"Tu vais vencer, Podes crer, Porque a nossa força é brutal. Mais de um século de histórias para contar. Sporting, tu nunca vais acabar" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

sexta-feira, agosto 31, 2007

O futuro próximo

Grupo idêntico, sorte idêntica?

A sorte (a falta dela) ditou-nos um grupo em tudo idêntico ao do ano passado. O Manchester faz a vez do Inter, o Roma a do Bayern e o Dínamo está no lugar do Spartak de Moscovo. As datas dos jogos ainda mais acentuam essa ideia. Apesar disso vamos ficar com algum destes clubes abaixo de nós, fazendo melhor do que o ano passado? É a classificação para a fase seguinte um objectivo realista? Como dizia ontem “O factor sorte será importante, sem dúvida. Mas decisiva será a forma como forem abordados os 90m de cada partida. Se for semelhante à que tivemos o ano passado no jogo com o Inter em Alvalade e na 2ª parte em Moscovo, acredito que estaremos mais perto da glória”.

Estas perguntas terão resposta o mais tardar a 12 de Dezembro quando recebermos os ucranianos em Alvalade. Por enquanto é a altura de analisar a constituição do grupo:

O Manchester é o actual campeão inglês e será o que melhor conhecemos, por força da sua forte exposição mediática, acrescido do facto de que tem sido o principal destino das nossas mais recentes exportações de talentos: Ronaldo e Nani. Dispensa apresentações. Só por curiosidade: será que aqueles que, em Alvalade, assobiavam Nani agora o vão aplaudir de pé?...

A Roma foi a 2ª classificada do campeonato italiano, o que por si só diz tudo acerca do seu potencial. Juntou ao talento de Toti as aquisições Cicinho, Giuly, Juan e Vucinic. Tem nos seus quadros um dos jovens transalpinos mais talentosos: Aquilani. Um adversário de peso, se juntarmos ao seu potencial a nossa tradicional alergia à “pasta”…

O Dínamo de Kiev é um nome ilustre mas um autêntico desconhecido. Aqui joga o nosso conhecido Artem Milevsky, diversas vezes apontado como possível reforço, juntamente com diversos brasileiros de qualidade. Para aqueles que acham que temos aqui a nossa oportunidade convém ter em conta que, no recentemente apuramento para a Champions, aplicaram 4 golos sem respostas aos bósnios do Sarajevo, no computo das 2 mãos. Não se esperam facilidades. Como nota de curiosidade sobre o poderio económico destes ucranianos, convém lembrar que tentaram, até à última, o regresso de Schevchenko, de Mourinho.

O jogo mais difícil do ano: Belenenses.

O jogo seguinte é sempre o jogo mais difícil. Porque os que já se jogaram já passaram e não podem ser alterados, e porque os outros ainda estão para chegar. Esta evidência lapalissiana ganha mais força sabendo que acabamos de sair de uma derrota com um concorrente directo, num jogo em que não estivemos bem e ainda por cima fomos “empurrados para fora do ringue”…

A luz ao fundo do túnel: acordo com a CML.

As notícias aqui de que existe um acordo que porá termo a um folhetim muito mal realizado, sobre o famoso loteamento, que envolve o SCP e a CML, parece estar a chegar ao seu episódio final. Ou não?...

verdão

quinta-feira, agosto 30, 2007

Sorteio dita reencontros



Grupo F:

Manchester United (Inglaterra)
AS Roma (Itália)
D. Kiev (Ucrânia)


Só perde à partida quem desiste, por isso vamos à luta que todos estes adversários podem ser por nós derrotados.

E já agora: será um prazer rever Nani, Ronaldo e Queiroz.

Vamos a isto!

Leonino

Champions

Saudações Leoninas

Manchester United, AS Roma, Sporting Clube Portugal e Dynamo Kiew

Pelo segundo ano consecutivo vamos à Champions. Este ano vamos fazer melhor que no ano passado, o grupo é equilibrado, e temos possibilidades de passar.

Qualquer das equipas está ao nosso alcance, pode parecer irónico, mas o pior é mesmo a viagem até à ucrânia.

SPORTING SEMPRE!

J_Cris

quarta-feira, agosto 29, 2007

Sorteio da Champions League

Amanhã, às 17 horas, com transmissão exclusiva na SPORT TV2, vamos conhecer os 3 adversários que nos estão reservados para esta edição 2007/08 da liga milionária.

Crente na capacidade da nossa equipa e na motivação e querer dos nossos jogadores, mesmo não receando qualquer adversário, gostaria no entanto que a sorte nos sorrisse um pouco mais do que há 1 ano: "levar" no nosso grupo com o "brinde" de dois gigantes do futebol mundial (Inter e Bayern), mesmo que o único triunfo tenha sido frente a um deles - no caso, os italianos - foi dose!

Que venha um forte, um mediano e uma pêra doce. Só peço isso. Nada mais.



Leonino

terça-feira, agosto 28, 2007

Ter prestígio é...

... ser convidado pelo maior colosso do futebol mundial - o Real Madrid - para disputar o Troféu Santiago Bernabéu.

Quarta-feira, 29 de Agosto, com início às 21:00 horas (RTP1)

REAL MADRID-SPORTING



Leonino

Nota: o encontro entre o Real Madrid e o Sporting a contar para o Troféu Santiago Bernabéu foi cancelado pela Federação Espanhola de Futebol, em virtude do falecimento do jogador António Puerta, do Sevilha.



