"O Mundo sabe que pelo teu amor, eu sou doente / Farei o meu melhor para te ver sempre na frente / Irei onde o coração me levar / E sem receio... farei...o que puder pelo meu Sporting" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

terça-feira, novembro 27, 2007

Peritos no... quase!



Manchester United, 2 - Sporting, 1

É demasiado frustrante mas estamos a tornar-nos especialistas no QUASE:

Quase empatávamos em Roma, não fora um golo absurdamente consentido;
Quase ganhávamos em Alvalade à Roma, não fora um auto-golo de Polga;
Quase empatávamos em Manchester... não fora um golo de um produto made in Alvalade no último minuto.

Desta noite salva-se a qualificação para a taça UEFA - um prémio de consolação que neste momento pouco sabor tem - e salva-se alguma melhoria na atitude da equipa: mais entrega ao jogo e outro discernimento na disputa dos lances.

Temos que ser realistas e reconhecer que o Sporting existiu enquanto o United pouco acelerou e quase nada procurou o golo. Aliás, o facto do Sporting ter tido mais posse de bola é sintomático. De qualquer forma o golo de Abel - meio cruzamento falhado, meio intencional - não deixa de ser meritório e um prémio à postura desinibida da nossa equipa.

Como ao intervalo Alex Ferguson achou que era tempo de parar com a brincadeira, colocou mais artilharia em campo - Giggs e Tevez - e pôs a equipa a jogar em quinta velocidade. O United veio para cima de nós, quase nunca conseguimos saír para o ataque, pelo que acabo por ver sem surpresa os ingleses a chegarem ao triunfo, com um ex-jogador leonino a ditar a nossa sentença, tal como fizera em Alvalade. Aliás, não sei se é sina nossa mas esta não é a primeira vez que vejo ex-jogadores da casa a lixarem-nos a vida (Cadete, Futre, Quaresma,Simão,...).

Fico com uma dúvida no lance em que Liedson marca aquele que seria o 0-2, porque sinceramente não me parece fora-de-jogo, mas enfim, prevaleceu a lei do mais forte, o tal que dispõe de um orçamento SÓ (!) 12 vezes superior ao nosso.

Leonino