"Tu vais vencer, Podes crer, Porque a nossa força é brutal. Mais de um século de histórias para contar. Sporting, tu nunca vais acabar" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

segunda-feira, agosto 10, 2015

Vai-te a eles Jesus!

É este o conselho que me apetece dar a Jorge Jesus depois da vitória sem margem para contestação na Supertaça.
 
Digo isto porque Jorge Jesus foi, desde que se tornou treinador do Sporting, alvo de todos os ataques de lampiões ressabiados (e são cada vez mais), de todos os jornalistas e paineleiros vermelhos e travestidos, notando-se bem por estes dias quem são e como não conseguem esconder a azia de ver JJ de verde e branco (alô Paulo Garcia, é contigo, agora dá para perceber porque é que o Dias Ferreira estava com vontade de te aviar em directo no programa).
 
Jorge jesus, entre os tropeções no seu português limitado e a sua arrogância natural, anteviu o jogo e a tática (ou falta de dela) de Rui Vitória e condicionou de imediato o seu adversário com o seu discurso, começando pelos jogadores, dizendo-lhes que os conhece perfeitamente, mas principalmente o seu treinador ao dizer que a tática era a dele e que nada fora mudado até aí.
 
Ora este foi o ponto de partida para o espalhanço de Rui Vitória, o qual reagiu como um amador sem experiência e mexeu, mal, no seu xadrez.
Resultado, vitória inequívoca do Sporting como há muitos anos não se via, mas sobretudo uma demonstração de querer e garra dos jogadores do Sporting que, em 5 semanas de trabalho com Jorge Jesus, mostram uma qualidade de posse de bola, aliada à capacidade defensiva e ofensiva que nos deixa de água na boca para os jogos que se avizinham.
 
E o mais incrível no meio disto tudo é ser uma vitória sem espinhas contra o adversário que mais nos tem ganho nos últimos anos, mas também porque esse mesmo adversário foi mais uma vez levado ao colo pelo “internacional” Jorge Sousa, melhor árbitro português…
 
Depois de anos de discurso do vencidos mas honrados, faço minhas as palavras de Jorge Jesus e concordo em absoluto com o discurso que proferiu no final do jogo:
 
Fomos a melhor equipa, fomos a equipa que mais perto esteve do golo.
Fizemos um golo que contou e outro limpinho que foi anulado.
Estou satisfeito, é mais um título.
Não se trata de prometer nada aos adeptos.
Quem trabalha no Sporting tem de ambicionar ganhar o campeonato.
Tem de jogar para ganhar.
O passado deste clube não é tentar ganhar, é ganhar.
Podemos não ser campeões, mas vamos lutar para isso.”.
 
Já agora,  aqui ficam a as fotos que fazem a nossa festa.
 
E vão dois troféus para o “garoto”, nada mal para quem não percebe nada disto J
 
SL
José
 




 
    Sangue LEONINO


0 comentários:

Enviar um comentário

Sangue LEONINO

<< Home