido vitória e as dificuldades do Sporting no pantanal de Arouca).
O Arouca 14/15 mantém-se uma equipa sem estrelas mas muito lutadora. Manteve os lutadores Bruno Amaro, Pintassilgo, Diego Queiroz, Balliu e David Simão (mais um da "melhor escola de formação do mundo" que não teve lugar ao sol em Carnide).

Para  jogo de hoje apresenta também algumas novidades mas claramente sem loucuras orçamentais:
- Goicoechea (ex-Otelul), guarda-redes uruguaio de 26 anos com passagem pela Roma; Tomás Dabó (ex-Braga), defesa guineense de 20, formado nas escolas dos arcebispos; Nelsinho (ex-Portimonense), defesa brasileiro de 26 anos; Artur Moreira (ex-Marítimo), médio de 30 anos; Petrolina (ex-Videoton), médio de 28 anos que já tinha passado pelo Beira-Mar; Diallo (ex-Ferencvaros), avançado de 21 anos.
Do lado das saídas as mais sonantes foram as do nosso Cissé, o goleador Roberto e o guardião Cássio.

Este Arouca parecendo uma equipa frágil, só o será se o Sporting jogar concentrado, entregando uma intensidade muito superior à que tem demonstrado nos últimos jogos e exercendo muita pressão sobre o portador da bola logo à saída de jogo. Serão factores essenciais para conseguirmos resolver este jogo rapidamente.
Carrillo de um lado e Nani do outro podem sem dúvida ser essenciais para o desbloquear do jogo a nosso favor.
Força Sporting!

O árbitro:
Nuno Almeida - AF Porto
O homónimo do nosso amigo Leonino apitou um único jogo da equipa principal do Sporting na jornada 25 da época passada.
A arbitragem nesse jogo teve dois erros: golo mal anulado a Montero (mais um contributo para o longo jejum) e uma hipotética expulsão perdoada a Adrien Silva.

Totobola: 1
Não há volta a dar, ou ganhamos, ou...ganhamos!

SL
José

sexta-feira, agosto 22, 2014

Não sejam ridículos!




Bruno Carvalho: «estratégia patética e de quase aflição por parte do Benfica relativamente à dívida do Sporting, o único objetivo é desviar as atenções da sua realidade financeira. Não têm capacidade de fazer a gestão procurando, antes, lançar poeira para cima do Sporting. Ou escolhem outro clube que seja amedrontado e tenha medo do bicho papão e se cale, ou então o Sporting irá continuar a denunciar situações de não igualdade naquilo que é a concorrência saudável e a verdade desportiva».

De facto, apesar de achar que o presidente do Sporting exagera nas suas aparições e declarações
 - o que encerra sempre o risco da banalização das intervenções - tenho que concordar com Bruno Carvalho. É, no mínimo, patético que agora, de modo concertado, venham tantas vozes do outro lado da segunda circular aludir constantemente a um pretenso perdão de dívida por parte da banca ao Sporting.

É curioso que tudo isto ocorra numa altura em que na Luz se viu que o rei vai nu agora que o filão do BES secou. Com o pânico instalado porque o círculo vicioso de empréstimo obrigacionista sobre empréstimo obrigacionista tinha que ter um fim (e uma brutal factura a pagar) e porque a subserviência aos fundos de jogadores acarreta um preço elevado, lembraram-se agora de uma patética estratégia de fuga para a frente, acusando o Sporting, apenas e só porque em Alvalade, por força da situação e porque a conjuntura da banca não era tão má quanto agora, renegociou-se com sucesso a nossa dívida.

Até um tal de Pedro Guerra, um inenarrável adepto do SLB que faz de porta-voz não oficial dos encarnados na CM TV, a pretexto de tudo e de nada, vem constantemente com esse tema para cima da mesa. Chegou já ao ponto de dizer que é uma injustiça para os portugueses que o Sporting tenha sido alvo de um perdão por parte da banca. Para além de ser mentira, é ridículo e calunioso. Tentar virar a opinião pública contra as nossas cores é patético. Sobretudo quando essa atoarda vem das bandas de uma colectividade que há décadas anda ao colo do poder político, económico e financeiro.