IN MEMORIAM


Antonio Puerta
1984-2007

segunda-feira, agosto 27, 2007

Atrasos... de vida.

Polga faz um corte e o árbitro acha que é um atraso. Um atraso de vida este árbitro. Mas atrasos de vida há-os mais, senão vejamos:

A comunicação social, desportiva e não só, crucificava desde ontem em 1ª página e abertura de jornais o nosso guarda-redes por este ter interpretado e executado correctamente um lance de futebol. Argumentar que Stojkovic é culpado porque não devia agarrar a bola dado a falta de qualidade do árbitro, é o mesmo que me dizerem que não devo andar a mais de 100 Km/h na auto-estrada porque posso apanhar um GNR corrupto que me poderá fazer a vida negra. O curioso é que quase todos ilibam o autor da calinada: o árbitro. Comunicação social desta é mesmo um atraso de vida.

É um atraso de vida jogar para o 0-0. É um atraso de vida só começar a jogar depois de estar a perder. Como costumo dizer, é bom que as equipas que o fazem percam. Só que normalmente me refiro às equipas pequenas que jogam na retranca em Alvalade… Detesto esta sensação de ter morrido sem ter tentado pelo menos respirar. No fundo a noite de ontem foi muito diferente daquilo a que estamos habituados com Paulo Bento: uma equipa personalizada, que sabe sofrer mas também sabe jogar.

Paulo Bento ontem teve uma noite infeliz:

Não teve sorte nas escolhas. Purovic teria sido mais útil no banco do que na bancada. Yzmailov não chegou a entrar no jogo, com a agravante de que não teve munições nem condições para disparar, como em Leiria. Moutinho encostado à esquerda vale no máximo 50% daquilo que pode valer ao centro ou à direita. Vukcevic mostrou que, mesmo sendo melhor ao meio, faz bem a esquerda, mas teve demasiado tempo no banco. Veloso nem teve tempo para pensar. Na maior parte do tempo fomos demasiado frágeis na linha média. Enfim, quer individual quer colectivamente, quase passamos ao lado do jogo.

Não reagiu à evidente superioridade do adversário no início do jogo, mantendo-se sentado no banco, impávido e sereno, na maior parte do 1º tempo, enquanto a equipa dava uma imagem muito pálida daquilo que é capaz.

Continuou (continuamos) sem sorte porque após o intervalo parecíamos ter acordado quando apanhamos aquele balde de água fria.

Entregou o jogo quando faz entrar Pereirinha e Djaló. Muito mal estamos se dependemos deles para virar um jogo a nosso favor.

Finalmente foi infeliz nas declarações. Mesmo que pensasse que Stojkovic errou devia ter deixado a pedagogia para o balneário. Esqueceu-se de falar na passividade disciplinar do árbitro. Meus caros, o que não teria dito já o PC e os seus discípulos (alguns deles jornalistas…) se lhes acontecesse o mesmo que nos aconteceu a nós?

Uma noite infeliz qualquer um tem e não é por isso que Paulo Bento é menor aos meus olhos. Agora pergunto-me para que servem os outros elementos da SAD. Aprecio o seu habitual low-profile, mas o silêncio é, por vezes, ensurdecedor.

verdão

Vale o que vale, mas...



Toda a gente sabe que Jorge Coroado não costuma ser muito simpático, pelo menos em relação ao nosso clube, nas várias apreciações que costuma fazer. Azias antigas...

No entanto, acabei de ouvi-lo dizer, e defender com unhas e dentes essa mesma convicção (perante um João Querido Manha subitamente disfarçado de técnico de arbitragem), que "não houve intenção de Polga em atrasar a bola, mas sim de cortar o lance conduzido por Postiga (...) o guarda-redes podia apanhar a bola não incorrendo assim em falta".

Ora, quando este senhor vem defender esta tese, a juntar à do cartão vermelho que Quaresma deveria ter visto, creio que está tudo dito sobre a "justiça" do resultado desta noite.

Leonino

P.S.: saúdo que ao fim de 2 semanas os adeptos andrades, comentadores em blogues, tenham decidido saír da toca. É que, desde a derrota em Leiria, ninguém tinha notícias deles...

domingo, agosto 26, 2007

Estás perdoado!



No próximo domingo, estarei em Alvalade a aplaudir de pé a entrada deste homem para o aquecimento, antes do jogo com o Belenenses.

Outros consócios poderão ter uma opinião perfeitamente antagónica, mas para mim só assim se pode recuperar a confiança do atleta.

Recordo-me da estreia de Tonel, há 2 anos em Alvalade, num jogo com o Belenenses, onde deu uma fífia monumental, oferecendo a bola a Meyong que se isolou (mas felizmente falhou!), e logo a seguir todo o estádio aplaudiu o nosso jogador. A partir daí, arrancou para uma excelente época, sendo o central de qualidade que todos conhecemos.

Leonino

Erro crasso decide o jogo



É ponto assente que Stojkovic cometeu um erro brutal, do tamanho da torre dos Clérigos, mas não vou crucificar o nosso guarda-redes. Pese embora ter sido um lance que decidiu o jogo, quer-me mesmo parecer que o sérvio estava absolutamente seguro de que Postiga tinha sido o último a tocar na bola. O primeiro comentário que fiz, quando assisti ao lance, foi ter dito que em caso de dúvida, Stojkovic deveria ter rematado em vez de agarrar a bola, até porque tinha espaço e tempo, mas quer-me cá parecer que o problema foi estar Tonel entre ele e Polga e Postiga, daí não se ter mesmo apercebido do que realmente aconteceu.

