"O Mundo sabe que pelo teu amor, eu sou doente / Farei o meu melhor para te ver sempre na frente / Irei onde o coração me levar / E sem receio... farei...o que puder pelo meu Sporting" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

sábado, dezembro 11, 2010

Falta de eficácia dita eliminação



V. Setúbal, 2 - Sporting, 1

Em noite de Taça de Portugal 100% verde e branca - onde uma vez mais a belíssima camisola Stromp esteve em campo - a primeira parte mostrou-nos uma clara disparidade de eficácia na finalização entre os homens de Manuel Fernandes e os de Paulo Sérgio. E isso fez toda a diferença. A velha questão da ineficácia tantas vezes fatal no início da época infelizmente reapareceu esta noite.

O Sporting foi mais rematador, desperdiçou várias ocasiões, por exemplo, entre os minutos 19 e 21, Postiga teve dois lances de muito perigo, andou perto do golo mas a sorte e a inspiração não foram as melhores.

Após o primeiro golo do Vitória, em lance de rápido contra-ataque, os jogadores leoninos ficaram claramente afectados e em pouco mais de 4 minutos já tínhamos encaixado dois golos. Pouca agressividade defensiva e muitas facilidades ditaram a desvantagem ao intervalo.

Na segunda parte mais posse de bola por parte do Sporting, mas com excepção do belo golo de Liedson aos 75 minutos, nada mais conseguimos pelo que o nosso Manel segue em frente com o seu Vitória, praticando um futebol muito simples mas eficaz, e nós ficamos arredados de poder lutar pela Taça.

Resta-nos tentar um lugar que nos dê acesso aos milhões da Champions, lutar pela Taça da Liga e fazer o melhor que se puder na Liga Europa. E SÓ AINDA estamos em Dezembro…

Estádio do Bonfim, Setúbal

Árbitro: Olegário Benquerença

V. SETÚBAL: Diego; Collin, Ricardo Silva, Valdomiro, Miguelito; Silva e Hugo Leal; Ney Santos, Neca, Pitbull; Jaílson.

Suplentes: Getúlio, Anderson do Ó, Zé Pedro, François, Zeca, Sassá e Henrique

SPORTING: Rui Patrício; João Pereira, Carriço, Polga e Evaldo (Vukcevic); Pedro Mendes, Maniche e André Santos; Valdés, Liedson e Postiga.

Suplentes não utilizados: Hildebrand, Torsiglieri, Saleiro, Yannick Djaló, Zapater, Vukcevic e Abel

Golos: 1-0 Ney, 2-0 Zeca, 2-1 Liedson

Leonino