Façam-nos um favor: CALEM-SE... e olhem para dentro da vossa própria casa!


Nuno M Almeida

terça-feira, agosto 19, 2014

Negócio fechado com Red Devils



RR:

A SAD do Sporting anunciou, em comunicado enviado à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a venda do passe de Marcos Rojo ao Manchester United, a troco de 20 milhões de euros e a contratação de Nani, em simultâneo, por empréstimo de uma temporada, da parte dos ingleses.

O emblema de Alvalade, que rescindiu recentemente o contrato que tinha estabelecido com o fundo Doyen Sports - detentor do passe de Rojo - e que previa que os leões detinham apenas 25% do passe do defesa argentino, revelou que vai restituir "de imediato o valor investido por esta entidade [cerca de três milhões de euros], nos termos legais".

Ora, em relação ao "bolo" global do negócio, o Sporting adianta que os 20 milhões serão pagos em três fases: 10 milhões de euros de imediato e duas prestações de cinco milhões cada, pagas a 1 de Dezembro de 2014 e 1 de Julho de 2015.

Deste valor, o Sporting terá ainda que pagar quatro milhões de euros ao Spartak Moscovo - anterior clube de Rojo -, "em proporção dos valores recebidos pela Sporting SAD do Manchester United". Tudo somado, o Sporting receberá 13 milhões de euros, se se subtrair os montantes devido ao clube russo e ao fundo Doyen Sports.

Todavia, os vicecampeões nacionais adiantam que garantiram, junto dos "red devils", uma percentagem de 20% a receber da mais-valia numa futura transferência de Rojo "por montante superior a 23 milhões de euros".

Quanto a Nani, o extremo internacional português representará o Sporting "livre de encargos" com salários por parte do clube português. Ou seja, o United suportará a totalidade do ordenado do avançado formado nas escolas leoninas.

Nuno M Almeida

Nani em Alvalade?

Notícia RTP:

Nani será confirmado nas próximas horas como jogador do Sporting, o jogador já está a fazer exames médicos. O extremo vai ficar uma época em Alvalade, por empréstimo do Manchester United. O negócio envolve a transferência de Marcos Rojo para o clube inglês.


A confirmar-se o regresso a casa do maior talento nacional das últimas décadas, a seguir a Cristiano Ronaldo, diria que só o privilégio de ver este craque a pisar o relvado de Alvalade já justificou a renovação da gamebox!



Nuno M Almeida

segunda-feira, agosto 18, 2014

Keep calm... e sejamos optimistas!



Eu sei que a nação leonina, um pouco à imagem do país, tem o hábito de ir com uma velocidade meteórica da depressão à euforia, e vice-versa. E muito desse fenómeno deve-se a anos e anos de esperanças e ambições goradas, umas por erros próprios, outras por 'erros' alheios, geralmente da autoria de uma certa gentinha com apito na boca.

Perdemos dois pontos em Coimbra, e perdêmo-los bem. Há que ser honesto e reconhecer que fomos infelizes mas também incompetentes, não só porque não soubemos matar o jogo quando estávamos com claro domínio das incidências, mas também porque embora a jogar com dez não soubemos gerir e manter a vantagem. 

Confesso que não gostei de três coisas:

1. Da displicência com que vejo William Carvalho há algum tempo a abordar os jogos, sendo que a cereja no topo do bolo foi esta estúpida - sim, estúpida - acumulação de cartões amarelos na partida de Coimbra. Absolutamente desnecessária e tremendamente injusta para os seus colegas, tornando a tarefa destes bem mais complicada, sobretudo numa fase em que a Briosa estava em crescendo. Talvez seja tempo de arrumar as ideias e deixar de dar demasiada importância aos milhões que se vão lendo nos jornais. Caro William, o papel aguenta tudo, até mesmo alguns delírios jornalísticos ou especulações infundadas. Por isso há que dar desconto ao que se vai lendo...

2. Das afirmações infelizes - embora com a atenuante de serem a quente - de Adrien, a insinuar que havíamos sido prejudicados por erros de arbitragem. Caro Adrien, se queremos ser levados a sério, se queremos rectificar erros temos antes de mais de assumi-los, não atirar constantemente para os outros a origem das nossas falhas. Não podemos banalizar argumentos, sobretudo quando estes não são legítimos. Se houve erro de arbitragem foi paradoxalmente a beneficiar-nos já que na minha opinião Jefferson fez penalty. Por isso, cuidado com Pedros e com Lobos...