Em relação ao jogo, boa entrada da nossa parte, mas a seguir domínio total do FC Porto durante os primeiros 45 minutos.

No segundo tempo contrariámos a toada de jogo, e paradoxalmente quando dominávamos fomos surpreendidos pelo tal lance. Num jogo tão equilibrado, onde o empate era o resultado mais justo, só mesmo um "pormenor" ( ou antes, pormaior) daqueles poderia desequilibrar a balança.

Em desvantagem, e passando de 4x4x2 para 3x4x3, só não compreendo porque motivo colocou Paulo Bento em campo Djaló, e não Purovic, já que a estratégia era - como se viu - centrar para a área, procurando o cabeceamento certeiro de alguém. Ora, se Purovic tem 1.95m e Djaló para aí um 1.70 m não percebi esta jogada.

Foi quebrada a nossa invencbilidade fora de casa, mas a verdade é que fiquei satisfeito com a personalidade com que jogámos, parecendo-me que temos equipa para ombrear perfeitamente com os andrades na luta pelo título, que provavelmente será mesmo a dois.

Bola p'rá frente, que atrás vem gente, vamos levantar a cabeça, recuperar desta derrota, ganhar em Madrid ao poderoso Real, para recuperar animicamente o pessoal para o jogo com o Belenenses. Ainda há 28 (!) jornadas pela frente e 84 pontos em disputa. Só estamos a 3 do líder (o Marítimo).

Leonino

NOTA: após análise mais cuidada do lance polémico, gostaria de rectificar a minha opinião: se houve erro crasso de Stojkovic, foi apenas na ingenuidade de não conhecer os árbitros portugueses, porque o atraso de Polga não é intencional, não havendo assim qualquer motivo para a marcação de infracção.
Comentar no calor de uma derrota das nossas cores tem estes riscos de precipitação de análise. Mea culpa!

sábado, agosto 25, 2007

Invasão à aldeia dos tripeiros


O Jesualdo fala num jogador do Sporting como se este fosse um papagaio, mas deveria primeiro olhar para o espelho! O Jesualdo era um treinador trabalhador e humilde quando estava a frente da equipa do Sporting Clube de Braga.
Desde que integrou os quadros do FCP (Fomos Campeões com Putas) a sua arrogante estúpidez é um desafio às leis da natureza!
Queixa-se do jogo da Supertaça, aonde fiquei a saber que, afinal, quando a mão na bola NÃO É voluntária é penalty na mesma (segundo as leis dos pasquins do sistema). Mas esses amigos do cafézinho com leite não se lembram da forma como ganharam a final da Supertaça frente ao Leiria?
Pois o amigo PROENCA mostrou mesmo MUITA coragem nesse jogo aonde permitiu ao tripas vencer com um golo ilegal (porque marcado apos carga sobre o guarda-redes) do Costinha?
É essa a coragem que pedes Jesualdo???
Ou será a mesma do jogo Tripas vs Grande Sporting em 2005/2006 aonde ficou este penalty por assinalar!
Ou talvez um corajoso árbitro como o do jogo Grande Sporting vs Tripas em Alvalade na época passada, aonde este mesmo Proença não expulsou, nem se quer amarelou o Paulo Assunção por uma entrada a pés juntos!!
Num jogo aonde o árbitro segurou um empate feliz do tripas com dualidade de critérios gritante a nível discipinar, dando claramente a mensagem que os tripeiros podiam dar lenha como queriam, MAS se um jogador leonino se revoltasse...era amarelado!
Mas talvez o amigo Jesualdo queria um penalty como aquele que o tripas obteve frente ao Atlético?
E já que fala em ''mãos na area'' o amigo Pepe foi campeão na época passada em mãos na area não punidas em 3 jogos CONSECUTIVOS!

Ai esses telhados de vidro, Jesualdo!

Paulo Bento foi treinado pelo Jesualdo no Estrela mas pelos vistos há muito que ultrapassou as capacidades de liderança do professor da treta!
Paulo Bento nunca teve um discurso negativo, contentou-se com TRANQUILIDADE de dizer que ia ao Estádio das Correntes de Ar para vencer o jogo!
Com adversários como o Jesualdo ... QUEM é que precisa de motivar os jogadores??? Basta cortar as declarações do dentista da Liga Betadine e de colar-las no balnéário e já agora encontrar alguém para traduzir as tretas do professor para o Vukcevic e por-lo a titular!

Saudações orgulhosamente leoninas Apito Free

Mindo
P.S: Uma palavrinha a um pseudo-jornalista cujos incias identifiquem-se com Maladias Sexualmente Transmissivéis:
Miguel és um choninha! Não temos culpa do teu Papá ter sido um grande escritor e tu um colunista de segunda cuja opinião não interessa ao menino Jesus!
O Grande Sporting não tem culpa do teu Pai não ter tido tempo para te dar a educação que necessitavas...talvez isso explique que ele só te tenha levado a um restaurante com 16 anos!
Não é da culpa do Grande Sporting se não consegues articular uma palvra de jeito sem sapiscares todo e todos que estão à tua volta com a tua viscosa saliva de amador de cigarros e bebidas com degraus de alcól superiores ao teu QI.
Ao que parece o Louis Pasteur arranjou um remédio contra a raiva!
Podes ter cura Miguel!
Agora poupa-nos com os teus estúpidos comentários que não passam de uma forma de masturbação verbal practicada por um frustrado cujos únicos momentos de alegria, na sua miseravél vida, lhe foram proporcionados por um clube de futebol com muita frutinha a ajudar!
P.P.S: Já agora aqui a AZIA de outro MST em potência!!!!! LOL

sexta-feira, agosto 24, 2007

Ó Jesualdo, já lavaste os dentes?



