"O Mundo sabe que pelo teu amor, eu sou doente / Farei o meu melhor para te ver sempre na frente / Irei onde o coração me levar / E sem receio... farei...o que puder pelo meu Sporting" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

sábado, janeiro 26, 2019

É nossa!!!!



Final da taça da liga entre os dois melhores clubes portugueses: aquele que nos últimos trinta anos mais tem ganho internamente e mais tem prestigiado Portugal nas competições europeias, e o mais eclético e titulado nas várias modalidades.


Pese embora a melhor entrada em jogo do FC Porto rapidamente o Sporting equilibrou as operações, chegando mesmo a dominar a partida. Nota para dois lances duvidosos, um eventual penálti cometido por Herrera e um cartão vermelho perdoado a Fernando.


No segundo tempo o Porto entrou bem melhor, mais rápido e pressionante, a remeter o Sporting para o seu meio-campo.


Azar também para os leões com a substituição forçada de André Pinto - que esta noite esteve no onze, substituindo Mathieu - e a consequente adaptação de Petrovic a central.

 

Em vários momentos o pressing portista chegou a ser asfixiante, nem sequer deixando o Sporting sair da primeira metade do seu meio-campo.


Maior frescura portista de quem teve mais um dia de descanso.


No melhor pano caiu a nódoa aos 78 minutos, quando chegou o golo do FC Porto, no seguimento de uma intervenção menos feliz de Renan, o herói da meia-final.


Na hora chegou o penálti, falta clarinha de Oliver sobre Diaby - abençoado VAR! - e o golo do empate. Dost não falhou!


Injusto? Talvez. Mas no futebol o que conta são as bolas dentro da baliza. Ponto final.

 

Na lotaria dos penáltis - mais uma! - manteve-se a tradição: fomos mais fortes que o  FC Porto!!!!!

 

Amooooooooooo-te Sporting!!!!!




Nota: era desnecessária a falta de fair play portista no momento da entrega da taça. Tomem Kompensan que isso passa!

 

Nuno M Almeida