3. Da atitude da equipa. Se houve algo que no ano passado caracterizou a nossa equipa foi a sua forte personalidade, a sua garra, consistência e sólido espírito de equipa. Pode ser má-vontade minha mas pouco disso vi no sábado em Coimbra.

Há males que vêm por bem, e se calhar esta perda prematura de dois pontos pode ter o condão de, no timing certo, arrefecer euforias - sem caír forçosamente em depressões - de diagnosticar ainda perfeitamente a tempo - no início de uma longa maratona de 34 jornadas - tudo aquilo que precisa de ser corrigido e, last but not the least, de arrumar a casa até porque o fecho do período de transferências está perto. E estando perto, em breve se verá o epílogo de novelas indesejáveis como as de Rojo e Slimani. William Carvalho, sendo um rapaz inteligente, seguramente que também assentará a poeira na sua cabeça, desligará o radar de outras paragens e quem ainda tiver de chegar, chegará, quem tiver de saír, sairá. Perguntar-me-ão se até agora me parece lógica a política de contratações? Direi que não. Tal como já alguém escreveu preferiria menos reforços, mas de maior qualidade ou pelo menos com credenciais mais sólidas. Slavchev? Geraldes? Sarr? Gauld? Torço o nariz a estes nomes mas ao mesmo tempo tenho de ser honesto e questionar: há 1 ano alguém conhecia uns tais de Montero, Slimani e William Carvalho?

Marco Silva merece toda a minha confiança, fez um grande trabalho no Estoril, há que dar tempo a quem deixou de dirigir uma avioneta para estar agora a comandar o cockpit de um Boeing. Vejamos com atenção a carreira de Leonardo Jardim no Mónaco até ao momento (dois jogos na liga francesa, duas derrotas) e talvez assim nos deixemos de comparações... Nem este passou de bestial a besta, nem Marco Silva deixou o seu enorme potencial na Linha quando se mudou para Alvalade.

Vamos continuar a acreditar neste grupo de trabalho, dar tempo a que as etapas sejam devidamente cumpridas e sempre que possível apoiar entusiasticamente com a nossa presença nos jogos! Tudo o resto é a habitual conversa de café e a argumentação típica da silly season.

Nuno M Almeida

Retratação não aceite

Rojo retractou-se ontem na Sporting TV, onde demonstrou arrependimento pela falta de profissionalismo que demonstrou.


Pela minha parte, este pedido de desculpas não tem forma de ser aceite, pois o comportamento do argentino para com um clube que o acolheu quando a sua carreira estava numa fase algo negativa foi demasiado grave.

Rojo diz que vai corrigir as coisas, eu pergunto, se o Sporting não for campeão com dois pontos de atraso como é que ele pensa solucionar essa situação, pois a ausência dele em Coimbra teve esses mesmos custos desportivos muito gravosos para o clube?

Lion King

sábado, agosto 16, 2014

Mudança de mentalidade no clube ainda não chegou à equipa

Prevejo muito trabalho para Marco Silva para que a mentalidade vencedora inerente aos jogadores do Sporting venha ao de cima... para evitar no futuro sofrermos dissabores como o que aconteceu hoje para lá do minuto 90.

Lion King

Jornada 1: Académica-Sporting

Jornada 1
Académica-Sporting
16/08/2014, 20h30
Estádio Cidade de Coimbra

Últimas 5 épocas:
2013/14 (j02) - V 4-0 (Carrillo 23, Rojo 42, Adrien 54 g.p., Montero 56 g.p.)
2012/13 (j22) - E 1-1 (Wilson Eduardo 26 g.p.,Wolfswinkel 78)
2011/12 (j13) - E 1-1 (Éder 28, Elias 80)
2010/11 (j11) - V 2-1 (Valdés 9 g.p., Vukcevic 32, Fidalgo 47)
2009/10 (j03) - V 2-0 (Liedson 64, Djaló 84)

O jogo:
Ao contrário do que seria expectável, não se afigura nada fácil e muito menos pacífica, a estreia do Sporting na Liga 2014/15.
Uma época em que os sportinguistas depositam fundadas esperanças face ao plantel às ordens de Marco Silva e sobretudo pela estabilidade que se viveu até ao início da presente semana.