Depois de Vukcevic ter recentemente dito, e bem, que o Sporting é actualmente a melhor equipa portuguesa e depois de Paulo Bento ter falado em "pressões" vindas das bandas do Dragão, direccionadas para Pedro Proença, Jesualdo Ferreira veio hoje, em mais uma má imitação de Mourinho, afirmar que "Vukcevic está há pouco tempo em Portugal, que ainda não percebe nem fala português, pelo que alguém lhe disse para ele tecer esses elogios ao Sporting."

Não contente com estas infelizes declarações, o treinador dos andrades ainda insinuou que as pressões sobre os homens do apito surgem sempre, mas do lado verde e branco.

Ora bem, para além de não saber respeitar uma opinião absolutamente legítima de Vukcevic, e de afirmar que este é uma marioneta que diz o que lhe mandam dizer, Jesualdo parece não ter vivido em Portugal nos últimos 20 e tal anos, nem se ter apercebido da forma como os andrades dominaram o futebol nacional.

Mas como também no futebol Deus escreve direito por linhas tortas, pode ser que no próximo domingo Jesualdo volte a ter uma cárie de estimação. Jesualdo e o seu dono... porque nestas coisas, a voz gosta sempre de agradar ao dono.

Leonino

terça-feira, agosto 21, 2007

Celsinho - nº88

Saudações Leoninas

Não foi à toa que o Lokomotiv deu 5 Milhões por Celsinho, com 17 anos. O Sporting já tinha o plantel fechado, só mesmo um grande negócio poderia alterar tal coisa. Consta que o Porto também esteve interessado em Celsinho a quando da contratação de Anderson, agora no M.U., mas o Lokomotiv chegou-se à frente com os Euros. Estou em crer que fizemos uma Grande contratação.Se é para jogar na posição 10 ou numa das alas isso agora é assunto de Paulo Bento.

http://www.youtube.com/watch?v=52cStA18gdI

J_Cris

segunda-feira, agosto 20, 2007

Bem-vindo!



Já cá está aquele que, em princípio, será o reforço que "fecha a porta". Celsinho é brasileiro, tem 18 anos, joga preferencialmente no lugar de médio-ofensivo, sendo assim concorrente à função que Romagnoli tem desempenhado.

Tendo já tido oportunidade de ver uns vídeos de algumas das suas exibições, quer-me parecer que possui algumas características interessantes que podem ser melhoradas, podendo assim vir a ser extremamente útil à nossa equipa. Espero que a aventura russa tenha sido um mero erro de cálculo na sua ainda curta carreira e que o relançamento da mesma se dê de verde e branco.

Que seja bem-vindo, que seja muito feliz em Alvalade e que nos faça - a todos nós, leões ferrenhos - muito felizes, que a malta agradece!

Enquanto uns dão vivas a um D.Sebastião com sotaque castelhano e outros gastam rios de dinheiro em pasta de dentes, cada vez estou mais convicto que estamos no bom caminho porque as coisas estão a ser feitas com método e rigor, e sobretudo com muito profissionalismo e sensatez... não faltando ainda a necessária "tranquilidade".

Leonino

sábado, agosto 18, 2007

Até deita fumo!


Ao contrário das campanhas ridiculas dos nossos rivais, as campanhas para as Gameboxes do Sporting Clube de Portugal rivalizam d'originalidade de ano para ano.

Gostei de todas as campanhas anteriores mas esta...até deita fumo!

Saudações orgulhosamente leoninas

Mindo

Raça Leonina


Penso que a palavra ''raça'' descreve perfeitamente a exibição da nossa equipa no jogo de ontém à noite.
TODOS sem excepção comeram a relva, lutaram por todas as bolas, estiveram sempre em cima dos lances no demostrar de uma força colectiva que foi a imagem de marca desta equipa na época passada!

Um Sporting trabalhador, esforçado e organizado. Mesmo se houve por momentos alguns desacertos na defesa que poderiam ter custado caro em termos de placard, a verdade é que a Académica só jogou o que o Sporting deixou...mai'nada!

O que vi ontém deixou-me esperançado para esta época que vem, não pelos golos mas mais pelas ocasiões de golo que esta equipa soube destilar e o facto de ver um jogador, que davam por acabado, lutar e marcar demonstra bem o espirito de entrega que impera no reino do Leão!

Queria salientar o Abel que demonstrou claramente ser uma opção para a nossa selecção, com uma exibição de encher o olho tanto a atacar (com classe) como a defender (com garra sobre toas as bolas).

O Moutinho fez o seu papel de capitão e deu o exemplo. O Liedson é aquela máquina: defende, ataca, faz cruzamentos, finaliza e marca!

Quando o Grande Sá Pinto deixou o Sporting, pensei que seria um prejuízo enorme em termos de garra, mas ontém vi uma equipa a imagem do Grande Sá e do nosso Grande Sporting: um Sporting com garra, lutador, combativo e colectivo!!

Venha o próximo!

Força Grande Sporting!

Saudações orgulhosamente leoninas Apito Free
Mindo

sexta-feira, agosto 17, 2007

Intermitentemente brilhante!



