"O Mundo sabe que pelo teu amor, eu sou doente / Farei o meu melhor para te ver sempre na frente / Irei onde o coração me levar / E sem receio... farei...o que puder pelo meu Sporting" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

sábado, janeiro 23, 2016

Dar os paços certos

Em condições normais e olhando para o que foi feito nos últimos anos, a classificação deste campeonato é uma aberração para lampiões e tripeiros.

O Sporting surge em primeiro lugar numa fase adiantada da prova e isso incomoda os nossos rivais.
Incomoda mais por se perceber a nossa capacidade de continuar lá por cima, e por se perceber igualmente que este Sporting lutará até final por um título que nos escapa há muitos anos, demasiados anos para um clube que se afirma como grande e que quer voltar a ser crónico candidato ao título.

Muita gente já nos enterrou em Dezembro passado quando perdemos na Madeira com o União e cedemos a liderança ao Porto. Dizia-se que eram os sintomas habituais da época natalícia e que estava na hora do Sporting escorregar tabela abaixo.

A verdade é que a equipa teve uma resposta brilhante e venceu a tripla jornada do início de Janeiro, recuperando o 1º lugar e passando de um atraso de 1 ponto para uma vantagem de 5 sobre um dos seus maiores rivais.

O Natal ficou para trás e Sporting e Benfica surgem como principais candidatos à vitória no momento em que se entra na fase mais decisiva da época e que terá como ponto alto o derby da 25ª jornada em Alvalade.

Calendário do Sporting até ao derby de Alvalade
 
Calendário do Benfica até ao derby de Alvalade

O calendário do campeonato até se jogar esse derby continua a ser aparentemente favorável para os sportinguistas, tal como o era antes de jogarmos com o Tondela, último classificado da Liga, com quem facilitámos demais e perdemos 2 pontos da nossa vantagem.

Interessa assim que a equipa se mentalize que tem de deixar de facilitar contra equipas da segunda metade da tabela e volte a dar o máximo em todos os jogos.

A resposta que se espera hoje do Sporting é a mesma que foi dada no início deste difícil mês de Janeiro, forte desde o primeiro minuto, como já fizemos diversas vezes esta época, decidida e sufocante na procura da baliza contrária, mas sempre respeitando o adversário, que sabemos ser difícil e em nada inferior a outras formações pacenses das últimas épocas.

Nas bancadas, milhares de sportinguistas a apoiar porque pelo nosso amor somos definitivamente doentes.
Por isso, vamos a eles Sporting!

SL
José