"O Mundo sabe que pelo teu amor, eu sou doente / Farei o meu melhor para te ver sempre na frente / Irei onde o coração me levar / E sem receio... farei...o que puder pelo meu Sporting" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

quinta-feira, novembro 01, 2012

Momento decisivo!


Falar do Sporting da actualidade, e eu por razões óbvias e para não falar a quente, tenho-me mantido ausente da blogosfera, de forma a tentar ser racional, é um exercício muito complicado!

Depois de eleito em Março de 2011 naquelas que foram as eleições mais disputadas da História do nosso Clube, a verdade é que muito pouco, quase nada, tem corrido bem à actual direcção, sobretudo na área mais sensível e a verdadeira mola real: o Futebol

Depois de se reunir dos nomes de Luis Duque e de Carlos Freitas para conquistar o "coração" dos associados - eu nunca me inclui nos apoiantes - a verdade é que ano e meio e cerca de 70 milhões de euros de gasto em jogadores na sua maioria rudimentares e de diversas proveniências, eis que Luis Godinho Lopes achou que tudo teria de mudar, tendo pelo menos a mais valia de ter percebido, quiçá um pouco tarde, que o rumo não poderia ser esse e que o aventureirismo de Sá Pinto a treinador poderia, como se comprovou ter um efeito devastador ao grupo de trabalho, como se constata nas afirmaçoes de alguns jogadores.

Agora chegou Franky Vercauteren e o Presidente diz assumir um regime presidencialista. Queria ser optimista com tudo isto. Vejo-me no entanto, não a criticar porque sim, mas a temer que Luis Godinho Lopes não tenha carisma para desempenhar esse "regime" com sucesso e a achar que o belga, qual desconhecedor da realidade do nosso futebol não tenha tempo para lhe ser concedido estado de graça.

Chamou com ele para director do futebol o ilustre advogado e desconhecido sportinguista e homem do futebol Paulo Farinha Alves. Assumo que estou céptico em relação a tudo isto e sinceranente penso que não seria de todo impensável Luis Godinho Lopes convocar eleições e tentar legitimar-se com outra gente, se para isso os associados estivessem pelo ajustes.

Já siram Paulo Pereira Cristóvão, Carlos Barbosa, Luis Duque e Carlos Freitas. Foram cooptados Silva e Costa e João Pessoa e Costa. Outros que ainda restam também já estiveram na porta de saída. Não será casos a mais para tão pouco tempo? Acho que sim... daí temer pelo futuro e acreditar muito pouco, quase nada nesta continuidade.

O que desejo no imediato é que no domingo em Setúbal seja dada a volta aos meus resultados. Quanto ao resto, mais do que reuniões do Conselho Leonino, prefiro uma discussão mais ampla sobre o futuro do Sporting!

Juvenal Carvalho