Sporting, 4 - Académica, 1

Grande entrada na edição 2007/08, grande exibição e uma vitória incontestada.

Vinha há pouco do estádio, a ouvir no rádio do carro os comentários de Pedro Gomes na TSF, tendo este descrito de um modo perfeito a exibição da nossa rapaziada: intermitentemente brilhante!

Antes de mais, devo prestar aqui a minha homenagem àquele que foi - na minha opinião - o nosso melhor elemento: Derlei.
Estou muito satisfeito porque sempre apreciei o Ninja e porque sabia que haveria de chegar o seu momento. Exibição voluntariosa, entendimento muito bom com Liedson e o prémio de ter marcado o primeiro golo da liga. Derlei não está acabado, e hoje provou-o!
Poderia ter escolhido Abel, Moutinho ou Veloso, mas quero mesmo considerar Derlei o homem do jogo. Envergando a camisola encarnada qualquer jogador se sente desmotivado... por isso, o Derlei da época passada já era.

Temos uma bela equipa, os reforços são de qualidade - Vukcevic em grande - e acredito que depois do que vi em Leiria, aliado ao que hoje presenciei em Alvalade, estamos no bom caminho para darmos continuidade à boa recta final da época passada.

Grande noite de futebol, momentos de elevada qualidade, exemplar condição física, excelente atmosfera nas bancadas, optimismo reinante entre a massa associativa e um triunfo absolutamente incontestado.

Nota de destaque para Paulo Bento, o qual já vai em 26 jogos seguidos sem sentir o sabor amargo da derrota, e como tenho a certeza que vamos a caminho do 27º os andrades que se cuidem porque na próxima jornada lá estaremos no estádio dos "dragon seats" (que bimbalhada...)!

Uma palavra final para o belo resumo exibido nos videowalls, relativo à vitoriosa final de Leiria, onde apreciei sobretudo os pormenores de "carácter dentário". Jesualdo sentiste as orelhinhas quentinhas?

Ficha do jogo

Estádio José Alvalade, em Lisboa
Árbitro: Elmano Santos (AF Madeira)

SPORTING
Stojkovic; Abel, Tonel, Polga e Ronny; Miguel Veloso; João Moutinho, Romagnoli (Farnerud, 71) e Vukcevic (Yannick, 71); Liedson e Derlei (Adrien, 90)

ACADÉMICA
Pedro Roma; Berger (N´Doye, 46), Litos, Kaká e Orlando; Tiero, Paulo Sérgio e Cris; Lito, Joeano (Hélder Barbosa, 61) e Ivanildo (Gyano, 46)

Cartão amarelo a Kaká e Pedro Roma

Golos: Derlei (25), Liedson (44), Tonel (68), Gyano (82) e João Moutinho (89, de grande penalidade)



Leonino

terça-feira, agosto 14, 2007

Parabéns, Miguel!











Hoje ficou a saber-se que o nosso craque Miguel Veloso foi convocado pela primeira vez para a selecção A. Para além de ser uma chamada inteiramente merecida, estou certo que será a primeira de muitas.

Também o sósia de Ronaldinho Gaúcho (será só na fisionomia?), o médio-ofensivo brasileiro Celsinho, jogador do Lokomotiv de Moscovo parece estar a caminho de Alvalade. Confesso que não o conheço pelo que se for bom, que venha!

Leonino

segunda-feira, agosto 13, 2007

Jesualdo: um técnico com problemas de higiene pessoal!

O golaço de Izmailov de certeza que deixou Jesualdo Ferreira com um sorriso ainda mais amarelo do que lhe é habitual. O treinador portista confundiu a higiene pessoal com um jogo de futebol e o que conseguiu foi expor-se ao ridículo, usando de uma sobranceria que as magras conquistas no seu curriculum não justificam.

Empertigado por ter ganho o campeonato passado apenas nos 45m finais, o individuo ainda se deu ao luxo de atirar a pressão para o nosso lado, afirmando que a nossa equipa havia sofrido menos alterações. Desmentiu-se a si próprio apresentando uma equipa apenas desfalcada de Pepe, enquanto nós tivemos que substituir Ricardo, Tello Caneira e Nani de uma assentada. Tendo perdido sem apelo nem agravo, apropriou-se do título de melhor equipa, não sem antes inventar um penalty inexistente de Tonel. Se para ele ganhar é como lavar os dentes então sábado deve-lhe ter crescido o tártaro e placa, porque, ou os lavou mal ou ficou sem os lavar. Este homem tem mesmo um problema de higiene…

Uma palavra para todos os que trabalham no futebol profissional do clube, dos jogadores – os principais actores – aos directores, equipa técnica e demais funcionários. Mais do que todos acreditam na virtude do seu trabalho e a conquista deste troféu é-lhes inteiramente devida, numa altura em que as muitas mudanças e uma pré-época hesitante deixaram muita gente com dúvidas – eu incluído – e alguns em quase desespero. A equipa ainda não funciona em pleno, mas existe o fundamental: qualidade, raça, querer e determinação! Não ganhamos o campeonato mas esta Taça já é nossa. E candeia que vai à frente…

verdão

domingo, agosto 12, 2007

Golaço do reforço Izmailov!


Merece ser revisto vezes sem conta!