E é pelo nosso treinador  que quero começar, pois a perda de Rojo e Slimani e todo o impacto que resulta desta turbulência de saídas e processos disciplinares, deixa nas mãos do nosso mister a primeira prova de fogo na prova. Cabe a MS mostrar já o seu valor e unir o grupo em volta do único objectivo possível, entrar com o pé direito em Coimbra e conquistar os 3 pontos.

O centro da nossa defesa terá assim necessariamente de sofrer alterações com a entrada, possivelmente, de Paulo Oliveira.
Na frente, Slimani não deveria ser titular face aos poucos minutos na pré-época, mas seria, como sempre foi, uma excelente arma para lançar durante o jogo. No seu lugar surgirá Tanaka, que também tem deixado boas impressões nos minutos que lhe têm sido dados.

Não há que esconder que este Sporting, sem Slimani e Rojo, está mais fraco e precisa de ser reforçado, caso, como se espera, se concretizem as saídas dos 2 jogadores indicados.
Também não esperava que ambos se mantivessem por cá muito tempo depois das boas prestações no Mundial.
Não nos podemos é dar ao luxo de prolongar o braço-de-ferro por muito mais tempo.
O mercado fecha no fim do mês e perdendo o Sporting dois jogadores tão influentes, cabe à Direcção dar a Marco Silva a necessária compensação com reforços de valor.

Tenho no entanto a esperança e a certeza que MS e os jogadores vão saber responder amanhã em campo com uma exibição e futebol suficientes para nos fazerem trazer os 3 pontos para casa e dando-nos primeira alegria da época num estádio que terá garantidamente milhares de leões a puxar pela sua equipa.
Força Sporting!


O adversário:
A Académica apresenta-se para esta nova época com muitas caras novas, com destaque para os 12 estrangeiros adquiridos. Entre aquisições e regressos, destacam-se:
- Oualembo (ex-Lechia Gdansk), congolês de 27 anos, formado nas escolas do PSG e com passagens por Espanha e Itália;
- Rui Pedro (ex-Cluj), português de 26 anos formado nas escolas portistas. Lee (ex-Atlético Mineiro), guardião brasileiro de 26 anos;
- Obiorah (ex-Cordoba), nigeriano de 23 anos com passagens pelo Murcia, Inter, Parma e Cluj;
- Mineiro (ex-Vitória), médio brasileiro de 22 anos;
- Olascuaga (ex-Universitario), avançado peruano de 22 anos;
- Schumacher (ex-Ferroviária), avançado de 27 anos e com forte experiência em diversos campeonatos europeus e com passagens pelo Ascoli, Udinese e Austria Viena;
- Lino (ex-PAOK), 37 anos, experiente defesa conhecedor e já com passagem por Coimbra em 2006/07.
Estas aquisições visam preencher as saídas dos influentes Ricardo, Djavan, Halliche, Salvador Agra e Makelele, responsáveis pela época sem sobressaltos que a Académica efectuou o ano passado.
O comando da equipa também mudou e está agora entregue ao nosso bem conhecido Paulo Sérgio, que tem acumulado mais insucessos que sucessos nos seus últimos anos como treinador.

O árbitro:
Artur Soares Dias - AF Porto
É curiosamente o mesmo árbitro do AAA-Sporting da época passada que vencemos por 4-0, num jogo em que assinalou 2 penalties a nosso favor. Esteve também na nossa derrota no Dragão (1-3). Apitou ainda o Sporting-Braga (2-1)

Totobola: 2

Convido todos os leões que aqui passam a exprimir os vossos desejos, receios e esperanças para este jogo estreia do nosso Sporting.

SL
José

quinta-feira, agosto 14, 2014

Doyen


Depois do comunicado emitido ontem pela Doyen Sports, detentor de 75% do passe de Marcos Rojo (http://www.ojogo.pt/futebol/1a_liga/sporting/interior.aspx?content_id=4077316&page=-1), esperava-se a natural reacção do Sporting e da sua Direcção, o que aconteceu já esta madrugada/manhã (http://www.sporting.pt/Noticias/Clube/notclube_futcomunicadosaddoyen_140814_130459.asp).

