"O Mundo sabe que pelo teu amor, eu sou doente / Farei o meu melhor para te ver sempre na frente / Irei onde o coração me levar / E sem receio... farei...o que puder pelo meu Sporting" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

segunda-feira, janeiro 31, 2011

Rumo ao abismo... e sem travões



No último dia de transferências do mercado de Janeiro perdemos o nosso melhor jogador dos últimos anos, e um verdadeiro símbolo para os adeptos.

Tentou-se contratar o angolano Djalma, tendo-se sabido há pouco que este recusou vir para Alvalade.

Fez-se uma proposta por Kléber e o presidente do Atlético Mineiro - quiçá com uma mãozinha do norte do nosso país - considerou a mesma 'ridícula'.

É este o Sporting Clube de Portugal dos dias de hoje: um clube pouco aliciante para jogadores que militam em equipas medianas, sem nenhum peso negocial no mercado, alvo de chacota e um clube que ainda se dá ao luxo de perder quem - apesar de tudo - será capaz de fazer a diferença.

Resta um reforço - Cristiano - vindo do mercado no qual ultimamente nos movemos com grande competência: o dos jogadores desempregados. Veja-se o belo exemplo chamado Hildebrand.

Ficamos dotados na frente de ataque do nosso plantel com um trio de luxo capaz de fazer inveja aos maiores da Europa futebolística: Postiga, Djaló e Saleiro. Verdadeiros herdeiros de Manuel Fernandes, Oliveira e Jordão.

Quero dar os meus parabéns a todos os brilhantes dirigentes que nos últimos anos têm passado por Alvalade e a quem tão competentemente está a dirigir o nosso futebol.

Rumo ao abismo... e sem travões.

Nuno M Almeida

(As propostas de José Eduardo…)