GreenPower

sábado, agosto 11, 2007

Já cá canta o primeiro troféu da época



Sporting, 1 - FC Porto, 0

Ponto prévio: não pude estar em Leiria pelo que segui esta final da Supertaça através da transmissão da RTP. Será possível que se inunde o telespectador com anúncios e que quando se regresse ao estádio já tenha tido lugar a cerimónia de entrega da taça? Estão a gozar connosco? Uma falta de respeito inqualificável pelos telespectadores que sustentam o canal público...

Por outro lado o senhor Tadeia persiste em fazer comentários "brilhantes", quase sempre atacando (subtilmente) o Sporting, dando este exemplo que ouvi esta noite: a determinada altura diz que Pedro Silva (meu novo vizinho!) apenas chegou há 15 dias e que ainda tem pouco tempo mas que já procura a titularidade. Passados alguns minutos este mesmo senhor Tadeia afirma que algo falha em Pedro Silva porque ainda não convenceu nos jogos realizados pelo Sporting. Em que ficamos?

Quanto ao jogo, tivemos duas excelentes entradas, quer nos primeiros 45 minutos, quer no segundo tempo, mas enquanto na primeira parte, após a lesão inoportuna de Pedro Silva consentimos o domínio do jogo aos andrades, no segundo tempo dominámos, procurámos ser mais acutilantes e acabámos por ser os justíssimos vencedores da noite graças a um golão de Izmailov (temos reforço!).

Agora os andrades podem dizer o que muito bem entenderem, até podem fazer uma análise completamente diferente do jogo, como ouvi da boca de Jesualdo, mas a verdade é que em finais da Supertaça mandamos sempre nós! E hoje não foi excepção.

Em terras leirienses uma nota de grande elogio e de agradecimento a todos os sportinguistas que estiveram no Magalhães Pessoa e que não se pouparam no apoio à equipa. Enquanto convictíssimo sportinguista que não esteve presente, apenas digo: MUITO OBRIGADO!
Leiria é, de facto, um bastião verde e branco.

Estreamo-nos em provas oficiais da melhor maneira, o primeiro troféu da época já cá canta e agora vem aí a primeira liga. Na próxima sexta-feira Alvalade tem que ser ponto de encontro obrigatório para a nação leonina porque temos que entrar com o pé direito para que no final das 30 jornadas a vitória nos sorria!

Leonino

quinta-feira, agosto 09, 2007

Outras escutas

Sempre a apitar...20:28 - PINTO DA COSTA COM TAVARES-TELES

TT - Então? Que é que se passa pá? Fui agora mesmo ao Sá Carneiro e dizem-me que ainda não chegaram. Passa-se alguma coisa, pá?

PC - Não, não! Uma merda de um atraso aqui nos aviões, viemos para Lisboa por causa de uma merda qualquer. Era o que me faltava ter que vir a Marrocos hoje.

TT- Olha, e entretanto, já se sabe quem escolheu para Leiria? É importante começar bem o ano, carago!

PC - Ó pá, em princípio é o Bruno, que o Ferreira e o Olegário estão queimados com o s lagartos há pouco tempo. O Bruno vai mais sossegado!

TT - Pá, mesmo assim, não era melhor arranjar alguma coisa para desviar os olhos? Senão esses tipos lembram-se da Madeira o ano passado, ou da cena do Bessa, no primeiro ano do Zé?

PC- Pois, se calhar tens razão, deixa estar, havemos de pensar nalguma coisa. Eu falo com o Antero e ele avisa! Um abraço!

TT - Não fiques muito tempo nas Arábias! Até amanhã pá!

21:36 - PINTO DA COSTA COM ANTERO HENRIQUES (dirigente da SAD e chefe da comitiva)

PC - Olha, ainda estão no avião, não é? Como é que isso está?

AH - Calmo, calmo, daqui nada metem-nos noutro avião de volta ao Porto. Sem problemas, presidente!

PC - É que eu precisava que me fizessem uma coisa, pá! Armem aí confusão com as hospedeira, o capitão, qualquer coisa. Armem a bronca a sério, que eu amanhã meto isso tudo no jornal.

AH - Então mas para quê, presidente?

PC - Cortamos relações com esses murcões, amanhã só se fala nisso, e o resto passa tudo ao largo. Vais ver!

AH - Com a TAP? Pá, e a gente não precisa dessa gente dos aviões, depois?

PC - Fazemos como com os jornais, as televisões e tudo o resto, depois. Quanto precisarmos reatamos relações e fica tudo bem!

AH - O presidente realmente é espectacular. Sendo assim vou aqui falar com o capitão e com o Reinaldo e já armamos a boa!

22:09 - TAVARES-TELES COM ANTERO HENRIQUES

TT - Então pá, ligo a televisão e isto parece o São João. Que é que se passa, pá?

AH - Ordens de cima, pá, não te preocupes. Deixa o caldo ferver, está tudo controlado.

TT - Mas houve merda?

AH - Nada de mais, um apalpão a uma hospedeira toda boa e uns ameaços ao capitão. O tipo ia-se borrando todo, pá!

TT - Então e agora voltam como?

AH - Já está tudo tratado, vêm aí uns autocarros e estamos aí esta noite. Entretanto é preciso que isto saia em todo o lado.

TT - Nem é preciso fazer nada, pá. Basta ligar a televisão, estão todos em cima disto.

AH - Boa! Olha, hoje vais ao sítio do costume?

TT - Claro, aquilo desde que a puta escreveu a merda do livro, o melhor é ir ao outro lado que o antigo está cheio de bófias e bufos. Mas a carne continua a ser de primeira! E chega para todos.