O suposto comportamento imaculado que a Doyen diz assumir no seu comunicado, respeitando a decisão do Sporting, contrasta com a sua verdadeira atitude incendiária dos últimos dias, sendo que a sua forma de actuar passa claramente pela destabilização do jogador, colocando-o em guerra aberta com o clube para forçar a saída.

Sem surpresas, o nome dos corruptos do Norte aparece ligado a estes esquemas e a personagens de caracter duvidoso como o CEO da Doyen, conforme espelha o comunicado do SCP:
"...pois o seu CEO, Sr. Nélio Lucas, conseguiu transformar uma proposta que fez ao Sporting de 20M, no dia 24/05/2014, para a aquisição do atleta Brahimi, em 6,5M para outro clube português conforme é do domínio público".

A Doyen não quer ceder qualquer fatia do seu lucro neste negócio.

O Sporting pouco ou nada ganhará com este negócio (na ordem do milhão de euros apenas), pelo que, ou a contrapartida é maior ou não há negócio.

Um braço de ferro que teima em prolongar-se, mas no qual o Sporting tem pouco ou nada a perder do ponto de vista financeiro, limitando-se a perda ao aspecto desportivo, deixando de poder utilizar um jogador que fez uma excelente época em 2013/14.

SL
José

P.S. Não deixa de ser curioso ler mais uma entrevista de um dirigente benfiquista (José Eduardo Moniz), onde, tal como já fez LF Vieira anteriormente, e perante as perguntas sobre a actual situação financeira do clube, se responda acusando o Sporting de ser beneficiado pelo "sistema" bancário.
Só rir como eta gente...

terça-feira, agosto 12, 2014

Temos Presidente!

Ouvi esta noite Bruno de Carvalho falar na Sporting TV sobre os casos de Slimani e Rojo e gostei bastante da postura do presidente em termos da defesa intransigente dos interesses do clube no que toca a estes amuos de jogadores que pensam que são grandes estrelas, mas que na realidade, ainda ganharam muito pouco em termos de títulos no contexto do futebol mundial.

É lamentável que na altura de assinarem contrato com o Sporting o façam por longos períodos olhando para o lado financeiro da questão, sendo que se entretanto se valorizarem tentem unilateralmente a saída. Faria todo o sentido que eles pensassem antes de assinarem, neste caso por um ano ou dois pois assim teriam que justificar dentro de campo a renovação quase anual do contrato com o Sporting, ao invés de virem dizer que quer joguem quer não joguem têm o guito garantido por um longo período de tempo...

Lion King

domingo, agosto 10, 2014

Uma imagem diferente da de ontem, estamos preparados

Nem ontem estava tudo mal, nem hoje - num jogo em que jogamos melhor criando oportunidades de golo fruto de um jogo mais fluído - está tudo bem. Nem poderia estar, pois não é em mês e meio de trabalho que uma equipa atinge a sua forma, acrescentando o facto de alguns jogadores muito importantes terem chegado à relativamente pouco tempo fruto da sua participação no Mundial.

Acima de tudo parece-me que estamos em condições de iniciar bem o campeonato no próximo sábado, em Coimbra. Existiu uma tentativa de Marco Silva em dar ritmo aos jogadores de forma a podermos ter boas soluções para começar a dar vitórias à equipa. Oxalá possamos no final do jogo contra os academistas, dizer que Coimbra tem mais encanto na hora da despedida, sendo que é necessário um grande apoio da nossa incansável massa adepta para que o nosso objectivo se materialize no final do Campeonato.
Em frente, Sporting!

Lion King

sábado, agosto 09, 2014

Uma equipa a precisar de se fortalecer, aí está Rabia

Em relação à meia-final que disputamos hoje relativa ao torneio na Corunha, creio que ainda falta muito trabalho para atingirmos os patamares que todos pretendemos, mas confio em Marco Silva. Para que esse caminho seja encurtado aí está Ramy Rabia, para reforçar o centro da defesa leonina.

