"Tu vais vencer, Podes crer, Porque a nossa força é brutal. Mais de um século de histórias para contar. Sporting, tu nunca vais acabar" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

terça-feira, março 03, 2015

Inenarrável

O Sporting homenageou ontem o ex-árbitro Pedro Proença, por sinal um dos protagonistas que prejudicaram o Sporting ao longo da sua carreira, num futebol português que está actualmente ferido de morte pelo facto de ser um futebol viciado.

Numa altura em que o futebol português precisa de pessoas oriundas de fora do sistema em que o futebol está tristemente metido, parece-me claramente um mau sinal esta homenagem. Será que Bruno de Carvalho já se esqueceu, por exemplo, daquele jogo no Dragão onde erradamente se assinalou um atraso de bola de Polga a Stojkovic? Será que Bruno de Carvalho já se esqueceu que o árbitro desse jogo foi precisamente... Pedro Proença?

Lion King
    Sangue LEONINO


16 comentários:

  • At 3/3/15 13:04, Anonymous Anónimo said…

    A seguir vai homenagear o PPC, depois o Mustafá, etc., etc.,

     
  • At 3/3/15 14:00, Blogger Sporting até morrer said…

    Seria um bocado difícil esta Direcção homenagear essas figuras sinistras, mas julgo que a anterior Direcção não teria qualquer problema em homenagear alguém que fez parte do corpo dirigente do Sporting.

    Se o Sporting tivesse caído nas mãos de PPC o que seria feito do clube hoje?

     
  • At 3/3/15 14:29, Anonymous T3LLO said…

    Deviam era homenagear o Soares Dias,porque se não fosse este sr árbitro ,no domingo, era uma cabazada das antigas.
    Será que estes calimeros, já estão a contar com o P.Proença na chefia da APAF?

     
  • At 3/3/15 16:51, Anonymous Anónimo said…

    Ao Sporting até morrer,

    Esta direcção não teve problema nenhum em continuar a suportar as custas jurídicas do processo em que esse gangster envolveu o Sporting.
    Do mesmo modo que esta direcção aceitou que Beto, um ex-jogador do clube, medíocre mas sempre disposto a opinar palermices que lhe passam pela cabeça, continuasse a exercer um daqueles cargos que só servem para arranjar salário. Sendo que Beto trabalhava directamente com o gangster enquanto este passou pelo Sporting.
    Eu, se fosse o Sporting Até Morrer, seria um bocadinho mais prudente e não festejaria a detenção desse bandido. Ainda a processão vai no adro e olhe que pode vir a ter surpresas.

     
  • At 3/3/15 19:53, Anonymous Anónimo said…

    nao a mais nada a comentar no universo sportinguista ?????

     
  • At 3/3/15 22:49, Blogger Liondamaia said…

    Eu a pensar no significado de um ato político que envolve um sócio do carnide ( e que deve ter "trilhado" o galo-mor) e eis que surgem uns quantos sportinguistas a pegar em merdas de mal dizer, que não levam a lado nenhum....

     
  • At 3/3/15 22:53, Anonymous Anónimo said…

    Então o braço direito do anterior presidente do sporting mais o lider da Juve Leo são ladrões de residências e raptores e para o sporting está tudo OK. O que os sportinguistas tem que analisar é como é possivel ladrões e raptores chegarem a lugares de destaque neste clube leonino.

     
  • At 3/3/15 23:21, Blogger Sporting até morrer said…

    Faço minhas as palavras que o Mestre de Cerimónias escreveu no seu blogue:

    "Em relação a Paulo Pereira Cristóvão, já o escrevi no passado e volto a escrever: envergonha-me que já tenha sido dirigente no meu clube. No entanto, orgulha-me que o meu clube, através da pressão pública dos sócios e da própria direção de Godinho Lopes, tenha feito tudo para afastá-lo imediatamente da direção.

    Os nossos rivais gostam de arremessar o caso PPC/Cardinal para demonstrar que o Sporting não é o clube diferente que gostamos de apregoar. Estão enganados. Na realidade, Paulo Pereira Cristóvão é uma prova palpável de que marcamos a diferença pela positiva no futebol português.

