"Tu vais vencer, Podes crer, Porque a nossa força é brutal. Mais de um século de histórias para contar. Sporting, tu nunca vais acabar" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

sexta-feira, agosto 01, 2014

Foi bom, temos equipa

Lion King
    Sangue LEONINO


3 comentários:

  • At 2/8/14 00:04, Anonymous Anónimo said…

    tas a sério ou é a gozar? que falta de talento! mt fraco mm

     
  • At 2/8/14 12:46, Blogger King Lion said…

    Sim acho que é a melhor conclusão que se tira,isto é,com muito trabalho vamos ter uma equipa.Fiquei satisfeito porque jogamos contra uma equipa cínica como é típico do futebol italiano.Reforço jogamos contra uma equipa não veio a Lisboa para jogar a feijões.

     
  • At 2/8/14 14:31, Blogger Sporting até morrer said…

    Numa única frase, gostei do que vi.

    Tendo em conta a condição física de alguns dos nossos jogadores, bem como do adversário, foi sem dúvida um jogo interessante pelos primeiros 20 minutos, onde os "veteranos" mostraram um cada vez maior entrosamento com bom futebol.
    Este bom futebol foi perdendo fulgor conforme se foram acabando as pilhas.
    O facto de Rojo jogar quando chegou das férias esta semana é sinónimo dessa natural perda de fulgor.
    Mas também foi um jogo muito interessante pelos 15/20 minutos finais, onde os "rookies" mostraram créditos para se baterem por um lugar na equipa com os habituais titulares.
    Se o jogo não foi ganho nos 90 minutos tal se deve precisamente à condição física, onde o único jogador que ainda não tem alternativa, Jefferson, comprometeu e cedeu o golo do empate, imerecido para os italianos e também para o defesa esquerdo que fez boa exibição.

    Quanto aos destaques, gostei bastante de André Martins, Carrillo, Adrien e mesmo Rojo.
    Maurício na 2ª parte foi xerife quando a confusão se instalou com as habituais substituições em série.
    William, a melhorar a sua forma física, mostrou a sua classe a espaços.
    Toda a equipa funcionou bem na 1ª parte, apesar da queda física ao longo do tempo.

    Na 2ª parte, destaque para Rosell (é reforço e está em todo o lado do campo), João Mário, Tanaka e Shikabala (quando não insistir em tentar fitar todos, será um caso sério). Mesmo terminando com um 11 onde só Jefferson e Patrício se mantinham face às escolhas iniciais, foi interessante ver algum entrosamento e bom futebol, uma surpresa.
    Uma última palavra para Slavchev que mostrou uma apetência rara para o golo e que me leva a crer que poderá muito bem fazer o lugar de Adrien em jogos onde temos que usar o abre latas, seja pelas alas, seja pelo centro do terreno.

    Resumindo, esta equipa promete e francamente não senti que a troca de treinador tenha afectado a equipa, bem pelo contrário. Ver Carrilo e André Martins a jogar assim e com maior regularidade leva-me a crer que estamos no bom caminho.
    Contando ainda com Slimani e Sarr, julgo que apenas nos faltará uma solução alternativa para defesa esquerdo para completar o plantel.
    Se mais ninguém sair, temos equipa e plantel para nos dar muitas alegrias esta época.


    Do lado da organização, destaque negativo para o facto de se anunciar a abertura de portas e maioria dos adeptos apenas ocupar o seu lugar já com a apresentação dos jogadores a decorrer ou já acabada...
    Será que estavam à espera de menos gente nesta apresentação por ser uma sexta-feira?
    Incompreensível como se abrem apenas algumas portas e bem para lá da hora anunciada de abertura de portas.

    Do lado positivo, a presença de 30.000 adeptos, entusiastas e a puxar pela sua equipa, em especial as claques que manifestaram os sue apoio durante todo o jogo, puxando por todo o estádio num apoio conjunto e que os jogadores sentiram e agradeceram.
    Também positiva, a presença de muita juventude como há muito não via em Alvalade.
    As férias ajudam e o tempo também.

    SL
    José

     

Enviar um comentário

Sangue LEONINO

<< Home