"O Mundo sabe que pelo teu amor, eu sou doente / Farei o meu melhor para te ver sempre na frente / Irei onde o coração me levar / E sem receio... farei...o que puder pelo meu Sporting" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

terça-feira, novembro 27, 2007

Paulo Bento

Quando o Paulo Bento iniciou o seu percurso como treinador principal do Sporting, pegando numa equipa sem rumo, transformando-a numa equipa solida, fiz aqui comentários a ilugiar o seu trabalho e não me esqueço disso. Passados dois anos, o Paulo Bento continua à frente da equipa, e pesembora alguns momentos menos bons em que demonstrou uma falta de experiência, e por vezes tácticas questionáveis, acho que o balanço é positivo.

Acho que não podemos apontar tudo de mal ao Paulo Bento sem admitir o seu devido valor. Quem mais com a limitada experiência que o Bento tem teria feito melhor no Sporting durante este tempo nas mesmas condições? Não estamos a falar de um clube com as costas protegidas pela arbitragem como alguns outros e é preciso lembrar-nos disso.

Sim, o Bento tem defeitos, é lógico que sim, mas também tem as suas virtudes e não me vou esquecer disso só porque as coisas andam menos bem. A cultura de mudar de treinador sempre que há alguma dificuldade cria é um ambiente instável e não dá frutos a longo prazo; perguntem ao Ferguson ou ao Wenger se é ou não verdade.

O Bento, sem dinheiro, faz aquilo que pôde com aquilo que tem e não se lamenta. Turnou o Anderson Polga, um defesa que só em entrar em campo tremia incontrolávelmente, em possivelmente o melhor central a actuar em Portugal. Fez do Romagnoli, que não tinha nem condição física nem confiança ou concentração para jogar na Europa, um bom jogador muito influencial na manobra ofensiva do Sporting. Promoveu, e bem, o Moutinho a capitão. Promoveu, e bem, o tanto falado Veloso á primeira equipa, fazendo deste o jogador que é hoje.

Quando o Bento pegou na equipa do Sporting, que era um autentico caos, trouxe-lhe estabilidade, disciplina e vitórias. Ele não tem culpa de perder Nani (também lançado por Bento), Caneira e Tello, nem tem culpa de não haver dinheiro para grandes reforços. Se ele pudesse com certeza que comprava um avançado ao nível de Liedson para fazer uma dupla em condições... mas não há dinheiro e há que fazer o melhor possível com o pouco que temos. Quem diria que o Derlei se iria lesionar? Quem diria que o Pedro Silva e o Had se iriam lesionar?

O Paulo Bento tem defeitos como qualquer treinador e faz coisas menos boas, falhando até em certos momentos, mas também tem muito mérito e tem feito grandes coisas ao serviço do Sporting, clube que como profissional defende de unhas e dentes. Não podemos só sublinhar os momentos maus do Bento sem enaltecer os momentos bons. E os jogadores em toda esta história? Tal como estes têm mérito por aquilo de bom que têm feito, também há que admitir que por vezes não estiveram á altura do clube com a sua atitude passiva...algo que Bento tem lutado contra.

Pergunto de novo, quem teria feito melhor nas condições do Bento?

Luso