"O Mundo sabe que pelo teu amor, eu sou doente / Farei o meu melhor para te ver sempre na frente / Irei onde o coração me levar / E sem receio... farei...o que puder pelo meu Sporting" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

sábado, outubro 06, 2007

A gazua russa



Sporting, 3 - V.Guimarães, 0

Noite de jogo muito atípico em Alvalade: depois de uma primeira parte onde o Vitória entrou a todo o gás - dominando e nem sequer nos deixando construír jogadas - na qual jogámos mesmo mal e numa equipa em que Romagnoli foi apenas o menos mau, no segundo tempo tudo mudou.

Pondo em campo Izmailov - o homem do jogo - e Purovic, e fazendo saír a nulidade Yannick Djaló - até mete impressão a forma como estraga jogadas - e um Ronny em noite de desacerto, Paulo Bento encontrou assim a chave para ganhar este jogo e quebrar a série vimaranense de 8 meses sem derrotas... equipa vimaranense que deixou péssima impressão no que a fair-play respeita.

A nossa equipa ganhou outra dinâmica, deu-se um pontapé na apatia e na desconcentração que haviam reinado nos primeiros 45 minutos, passando assim a haver mais lances de perigo junto da baliza de Nilson, bem como outro esclarecimento na construção dos lances, procurando os jogadores mais e melhores desmarcações.

Izmailov, aos 60 minutos, numa bela iniciativa, apareceu isolado, picando com mestria a bola por cima do guarda-redes vimaranense, assinando o primeiro golo que nos deu maior tranquilidade e que abriu brechas na muralha que veio de Guimarães. Foi o mesmo Izmailov que com um remate certeiro voltou a marcar 9 minutos depois, com Nilson a fazer lembrar aquele desastrado Stojkovic do jogo com o Setúbal, vendo a bola a saltar à sua frente e a passar por cima de si.

Como não há dois sem três (neste caso, golos), o nosso defesa goleador Tonel ainda fez o terceiro, de cabeça aos 85 minutos.

Sendo certo que Paulo Bento e a equipa saberão tirar as devidas ilações da péssima exibição da primeira parte, onde houve demasiada apatia e muito espaço concedido no meio-campo, deve-se aplaudir a forma como saímos desta série complicada de jogos, em que apenas perdemos com o Manchester United, e da forma que vimos.

Agora esperemos por um deslize azul e branco em Coimbra e façamos votos para que a equipa aproveite a pausa na liga para fazer as devidas - e necessárias - rectificações e recuperar fisicamente desta série exigente de partidas.

Leonino