"O Mundo sabe que pelo teu amor, eu sou doente / Farei o meu melhor para te ver sempre na frente / Irei onde o coração me levar / E sem receio... farei...o que puder pelo meu Sporting" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

quinta-feira, fevereiro 24, 2005

EXIBIÇÃO PERSONALIZADA!



Feyenoord, 1- SPORTING, 2

Uma grande noite europeia protagonizada pelo nosso clube num jogo muito atribulado, onde ficou plenamente "demonstrado" todo o fair-play dos adeptos holandeses.

Vi os leões a jogarem muito serenamente, em todo o terreno, ocupando bem os espaços, fazendo desmarcações constantes, enfim, vi todos os ingredientes para que o SPORTING mostrasse cabalmente aquilo que realmente vale.

A jogar sempre assim, com esta lucidez, classe e garra, tanto a presença na final da UEFA estaria garantida como a vitória na Superliga.

Não querendo destacar ninguém, não posso deixar de registar a exibição muito adulta do jovem João Moutinho, o killer-instinct de Liedson e um Rochemback em grande forma ( pena que esta temporada sé se veja a sua classe a espaços... ).

Agora venham os ingleses do Middlesbrough, que esta época ainda não perdemos em terras de Sua Majestade.

Uma provocaçãozinha: será que o jogo nos correu tão bem porque o Peseiro estava proibido de dar instruções para o banco? Venham a críticas a este comentário...
E já agora outra: adeus Benfica, é a vida, até para o ano!

Uma última nota: bem-vindo aos comentários na RTP, Rui Tovar!

Ficha de jogo:

Estádio de Kuip Árbitro: Florian Meyer (Alemanha)

FEYENOORD
Lodewijks; Zuiverloon (Lazovic, 71), Saidi, Gibbs e Bruno Basto (Ono, 46); Castelen, Hofs, Paauwe e Goor; Kalou e Kuijt
Treinador: Ruud Gullit

SPORTING
Ricardo; Rogério, Enakarhire, Hugo (Miguel Garcia, 74) e Rui Jorge; Rochemback, Carlos Martins (Douala, 74), Pedro Barbosa e João Moutinho; Liedson e Sá Pinto (Hugo Viana, 87)
Treinador: José Peseiro

Cartões amarelos: Hofs (59) Golos: Liedson (61), Rochemback (82) e Hofs (88)