AH - É como se quer. Olha, mesmo assim guarda qualquer coisa para mim, até logo!

03:50 - PINTO DA COSTA COM ANTERO HENRIQUES

AH - Esta do Bruno para Leiria, enquanto o pessoal ainda está a discutir aquilo dos aviões, vou-lhe dizer uma coisa, pá! Eu sabia que o presidente era um génio mas esta!, foda-se!

PC - Para onde é que ele vai depois?

AH - Para um sítio espectacular, pá, está tudo tratado com a agência!

PC - Vê lá onde vai parar a factura desta vez, pá?

AH - Não se preocupe presidente...se for preciso até vai pela TAP!

(Risos)

Nelson Santos

quarta-feira, agosto 08, 2007

Em originalidade... já somos campeões!



Como já alguns amigos aqui referiram, em jeito de comentário, façam o favor de entrar aqui e desfrutem desta forma espantosamente original de promoção das Gameboxes 2007/08.

Leonino

P.S.: se através do clique indicado não aparecer uma janela promocional, então escrevam http://www.sporting.pt na barra de endereços.

terça-feira, agosto 07, 2007

Bruno Paixão?



Ao saber-se hoje qual o artista do apito nomeado para o jogo da Supertaça, a realizar sábado frente ao FC Porto, só apetece mesmo dizer: safa! Ou é azar ou já anda aqui "mãozinha" de terceiros!

Havendo alguns árbitros que ainda oferecem alguma credibilidade será que Paixão é uma escolha sensata, face ao seu histórico de "erros" prejudiciais às nossas cores? Claro que não.

A nível de bom-senso esta época 2007/08 já começa muito mal. Nada a que não estejamos infelizmente habituados...

Leonino

segunda-feira, agosto 06, 2007

6 de Agosto de 2003



Leonino

domingo, agosto 05, 2007

Vale o que vale, mas...



Perdemos o primeiro jogo da nossa pré-época, ainda por cima frente aos lampiões, mas nem tudo foi mau. A haver um domínio de jogo por parte de alguma das equipas, foi nosso, temos uma equipa mais consistente e equilibrada, estreámos um jogador (Pedro Silva) e defrontámos uma equipa que, a espaços, mais parecia um grupo de caceteiros.

Os lampiões abusaram da violência na disputa de alguns lances, dos quais até poderiam ter resultado graves lesões para o nosso lado, e Pedro Henriques... nada! Passividade total.

Aliás, depois de assistir à exibição da equipa de arbitragem desta noite - que até tenho em boa conta - espero que Pedro Henriques não venha a dirigir jogos importantes da nossa época oficial que agora se avizinha. É que depois de Pedro Proença ter insinuado numa entrevista que Henriques é sportinguista, quer-me cá parecer que (tal como Vítor Pereira fazia) vai haver tendência para mostrar imparcialidade... prejudicando o Sporting. Pode ser uma ilação errada, mas pelo que vi esta noite...

Quanto ao resto, não me parece que haja motivo para desânimo, até porque interessa ganhar sim, mas a partir do próximo fim-de-semana, porque aí já tem carácter oficial; os resultados da pré-época valem o que valem, mas mesmo assim é um facto que 2 vitórias, 3 empates e 1 derrota não são muito auspiciosos. A verdade é que quando são a "doer" é que interessa ganhar, por isso ficam apenas as indicações dos aspectos a corrigir e melhorar. Não é, caro Paulo Bento?

Agora venha o FC Porto e a conquista da Supertaça! Quanto aos lampiões, festejem lá este triunfo em terras algarvias porque provavelmente via ser o único troféu que vão conquistar. Quer-me cá parecer que vão ser campeões... mas em indisciplina. Só que com o mal deles posso eu bem.

Leonino

sexta-feira, agosto 03, 2007

Bloco Esquerda mantém posição sobre terrenos do Sporting

Saudações Leoninas

O vereador do Bloco de Esquerda na Câmara de Lisboa, Pedro Soares, afirmou que mantém a posição quanto ao loteamento do Sporting, cuja aprovação faz depender da inclusão de uma área para equipamentos e espaços verdes.

Notícia RTP

http://www.rtp.pt/index.php?article=293280&visual=16&rss=0

!!!SPORTINGUISTAS!!!

APELO À UNIÃO NESTE ASSUNTO, TEMOS DE ESTAR MUITO ATENTOS. TODOS !!!

Muita coisa está mal em Lisboa, uma delas é os poucos espaços verdes, mas quando se lembram disso é sempre o mesmo a dar o exemplo, O SPORTING É CLARO. Não nos vão tomar por parvos, à isso é que não. O metro está onde??? Se calhar num sítio que em tempos foi do SPORTING, não sei digo eu!! Os parques de estacionamento! Se calhar também estão num local que em tempos pertenceu ao Sporting, não sei digo eu!! Respeito pelo SPORTING, porque se calhar ainda somos todos PORTUGUESES. Par uns certas questões nunca se põem, para outros ..... já se sabe.

J_Cris

Ecletismo como eu o vejo

Caro Leonino:

O post anterior põe o dedo numa ferida aberta no seio dos sportinguistas. O nosso clube conta com as suas maiores e mais consistentes conquistas precisamente nas modalidades extra-futebol, em particular no atletismo. Mesmo o andebol e o basquetebol, p. ex., sempre nos deram mais motivos de regozijo que o próprio futebol.

