"O Mundo sabe que pelo teu amor, eu sou doente / Farei o meu melhor para te ver sempre na frente / Irei onde o coração me levar / E sem receio... farei...o que puder pelo meu Sporting" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

sábado, novembro 17, 2018

Um clube demasiado sui generis

Diga-se o que se disser, somos mesmo um clube demasiado sui generis. Pena é que essa característica que nos faz únicos também se manifeste pela negativa.

É, no mínimo, abjecto, desprezível e inconcebível que tenha havido gente que se diz sportinguista a tentar boicotar a subscrição do empréstimo obrigacionista do Sporting, vital para o futuro da nossa instituição. 

De facto, num clube como o nosso não há necessidade de intervenção externa por parte dos nossos rivais para nos prejudicarem. Os maiores inimigos do Sporting estão sempre cá dentro. Infelizmente. 

Espero sinceramente que a nação leonina tenha dois dedos de testa para perceber quem nos faz mal - fruto da sua soberba, arrogância e ressabiamento - e sobretudo que haja memória. Um clube sem memória jamais honrará a sua história e muito menos se protegerá de quem lhe deseja mal! 


Nuno M Almeida