Bem-vindo, Rabia!


Lion King

sexta-feira, agosto 08, 2014

Parece que é desta!

"Estou um pouco ansioso para viajar. Sei que vou esta noite para Portugal e terei de fazer depois os exames médicos. Ontem falei com o Marcos Rojo e ele disse-me como são as coisas. Disse-me que é tudo muito bonito, além de ser um grande grupo".

Jonathan Silva está mesmo a caminho de Alvalade, sendo caso para dizer, Finalmente!
As negociações arrastam-se desde Junho passado e parecem ter finalmente o desenlace com a contratação do jovem internacional sub-17 argentino (em 2011), por uma verba a rondar os 2.6M€ por 80% do passe.

A verba despendida, tal como no caso de Gauld, é elevada e certamente só se justifica pela entrada dos 5M€ da venda de Dier ao Tottenham, permitindo ao Sporting apontar para jogadores com um potencial mais elevado e investindo como não o pôde fazer em 2013/14.

O jovem lateral esquerdo de 20 anos do Estudiantes vem preencher uma lacuna do plantel, a de alternativa para defesa esquerdo, esperando que possa ombrear pela titularidade com Jefferson, motivando este para voltar ao nível demonstrado em boa parte da época passada.

Jonathan, já agora, podes crer que é mesmo um grande grupo e terás em Rojo um grande padrinho para te integrar rapidamente!

SL
José

quarta-feira, agosto 06, 2014

6 de Agosto de 2003

Cumprem-se hoje 11 anos desde que a nova casa de todos os sportinguistas foi inaugurada. Um dia memorável para várias gerações leoninas, uma celebração única e um excelente convidado que abrilhantou a festa: o colosso Manchester United. Foi também o dia em que um génio do futebol mundial explodiu no seu talento, na sua enorme e inigualável classe: Cristiano Ronaldo!

Eu estive lá - interrompi para o efeito as minhas férias - e orgulhosamente, lado a lado com milhares de leões vivenciei um momento único... e tanto nos bons como nos maus momentos fiz sempre questão de nunca falhar a renovação do meu lugar anual nesse maravilhoso estádio! Ainda por cima, nestas épocas mais recentes, com a alegria adicional de também já ter ao meu lado o meu filho mais velho - entretanto nascido - igualmente sócio e detentor de lugar anual.

Que continue a ser durante muitos e bons anos a nossa casa... mesmo não tendo ainda sido celebrado um título de campeão nacional no novo templo do leão. É que enquanto uns alimentam o seu clubismo apenas à custa de títulos, nós - todos os sportinguistas, sem excepção - alimentamos o nosso amor clubístico com base numa enorme - e incondicional - paixão pelo maior e melhor emblema do mundo: O EMBLEMA DO LEÃO!


Nuno M Almeida

segunda-feira, agosto 04, 2014

Mais uma etapa de preparação cumprida

Do jogo de preparação de hoje, destacaria Tanaka por ter marcado um golo que demonstra ser um jogador com recursos técnicos acima da média e ainda João Mário e Jefferson. Quanto ao médio português os pormenores de controlo do jogo quando tem a bola em seu poder indicam que estamos em presença de um 'patrão' de uma equipa, já quanto ao lateral brasileiro é um elemento num momento de forma já assinalável fruto também de não ter concorrência apesar de achar que ainda vai chegar um lateral-esquerdo ao plantel.

Quanto à equipa na sua globalidade, penso que temos que ser mais intensos e rápidos a circular a bola, espero que no tempo que resta até ao torneio que disputaremos na Corunha, Marco Silva prepare a equipa para já estarmos num nível de pré-competição.

Lion King

sábado, agosto 02, 2014

Equipa B: para além de também termos equipa, temos muito potencial

A nossa equipa B acaba de "estragar" a apresentação do Boavista, vencendo por 3-1 no Bessa. Perspectiva-se mais uma grande temporada dos nossos jovens leões cheios de valor e potencial e que serão o futuro do Sporting, que assim se antevê risonho sendo um sinal claro de que se está a trabalhar muito bem no futebol do clube.

Lion King

sexta-feira, agosto 01, 2014

Foi bom, temos equipa

Lion King