Dito isto gostava desde já de deixar claro que sou um apaixonado pelo desporto em geral – há pouquíssimas modalidades que não me despertem interesse – mas é o futebol que me tem como um ferrenho adepto. E já foi pior, se foi. Hoje, perdida a ingenuidade e com a imundice reinante no futebol nacional, concentro as minhas atenções no SCP apenas.

Sinceramente não creio que seja possível nem até desejável voltar ao modelo antigo dos anos 80, a década em que se acabou com a carolice nas modalidades e se enveredou por um profissionalismo encapotado. Não é por acaso que a grande maioria dos nomes que cita estejam associados ao tempo em que se jogava e corria com amor à camisola, e, dos anos 80 para cá, haja poucos nomes que tenham passado pelo clube que nos lembremos. Hoje nas modalidades de alta-competição assistimos à invasão de atletas estrangeiros de 5ª categoria, que vedam a progressão dos nossos jovens. De igual forma o panorama competitivo é também de tal forma desmotivante nesta área, que nem sei bem o que teria o clube a ganhar. Eclectismo nestes moldes pura e simplesmente não vale a pena!

Claro que defendo o ecletismo no nosso clube, mas num modelo em que o papel social seja mais relevante e crie maior ligação entre atletas, clube e adeptos. O modelo aplicado ao futebol na Academia em Alcochete poderia e deveria ser aplicado no Atletismo, Andebol e Basquete. Criar escolas, prospecção de talentos, etc, como se faz nas camadas jovens, num plano sustentado a médio, longo prazo é o modelo que defendo. Fazermos aquilo que comprovadamente sabemos fazer bem em vez de servirmos de entreposto de viajantes anónimos. Uma excepção para o ciclismo. Não acredito nesta modalidade. Ganha quem não é apanhado no controlo. E afinal para ganhar uma Volta por ano…

Quanto a existir público interessado tenho as minhas dúvidas Leonino. Mesmo no Atletismo, que tantas alegrias nos dá, além dos atletas, seccionistas, equipas técnicas e respectivos familiares não se vê muito mais gente.

A última palavra para o Estado. Todos gostam de aparecer nas fotografias com os nossos campeões mas na hora de reconhecer o nosso papel nunca levam à prática as palavras de ocasião. Na hora de pagar as despesas os atletas são nossos na hora de tirar as fotografias os atletas são nacionalizados! Veja-se o tratamento que nos dispensam os sucessivos governos e gestões camarárias.

verdão

quinta-feira, agosto 02, 2007

Eclectismo: uma palavra vã?













Eu sei que o futebol é indiscutivelmente o grande desporto-rei deste nosso planeta e que, numa lógica empresarial em que o lucro é o objectivo número 1, o eclectismo é uma palavra cada vez mais vã.

Mesmo assumindo a minha enorme paixão pelo futebol - mea culpa! - não posso deixar de me associar a todos aqueles que lamentam o virar de página que se levou a cabo no nosso maravilhoso clube, onde tudo e todos parecem apenas convergir para a modalidade-raínha.

Se já antes era complicado falar de equilíbrio nas contas dos clubes nacionais, com a gestão desastrosa e megalómana que generalizadamente se instalou no futebol nacional, ainda mais esse problema se agudizou.

Mas agora pergunto: e que culpa têm disso as chamadas modalidades amadoras? Será que foram estas as grandes geradoras de despesa e as grandes causadoras desses mesmos desequilíbrios ou foi uma certa megalomania de novo-riquismo, a qual levou os clubes a pagarem rios de dinheiro a futebolistas, bem acima das suas reais possibilidades, que nos levou a esta situação? Pois...
A título de exemplo, sei que uma das ditas modalidades amadoras, entretanto já extinta, via 90% do seu patrocínio ser canalizado para o futebol. Justo? Claro que não.

É um facto que o novo estádio que a todos nos enche de orgulho não contemplou uma pista tartan e um pavilhão desportivo mas ainda não é tarde para que possamos alterar a estratégia reinante porque existe público interessado nas outras modalidades, porque ainda é possível angariar patrocínios para as mesmas e porque Obikwelu, Joaquim Agostinho, Naíde Gomes, Carlos Lopes, os gémeos Castro, Miguel Maia, Rui Silva, Ramalhete, Chana, Carlos Lisboa, Fernando Mamede, Livramento, ou ainda Jorge Theriaga, Carlos Silva, Manuel Brito, Jesus Correia, Vaz Guedes, Baganha, Rui Albuquerque, Israel, Aniceto Simões, Ezequiel Canário, e inúmeros outros grandes atletas que prestigiam ou prestigiaram o nosso emblema e que nos deram inigualáveis alegrias, merecem que o ECLECTISMO do nosso Sporting não seja definitivamente enterrado!

Eu cresci e alimentei o meu incurável sportinguismo a vibrar com as equipas leoninas de futebol, mas também com as do hóquei em patins, andebol, basquetebol, voleibol e atletismo.
Como gostaria muito que o meu filho - sócio desde que nasceu - também possa vivenciar tudo isso, faço votos para que a actual ou futuras direcções do nosso clube saibam estabelecer um equilíbrio entre o futebol "negócio" e as ditas modalidades amadoras. Será difícil? Sem dúvida! Impossível? Não. Mesmo sendo muito complicado sei que os nossos dirigentes terão competência e capacidade para o conseguirem, porque ser sportinguista é isso mesmo: fazer das adversidades grandes conquistas! Basta quererem.

Leonino