    Qualquer clube está sujeito a ter gente desonesta na sua liderança - não há forma de sabermos a qualidade do melão antes de o abrirmos -, mas a diferença comprova-se pelo tipo de reação que temos no momento em que atos ilícitos são descobertos. Os sportinguistas nunca negaram aquilo que Paulo Pereira Cristóvão fez enquanto parte da direção do clube. Não invocamos expedientes burocráticos ou pseudo-morais ("as escutas são inadmissíveis em tribunal" ou "ele não escolheu um árbitro, simplesmente disse quais é que não queria e depois disse "pode ser" a um deles) para tentar mascarar a realidade dos factos.

    Benfiquistas e portistas, assimilem isto: foi uma questão de poucas semanas para Paulo Pereira Cristóvão sair do Sporting. Os outros têm burlões e corruptos a liderá-los, gente que foi apanhada a escolher árbitros para jogos e a desvirtuar a verdade desportiva de diversas formas e feitios, mas os seus sócios nunca mexeram uma palha para os tirar de lá. Pelo contrário, reelegem-nos consecutivamente com maiorias de votos completamente esclarecedoras. Percebem a diferença?

    Em relação às detenções noticiadas hoje, e partindo do pressuposto de que é verdade aquilo que o antigo vice-presidente do Sporting e o atual líder da Juve Leo são acusados, parece-me que:

    • O Sporting deve usar todos os meios ao seu alcance para que a Juve Leo - claque legalizada do clube - escolha um novo líder;

    • O Sporting não tem nada a ver com aquilo de que são acusados os cidadãos Paulo Pereira Cristóvão e Mustafa. Paulo Pereira Cristóvão deveria ser expulso de sócio por aquilo que fez enquanto vice-presidente do clube.

    http://oartistadodia.blogspot.pt/

     
  • At 4/3/15 05:17, Anonymous Anónimo said…

    pois pois o sporting nao tem nada a ver :-) lol pois pois !!

     
  • At 4/3/15 13:00, Anonymous Anónimo said…

    Só mesmo um artista é que podia dizer coisas dessas.

    O que eu queria que esta direcção esclarecesse - uma vez que da cambada de Godinho Lopes não se espera nada - é o seguinte:

    -É ou não verdade que o Sporting continuou a pagar os honorários de defesa de PPC a Rogério Alves, mesmo depois de PPC se ter demitido?

    -Porque é que havendo provas de que PPC criou empresas fictícias com testas-de-ferro para cobrar serviços ao Sporting, nunca o clube fez queixa disso, ficando apenas à espera das investigações policiais?

    -Porque é que Beto, indivíduo próximo de PPC, continuou a desempenhar um cargo no Sporting já na direcção de BdC, sabendo-se que era um cargo inútil apenas para o ter dentro do clube e lhe pagar salário?

    -Porque é que PPC não está no rol de pessoas das quais BdC quer punir por gestão danosa, mesmo sabendo-se que PPC no Sporting, mais do que gestão danosa, lesou o clube desviando dinheiro para si?

     
  • At 4/3/15 14:54, Blogger Sporting até morrer said…

    À primeira, segunda e quarta questões responderá a auditoria ainda em curso.

    A função que Beto desempenhou no Sporting, também Vitor Baía o faz no Porto.
    Era ou é um cargo meramente representativo e que distinque alguém com um forte passado ligado ao clube.

    Nao sei se Beto era muito ou pouco próximo de PPC, mas o que é que isso representa?

    Muito mais gente foi próxima de PPC na altura em que ele esteve no Sporting.

    E depois?

     
  • At 4/3/15 17:25, Anonymous Anónimo said…

    Comparar Beto com Vítor Baía... isso diz alguma coisa, de facto.

     
  • At 4/3/15 22:40, Blogger Gabriel said…

    Beto; eterna glória. Grande jogador.

     
  • At 4/3/15 23:54, Anonymous Anónimo said…

    Gabriel,

    Cuidado com essas ironias. Ainda alguém vai achar que estás a falar a sério.

     
  • At 5/3/15 14:24, Anonymous J.A.Ferreira said…

    Também Vitor Baía o faz no Porto.O Sr. sabe o que está a dizer? Já agora diga o que faz o V. Baía na Porto?

     
  • At 5/3/15 22:19, Anonymous Anónimo said…

    Mais um empate. Até mete nojo.

    fanático

     

Enviar um comentário

Sangue LEONINO

<< Home