"O Mundo sabe que pelo teu amor, eu sou doente / Farei o meu melhor para te ver sempre na frente / Irei onde o coração me levar / E sem receio... farei...o que puder pelo meu Sporting" - osangueleonino.blogspot.com -

Sangue LEONINO

sexta-feira, março 18, 2011

Que capitão é este?



"O capitão reconhece que o burburinho provocado pelo período eleitoral pode ser positivo pois “retira pressão à equipa”, mas deixa transparecer que nem todas as ações de campanha passam ao lado do balneário. “Temos campeonato até ao final e a equipa tem de sentir-se magoada quando as pessoas fazem certas críticas. Cabe-nos demonstrar em campo que temos qualidade”, disse o central, de 22 anos, rebatendo a ideia, comungada por elementos de várias listas, de que o nível qualitativo do plantel leonino não corresponde aos pergaminhos do clube."

in Record

Eu gostaria de perguntar ao senhor Daniel Carriço se ele vê os resumos dos jogos do Sporting ou se por exemplo já olhou para a classificação? É de bradar aos céus que um jogador, capitão de um grande clube (sem saber como) tenha afirmações destas. Logo ele que é um jogador mediano que quiseram fazer de patrão. Ora se nem na defesa o é quanto mais de uma equipa com os pergaminhos do Sporting Clube de Portugal.

Daniel Carriço personifica o desnorte total a que o futebol Leonino está votado. Depois do erro Moutinho ( a quem deviam ter tirado a braçadeira imediatamente depois de ter pedido para sair para o Everton) cometem um erro igual ao promover Carriço a capitão.

Sei que ele foi figura de proa nas camadas jovens e quando apareceu na equipa principal prometia muito. Mas julgo estarmos perante isso mesmo uma promessa que vai ficando adiada. O próximo ano vai ser decisivo para este jogador dependendo tambem da capacidade do novo treinador saber (re)potenciar as capacidades de Carriço sabendo que não é rapido e perde demasiadas vezes duelos individuais tanto aéreos como no corpo a corpo. Julgo que este jogador vai ter que ganhar massa muscular e capacidade de posicionamento e perder aquela ansia com que ataca a bola e passar a ter mais calma e ponderação na analise dos lances. Julgo que uma boa medida será tambem retirar-lhe a braçadeira.

Quanto as declarações, é sintomatico, depois das sucessivas analises do ex-treinador , é notorio que falta exigencia na estrutura e que esta tem que ser elevada para outros niveis se quisermos bater-mos com os rivais.

PS- Ver os sorteio da taça UEFA de fora com equipas tão acessiveis e ter sido eliminado (mais uma vez) por um adversario fraquissimo é de doer o coração.

SL

Miguel Damas